Agente de software

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Em desenvolvimento de software, um agente de software é um programa de computador que pode operar autonomamente e efetuar tarefas singulares sem a direta supervisão humana. [1] [2] Num contexto geral duas comunidades científicas se destacam com trabalhos e pesquisas na área de agente de software. A comunidade da Inteligência Artificial Distribuída e a comunidade dos Sistemas Distribuídos. [3]

Visão geral[editar | editar código-fonte]

Como todo software, agentes são formalizações do conhecimento humano, codificadas em linguagem de computadores. Sem bons mecanismos de decisão, os agentes não serão bons tomadores de decisão e, consequentemente, delegar tarefas para eles não parece uma boa prática.[1]

Referências

  1. a b Lucena Néri, Edmilson (2005). «Agentes de software: delegando decisões a programas.» (PDF). RAE-eletrônica. 4 (1). Consultado em 17 de dezembro de 2017 
  2. HOFFMAN, D. L.; NOVAK, T.P. (1996). «Marketing in hyper- media computer- mediated environments: conceptual foundations». Journal of Marketing (em inglês). 60 (2): 50-68. Consultado em 17 de dezembro de 2017 
  3. Silva, Alberto; Delgado, José (1997). «Agentes de software: conceitos e tecnologias.» (PDF). Portugal. Anais do Terceiro Encontro Nacional do Colégio de Engenharia Electrotecnica. Ordem dos Engenheiros. Consultado em 17 de dezembro de 2017 
Ícone de esboço Este artigo sobre computação é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.