Al Corey

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Al Corley
Nome completo Alford Corley
Nascimento 22 de maio de 1952 (65 anos)
Wichita
Nacionalidade  Estados Unidos
Ocupação ator, cantor, produtor
Atividade 1979-presente
Cônjuge Jessika Cardinahl (1989)
IMDb: (inglês)

Alford "Al" Corley (Wichita, 22 de maio de 1952) é um cantor dos anos 1980, ator e produtor estadunidense.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filho de um ferreiro, cresceu em Springfield, no Missouri; enquanto estudava atuação, trabalhou como porteiro no Studio 54; a atuação em peças e a busca por papéis em filmes o levaram para Los Angeles.[1]

Corey ficou logo conhecido como o primeiro ator a representar o personagem Steven Carrington na comédia de costumes Dinastia no começo da década de 1980, mas ele logo abandonou o papel; foi substituído por Jack Coleman e os autores do enredo justificaram a transformação graças a uma operação plástica.[1]

Em meados desta década ele viveu um romance com a cantora Carly Simon, bem mais velha que ele e recém-divorciada de James Taylor.[2] O relacionamento não deu certo porque Carly queria que ele continuasse a carreira de cantor, e ele queria ter filhos mas ela, com duas crianças ainda novas, não estava disposta.[1]

Ele teve uma relativamente bem sucedida e breve carreira de cantor e, depois, produtor teatral até que, junto a amigos, fundou a Neverland Films que, em 1992, produziu o filme Palmetto.[1]

Casado em 1989 com a também atriz alemã Jessika Cardinahl, com quem teve três filhos, sendo que a mais velha - Sophie - é portadora da debilitante síndrome de Wolf-Hirschhorn; as outras duas filhas são Ruby e Clyde.[1]

Sua amizade com Carly Simon continuou e, em 1997, ela compôs uma canção para Deadly Measures, outro filme de sua produtora.[1]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Televisão[editar | editar código-fonte]

  • Women at West Point (1979; filme para televisão)
  • And Baby Makes Six (1979; filme para televisão)
  • ABC Afterschool Specials]] (1979; 1 episódio)
  • The Women's Room (1980; filme para televisão)
  • The Love Boat (1980; 1 episódio)
  • Dynasty (1981–82; 35 episódios)
  • Bare Essence (1983; 2 episódios)
  • Dynasty: The Reunion (1991; mini-série)
  • Hamburger Gift (1992; filme para televisão)
  • A Kiss Goodnight (1994; filme para televisão)

Cinema[editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • Square Rooms (1984)
  • Riot of Color (1986)
  • The Big Picture (1988)

Referências

  1. a b c d e f Samantha Miller (22 de junho de 1998). «Rising Son». People. Consultado em 1 de novembro de 2016 
  2. Helen Brown (27 de maio de 2008). «Carly Simon: no secrets». The Telegraph. Consultado em 1 de novembro de 2016