Ahmet Üzümcü

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
NoFonti.svg
Esta biografia de uma pessoa viva cita referências, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde abril de 2015). Ajude a inserir fontes confiáveis e independentes. Material controverso que esteja sem fontes deve ser imediatamente removido, especialmente se for de natureza difamatória.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ahmet Üzümcü
Ahmet Üzümcü
Dados pessoais
Nascimento 30 de agosto de 1951 (67 anos)
Armutlu, Turquia
Nacionalidade Turco

Ahmet Üzümcü (nascido em 30 de agosto de 1951) é um turco diplomata de carreira, diretor-geral da Organização para a Proibição de Armas Químicas (OPAQ). Graduou-se Departamento de Relações Exteriores Faculdade de Ciência Política da Universidade de Ancara.

Üzümcü foi cônsul no Consulado Geral em Aleppo, Síria e embaixador em Israel a partir de 28 de julho de 1999 a 30 de junho de 2002. Entre 2002 e 2004, atuou como Representante Permanente da Turquia à OTAN.

Üzümcü foi nomeado Representante Permanente da Turquia para o Escritório das Nações Unidas em Genebra em 2006, servindo no cargo até 2010.[1] Em 2008, tornou-se presidente da Conferência sobre o Desarmamento. Üzümcü recebeu um doutorado honorário por Realizações ao Longo da Vida em Controle de Armas e Desarmamento pela Escola Diplomática de Genebra, em 2010, antes de assumir sua posição na OPAQ. Em 2013, o Prêmio Nobel da Paz foi para a OPAQ, sob a direção de Ahmet Üzümcü.
Ahmet Üzümcü é casado com ISIL Üzümcü.

Referências

  1. «OPCW Director-General Ahmet Üzümcü». OPCW. 6 de setembro de 2010. Consultado em 4 de outubro de 2010 
Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Ahmet Üzümcü