Alan & Aladim

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Alan & Aladim
Informação geral
Origem Brasil
País  Brasil
Gênero(s) Sertanejo
Período em atividade 1976 - presente
Gravadora(s) CBS, Copacabana
Página oficial alanealladin.com.br/

Alan & Aladim é uma dupla sertaneja brasileira formada em 1976,[1] que atualmente conta com um novo cantor no lugar de Aladim.

Os membros da formação original eram Edmilson Fernades Machado, o Alan, nasceu em Ribeirão Preto (SP)[2] no ano de 1962.[1] e José Nascimento Cardoso, o Aladim,[1] [3] nasceu em Visconde do Rio Branco (MG)[2] no ano de 1956 e faleceu em 1992.[1] [3]

História[editar | editar código-fonte]

Formaram a dupla no ano de 1976, durante um concurso musical onde Aladim deu nota zero a Alan num concurso musical. Alan, antes da carreira artística, foi torneiro mecânico. Aladim teve outras duplas com outros parceiros antes de formar a dupla Alan e Aladim e tocou quatro anos com João Mineiro & Marciano.[1] Alan & Aladim gravaram o seu primeiro LP no ano de 1981, pela gravadora CBS/Sony Music com ajuda de Marciano (João Mineiro e Marciano).[4] Na época a CBS estava investindo na área sertaneja, contudo fecharam seu departamento sertanejo e eles ficaram sem gravadora.[4]

Mais uma vez Marciano os apoiou, levando a dupla para a Copacabana onde permaneceram até o último LP. Em seu 1º LP pela nova gravadora fizeram sucesso com a música "Parabéns Amor",[4] mesmo assim ficaram quase três anos sem gravar. Gravam mais três álbuns, sendo um no ano de 1987 que vendeu quase um milhão de cópias[1] e os consagrou em todo Brasil,[4] . O álbum de 1987 inclui a faixa "Liguei pra Dizer Que Te Amo", grande sucesso da dupla.[2] Um segundo no ano de 1989 que vendeu mais de 500 mil[1] repetindo o sucesso do disco anterior. Ainda em 1989, entraram na lista feita pela revista Trip chamada "os ídolos dos caminhoneiros".[5] Em 1991 lançaram o último álbum com a formação original. Este último teve como sucesso a canção "Remédio ou Veneno".[4] [2]

A formação original terminou em 1992, com o falecimento de Aladim, devido a complicações que ocorreram durante uma cirurgia.[3] [1] [4] [2]

Em 1996, formou novamente a dupla, onde a gravadora Copacabana fez uma seleção para encontrar um substituto que assumisse o nome artístico de Aladim, e o parceiro escolhido desta vez foi com Patrick (Zailton de Oliveira Dias), um cantor de músicas italianas nas noites de São Paulo, adotando Alan e Alladin (com l's dobrados e N' no final).[1] [4] [2] Patrick já havia lançado um disco em 1983.[2] Mais tarde Patrick deixou a dupla e formou a dupla chamada DJ Maluco e Aladim,[6] entretanto se reuniram novamente em 2012.[4] Durante esse tempo, os cantores que assumiram como Aladim foram Wesimar Assis Carvalho[7] e Arnaldo dos Reis, este último irmão da dupla Gian & Giovani.[8]

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • Alan e Aladim (1981)
  • Sem Amor e Sem Filhos (1982)
  • A Distância (1984)
  • Alan e Aladim (1987)
  • Alan e Aladim (1989)
  • Alan & Aladim (1991)
  • Allan e Alladim (1997)
  • Raízes Sertanejas (1998)
  • Sol e Lua (1999)
  • Alan & Aladim (2004)
  • Alan & Aladim Vol. 12 (2006)
  • Alan & Aladim Vol 13 (2010)
  • Alan & Aladin 25 Anos Vol 14 (2013)
  • Alan & Alladin – A mesma história – Ao Vivo (2014)

Referências

  1. a b c d e f g h i «Alan e Aladim - Dados Artísticos». Dicionário Cravo Albin da Música Popular Brasileira. Consultado em 27 de maio de 2013. 
  2. a b c d e f g «Alan & Alladin "Super Mix"». Sonobrás. Consultado em 28 de abril de 2014. 
  3. a b c G.P. (2 de novembro de 2010). «Curiosidade cerca túmulo de cantor». Mogi News. Consultado em 27 de maio de 2013. 
  4. a b c d e f g h Helder Maldonado (2012). «Juntos de Novo - Página 41 - Edição #147». Revista Sucesso. Consultado em 13 de abril de 2014. 
  5. Arthur Veríssimo (Novembro de 1989). «"Os Ídolos dos Caminhonheiros"». Trip. Consultado em 13 de abril de 2014. 
  6. «DJ Maluco e Aladim fazem o último show da Expobai 2011 neste domingo». Amambai Notícias. 11 de setembro de 2011. Consultado em 3 de maio de 2014. 
  7. Fernanda Martins (11 de julho de 2008). «Alan & Aladim lança 15º álbum». GCN. Consultado em 1 de maio de 2014. 
  8. Sandra Cristina Peripato. «Alan e Aladim: Biografia». Recanto Caipira. Consultado em 1 de maio de 2014. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Accordrelativo20060224.png Este artigo sobre um(a) músico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.