Akio Yokoyama

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Akio Yokoyama

Akio Yokoyama (横山 彰男, Yokoyama Akio?) (Tóquio, 1942; Belo Horizonte, 23 de março de 2012) foi um professor de caratê, um dos pioneiros da introdução desta arte marcial japonesa no Brasil com seu estilo Kenyu-ryu. Nascido em Tóquio no ano de 1942, chegou ao Brasil em 1965.[1] Recebeu o título de kancho, o que significa que o mestre passou a ser o responsável pela condução da entidade representante de seu estilo.[2]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido na capital japonesa em 1942, durante o transcorrer da Segunda Guerra Mundial, Akio Yokoyama cresce e mantém conctato com as artes marciais ainda na juventude. Graduou-se pela Universidade de Tenri em Ciências Contábeis. Nessa época recebeu o 4º dan de caratê e participava de várias competições, chegando a conseguir o título de campeão universitário. O jovem mestre migra para o Brasil em 1965, primeiro passa uma estada em São Paulo (capital), no bairro da Liberdade, por fim fixando-se em Minas Gerais.[3]

Com a chegado do mestre inicia de verdade a história do estilo Kenyu-ryu, eis que o jovem saiu de sua terra com a intenção de divulgar sua arte marcial para todos, não exclusivamente aos descendentes nipônicos. Fixou-se em Minas Gerais para conseguir uma colocação numa empresa de origem japonesa, a Usiminas.[4]

A despeito de ainda em 1965 o mestre buscar um espaço para ministrar suas aulas de caratê, mas ser recusado, conseguiu um espaço numa escola de judô, a Samuray's Gim, de onde sairia depois de dois anos, para fundar seu próprio espaço, chamado de "Clube Esportivo de Karate Tenri Dojo", localizado no centro de Belo Horizonte/MG, onde funionou por mais de 25 anos, e que, mais tarde, seria o embrião da Federação Mineira de caratê.[3]

Sensei Akio, até completar 70 anos, em fevereiro de 2012, ainda ministrava aulas e cursos para jovens e veteranos. Akio Yokoyama faleceu em 23/03/2012, em Belo Horizonte, Minas Gerais.

Referências

  1. «Precursores do Karate no Brasil». Consultado em 26.set.2011  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. «SHITO RYU SHUKOKAI KARATE‐DO UNION ARGENTINA» (PDF) (em espanhol). Consultado em 27.set.2011  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  3. a b «Kenyu-ryu do Japão ao Brasil». Consultado em 26.set.2011  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  4. «Vivencias Integrativas». Consultado em 26.set.2011  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
Karate icon.svg Este artigo sobre um(a) carateca, integrado ao Projeto Artes Marciais, é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.