Agostinho da Piedade

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Agostinho da Piedade
Nascimento 1580
Alcobaça
Morte 1661 (81 anos)
Salvador
Cidadania Brasil
Ocupação escultor, religioso, monge

Frei Agostinho da Piedade, OSB (Alcobaça, 1580 - Salvador, 1661) foi um escultor português em atuação no Brasil no século XVII e também monge beneditino.[1][2]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Santo Amaro (século XVII). Obra de Agostinho da Piedade no Museu de Arte Sacra de São Paulo.

Ele nasceu em Portugal e veio muito cedo para o Brasil. Em Salvador, ingressou no Mosteiro de São Bento.[2] Passou grande parte de sua vida em um mosteiro da cidade de Santana de Parnaíba.

A maior parte de suas obras está no Museu de Arte Sacra da Universidade Federal da Bahia. A igreja Matriz de Santana de Parnaíba também abriga imagens de São Bento, Nossa Senhora do Rosário, Santa Gertrudes, Santa Escolástica, São Francisco de Paula e Nossa Senhora da Piedade de sua autoria.[2][3]

Esculturas[editar | editar código-fonte]

Sua obra é considerada a primeira manifestação de arte erudita no Brasil. São atribuídas a ele 30 imagens de santos, todas em barro cozido.[2][3]

Referências

  1. «Agostinho da Piedade». Enciclopédia Itaú Cultural. 25 de novembro de 2016. Consultado em 26 de julho de 2019 
  2. a b c d «PIEDADE, Frei Agostinho da». Dicionário de artistas do Brasil. Consultado em 18 de janeiro de 2019 
  3. a b Ana Cristina Nascimento Cardoso (25 de abril de 2014). «Agostinho da Piedade (Frei)». Dicionário Manuel Querino de arte na Bahia / Org. Luiz Alberto Ribeiro Freire, Maria Hermínia Oliveira Hernandez. Consultado em 26 de julho de 2019 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Alves, Marieta. Dicionário de artistas e artífices na Bahia. Salvador: Universidade Federal da Bahia, Centro Editorial e Didático, Núcleo de Publicações, 1976.
  • Rafael Schunk, Frei Agostinho de Jesus e as tradições da imaginária colonial brasileira, Séculos XVI – XVII, ISBN: 9788579834301
  • Dom Clemente Maria da Silva-nigra, Os Dois Escultores Frei Agostinho da Piedade - Frei Agostinho de Jesus
  • Ott, Carlos. Historia das Artes Plásticas na Bahia (1550-1900). Alfa Gráfica, Editora LTDA. Salvador. Volume II - escultura
  • Silva Nigra, Clemente Maria da. Os dois escultores: Frei agostinho da Piedade – Frei Agostinho de Jesus e o arquiteto Frei Macário de São João. [Salvador]: Universidade Federal da Bahia, 1971

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Agostinho da Piedade
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.