Ahoy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Graffiti no muro de uma casa em Bratislava esboçando uma garota e a palavra Ahoj.

Ahoy ( /əˈhɔɪ/) é uma interjeição utilizada para sinalizar navios ou barcos derivada do grito em inglês médio, "Hoy!".[1] A chamada foi considerada ultrapassada, mas voltou a tornar-se mais comum com o aumento da popularidade dos esportes de barco à vela. A conotação de ahoi é utilizada como saudação, advertência ou forma de despedida. Na tradição alemão, ahoi é utilizado como saudação regional no período carnavalesco durante o entrudo.

A denominação marítima é semelhante em pronúncia e grafia em várias línguas. A palavra ahoj é comum na República Tcheca e na Eslováquia como saudação coloquial, enquanto que "Hoi" é usado no neerlandês moderno como uma saudação informal equivalente ao "oi" ou "ei" do português.

Nas linhas telefônicas dos Estados Unidos, o inventor Alexander Graham Bell propôs a utilização da palavra ahoy para iniciar uma conversa, mas a intenção não prevaleceu contra o hello (em português: oi, olá, alô) sugerido por Thomas Alva Edison.[2] [3]

Formas arcaicas e desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

"a, hoy, hoay"[editar | editar código-fonte]

Piers the Plowman, conduzindo bois, em um saltério do século XIV.

Ahoy é uma combinação do chamado hoy mais o som "a", presumidamente adicionado para chamar mais atenção para o grito. Hoy! era um chamado para conduzir o rebanho. O mais antigo exemplo é de William Langland no seu poema épico de 1393, Piers the Ploughman, a palavra aparece pela primeira vez no inglês médio: ' And holpen to erie þis half acre with 'hoy! troly! lolly! ',[4] que, traduzido grosseiramente para o inglês moderno seria: "And helped to plow this half acre with 'hoy! troly! lolly!" (em português: "E ajudaram a arar este meio acre com hoy! troly! lolly!).[5]

Marinheiros utilizam a palavra "hoy" na forma de "hoay". O poeta escocês William Falconer, autor de um dicionário náutico, escreveu em 1769: "Se o capitão pretende dar alguma ordem para as pessoas no topo do mastro principal, ele chama "mastro, hoay!", no qual eles respondem "Holloa!"".[6] Dois outros dicionários de 1805 ainda continham o chamado "hoay" e a resposta "holloa".[7] Ahoy não aparece.

Funcionalmente relacionado com "hoy" há um grupo de chamados e saudações com sonoridade similar nas línguas germânicas: no inglês médio e moderno "hey" e "hi"; no alemão e holandês "hei"; no sueco, hej[8] ; e no holandês a saudação "hoi".[9]

No russo antigo, "goy" era uma saudação padrão que ainda está presente nos contos de fadas folclóricos da Rússia.

Tcheco e Eslovaco[editar | editar código-fonte]

No tcheco e eslovaco, "Ahoj" é uma saudação informal comum, comparável ao "Olá". A expressão foi emprestada do inglês e tornou-se popular entre pessoas engajadas em esportes náuticos. Ela ganhou ampla aceitação desde a década de 1930.[1]

Embora a evidência histórica seja limitada, sabe-se que Vikings usavam o Rio Danúbio ("Dunaj", em eslovaco) para rotas de comércio, o que poderia levar a algumas especulações de que a palavra Ahoj pode ter uma origem mais antiga nas cidades da região ao longo da costa do rio.

Cultura popular[editar | editar código-fonte]

Um recente ressurgimento da popularidade do termo tem resultado de seu uso pelo personagem do seriado americano The Simpsons, Montgomery Burns, que muitas vezes atende o telefone com a saudação "Ahoy-hoy". O uso atual do extinto Ahoy-hoy, em vez do padrão "alô", é uma pequena piada referente a idade muito avançada do Mr. Burns.[10]

Referências

  1. a b Ahoy! World Wide Words (2010-09-11). Visitado em 2013-02-01.
  2. http://www2.cs.uh.edu/~klong/papers/hello.txt
  3. Online Etymology Dictionary Etymonline.com. Visitado em 2013-02-01.
  4. OED s.v. hoy int. The epos has three known variants A, B and C. The form hoy is taken from variant C; in A it is written as hey, in B as how. The dating is taken from OED
  5. The connection with similar passages ("hey" instead of "hoy") in two songs from the early 16th century is unclear. See Ray Siemens: Revisiting the Text of the Henry VIII Manuscript (BL Add Ms 31,922): An Extended Note. In: Early Modern Literary Studies 14.3 (2009) 3.1–36.
  6. William Falconer: An universal dictionary of the Marine. London 1769, s. v. Holloa, cited according to OED s. v. hoy int.
  7. J. J. Moore: The Midshipman’s Or British Mariner’s Vocabulary. London 1801 und Washington 1805, s.v. hoay. Charles James: A new and enlarged military dictionary. 2. Aufl. London 1805, s.v. hoay
  8. OED s.v. hey, hi
  9. Het Woordenboek der Nederlandsche Taal op Internet, s.v. hoi, verified on 19 November 2008
  10. The Simpsons Archive, Website com motor de busca, visitado em 18 de novembro de 2008