Ageneridade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Agêneres.
Bandeira do orgulho ou da visibilidade agénero.

Agênero[1] ou ageneridade[2][3] é o estado, ou qualidade, de uma pessoa com uma identidade de gênero definida como "sem gênero", que tem uma ausência total do gênero em geral ou cuja identidade de gênero é nula.[4][5][6] Algumas pessoas usam as ageneridades para expressarem o não entendimento sobre o gênero ou a indiferença perante ele.[7]

O termo também pode ser usado para uma expressão de gênero que seja neutra, usado junto ou em alusão a androginia e epicena.[8] Mas neste caso, a aparência agênera, que é exterior, é separada da identitária, que é interior. Logo, até mesmo uma pessoa com um gênero binário pode classificar-se como de expressão agênera.[9]

Quando usada como identidade (e não como desidentidade[10]), pode ser vista como ou considerada uma não-binariedade, assim como a pangeneridade e a bigeneridade, sendo representado pelo preto na bandeira da visibilidade não-binária, sendo consequentemente uma transgeneridade, logo representada pela cor branca na bandeira transgênero.[11]

Indivíduos não-binários ou de terceiro-gênero que sentem ter gênero presente, ou absoluto, podem se identificar como maverique[12] ou neutrois.[13]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. «'No final, todas esperam que seu filho possa ser feliz', diz mãe de criança agênera de 11 anos». O Globo. 17 de maio de 2019. Consultado em 7 de janeiro de 2020 
  2. «Al margen del género binario». letraese (em espanhol). Consultado em 7 de janeiro de 2020 
  3. «A diferença dos estilos de roupa nos géneros». ESCS MAGAZINE. 8 de dezembro de 2015. Consultado em 7 de janeiro de 2020 
  4. Aftel, Chloe. «"Agender" - Os rostos de quem não se identifica como homem ou mulher». PÚBLICO. Consultado em 7 de janeiro de 2020 
  5. Papisova, Vera. «What It Means to Identify as Agender». Teen Vogue (em inglês). Consultado em 7 de janeiro de 2020 
  6. ligacaoteen (24 de outubro de 2019). «Você sabe o que é uma pessoa "Agênero"?». Portal Ligação Teen. Consultado em 7 de janeiro de 2020 
  7. «» Agênero». Consultado em 8 de janeiro de 2020 
  8. Portinari, Denise Berruezo; Coutinho, Fernada Ribeiro; Oliveira, Janara Morena da Silva de (22 de maio de 2018). «Moda agênero: uma proposta de moda que desconstrói as fronteiras de gênero?». dObra[s] – revista da Associação Brasileira de Estudos de Pesquisas em Moda. 11 (23): 140–156. ISSN 2358-0003. doi:10.26563/dobras.v11i23.715 
  9. «What does epicene mean?». www.definitions.net (em inglês). Consultado em 7 de janeiro de 2020 
  10. «✚ pisa mais! marcando o arouche como território de memória queer ✕ tfg 2018». Issuu (em inglês). Consultado em 7 de janeiro de 2020 
  11. ralatalo (7 de agosto de 2017). «Flags of the LGBTIQ Community». Global LGBT Human Rights (em inglês). Consultado em 7 de janeiro de 2020 
  12. «» Maverique». Consultado em 7 de janeiro de 2020 
  13. «What is Neutrois? | Neutrois.com». neutrois.com. Consultado em 7 de janeiro de 2020