Alan Patrick

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Alan Patrick
Alan Patrick
Alan Patrick em 2018.
Informações pessoais
Nome completo Alan Patrick Lourenço
Data de nasc. 13 de maio de 1991 (28 anos)
Local de nasc. Catanduva (SP), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,77 m
Destro
Informações profissionais
Período em atividade 2009–presente (8 anos)
Clube atual Shakhtar Donetsk
Número 21
Posição Meia
Site oficial Sítio oficial
Clubes de juventude
2004–2009 Santos
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2009–2011
2011–
2013–2014
2015
2015–2016
Santos
Shakhtar Donetsk
Internacional (emp.)
Palmeiras (emp.)
Flamengo (emp.)
0040 0000(7)
0096 0000(9)
0052 0000(5)
0013 0000(1)
0076 000(15)
Seleção nacional3
2010
2011
Brasil Sub-19
Brasil Sub-20
0001 0000(1)
0005 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 18 de setembro de 2019.
3 Partidas e gols da seleção nacional estão atualizados
até 17 de agosto de 2011.

Alan Patrick Lourenço (Catanduva, 13 de maio de 1991), é um futebolista brasileiro que atua como meia. Atualmente joga pelo Shakhtar Donetsk.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Santos[editar | editar código-fonte]

Alan Patrick foi revelado nas categorias de base do Santos, chegou ao profissional em 2009, e fez 36 jogos pelo clube. No total, o meia, que chegou a ser considerado o substituto para uma eventual saída de Paulo Henrique Ganso, marcou sete gols, e ajudou o time nas conquistas do bicampeonato paulista (2010 e 2011), Copa do Brasil (2010), e a da Libertadores (em 2011).

Shakhtar Donetsk[editar | editar código-fonte]

Alan Patrick embarcou dia 23 de junho de 2011 para a Ucrânia, para assinar contrato com o novo clube, o Shakhtar Donetsk. O valor total da transferência foi de 4 milhões de euros, sendo que o Santos ficou com a metade. A outra foi dividida em 40% para o Grupo DIS e 10% para o jogador.[1]

Internacional[editar | editar código-fonte]

Alan Patrick no Internacional em 2014

No dia 2 de julho de 2013, Alan Patrick acertou sua volta para o Brasil, contratado por empréstimo pelo Sport Club Internacional. Em 2013, teve um ano muito apagado e com poucas chances com os técnicos Dunga e Clêmer, e em poucas vezes era relacionado para as partidas. Em 2014, com o técnico Abel Braga dando oportunidades e confiança ao jogador, que fez um belo campeonato Gaúcho, virando titular do time Colorado. Posteriormente, caiu de produção no segundo semestre e o Inter decidiu não renovar com o jogador, que retornaria ao Shakhtar em 2015. O Palmeiras, no entanto, entrou em acordo com o time ucraniano e acertou contrato de empréstimo por um ano com o meia.

Palmeiras[editar | editar código-fonte]

Em 19 de janeiro de 2015, Alan Patrick foi anunciado como jogador do Palmeiras por empréstimo de um ano, sendo o 13° reforço do clube para a temporada.[2] Fez sua estreia pelo clube em 25 de janeiro.[3] Sua estreia oficial ocorreu em 5 de fevereiro, numa partida contra a Ponte Preta, válida pelo Campeonato Paulista. Seu desempenho em campo pelo clube foi atrapalhado por lesões e, sem espaço, teve sua passagem pelo clube abreviada.

Alan Patrick até chegou a ser titular no Palmeiras durante a primeira fase do Campeonato Paulista de 2015, mas sofreu com seguidos problemas físicos e saiu do clube com treze partidas e um gol, marcado na sua estreia, em amistoso contra o Red Bull na pré-temporada.[5]

Como o Flamengo havia se interessado pelo atleta, a diretoria e o treinador Oswaldo de Oliveira resolveram por liberar sua ida ao clube do Rio de Janeiro, em junho de 2015, repassando seu contrato de empréstimo ao rubro-negro.[6] Juntamente com o lateral-direito Ayrton, ele foi negociado com o clube carioca como parte das negociações que trouxeram o atacante Alecsandro para o Palmeiras.[4]

Flamengo[editar | editar código-fonte]

No dia 11 de junho de 2015, o Flamengo anunciou a contratação do meia para a disputa do Campeonato Brasileiro.[7] O técnico Cristóvão Borges acredita que ele pode ser o novo camisa 10 do time. No dia 6 de julho, marcou seu primeiro gol com a camisa do Flamengo, porém não foi suficiente e o time perdeu para o Figueirense por 2x1. Seu segundo gol com a camisa rubro-negra foi um golaço. Ele abriu o placar da partida Flamengo 2 x 2 Santos, disputado no Maracanã, com um lindo chute de fora da área. Este gol foi eleito “a pintura” do final de semana, com 45,9% dos votos na enquete do programa “É Gol!!!”, do SporTV.[8] Seu terceiro gol com a camisa rubro-negra, marcado em uma cobrança de falta no ângulo do goleiro, também foi eleito “a pintura” da rodada (18a do Brasileirão 2015), com 50,9% dos votos na enquete do programa “É Gol!!!”, do SporTV.[9] Estes 2 gols concorreram ao gol mais bonito do mês e Agosto-2015, numa enquete do programa “É Gol!!!”, do SporTV. O gol marcado contra o Santos foi eleito "a pintura do mês" (recebendo 34,9% dos votos), e o de falta ficou na 3a colocação (com 24,36% dos votos).[10] No dia 2 de setembro, na partida em que o Fla venceu o Avaí por 3x0, na Arena das Dunas, e válida pela 21a rodada do Brasileirão, Alan Patrick fez uma partidaça, tendo papel fundamental em todos os gols. Primeiro, ele marcou o dele, de canhota, após se livrar do zagueiro. No 2o gol, deu um passe de calcanhar para Armero cruzar pro Kayke marcar. No 3o gol, ele deu um lindo passe em profundidade pro Kayke marcar seu 2o gol na partida.[11] Por conta desta atuação, ele foi eleito o Craque da 22a Rodada do Brasileirão 2015, segundo o SporTV.[12] Figurou também na Seleção da Rodada feita pelo jornal Lance!.[13] Fez mais uma excelente partida contra o Cruzeiro, pela 24a rodada do Brasileirão. Além de ter sido o melhor em campo (fez um gol) ainda deu um elástico para cima do lateral Pará, do Cruzeiro. Por conta desta atuação, ele foi eleito o "Craque da Rodada 24" e "O Cara da Rodada", ambos pelo jornal Lance!, além de ter sido "escalado" para a "Seleção da Rodada 24" pelo SporTV.[14][15][16][17][18]

Até a 24a rodada do Brasileirão, Alan Patrick figurava na Seleção do Brasileirão 2015 feita através das notas dadas a cada jogo do Campeonato pelo jornal Lance!.[19] No dia 27 de Outubro, Alan participou de uma festinha, com mais 4 jogadores do Flamengo, após o treino. Mesmo os 5 jogadores sustentando que não houve baderna, tratando-a como uma confraternização normal, a diretoria resolveu punir os jogadores, afastando-os do grupo principal e multando-os.[20][21] Por conta disso, Alan Patrick não participou da derrota do Fla diante do Grêmio, por 2x0. Porém, na partida seguinte, diante do Goiás, Alan Patrick voltou em grande estilo. Mesmo sendo vaiado quando da entrada em campo da equipe, e nos minutos iniciais do jogo (a cada vez que pegava na bola), Alan participou de 3 dos 4 gols rubro-negros (fez 2 e deu 1 passe), e ajudou a equipe a vencer o Goiás por 4x1, no Maracanã.[22] Após marcar o primeiro gol da partida, Alan caiu de joelhos no gramado do Maracanã e chorou copiosamente.[23] Sua atuação neste jogo, lhe rendeu a maior nota da rodada feita pelo GloboEsporte.com, e também a do Cartola FC.[22][24]

No início de 2016 Alan Patrick não começou bem o ano, ficando no banco do Flamengo para Mancuello, mais retornou ao time titular, no esquema de jogo que Muricy Ramalho implantou, colocando-o Alan e Mancuello como meias criativos, e já contra o Botafogo no dia 2 de Abril de 2016, em jogo válido pelo campeonato carioca, Alan Patrick marca um golaço colocando a bola no ângulo do goleiro Jefferson. Depois disso, Alan Patrick marcou outro golaço com a camisa do Flamengo, esses de falta, na derrota do Flamengo para o Fortaleza, em jogo válido pela Copa do Brasil no dia 18 de Maio de 2016. Voltou a balançar as redes na derrota de 2x1 para o Palmeiras, onde mandou uma bomba que bateu na trave e entrou, sem chances para o goleiro Fernando Prass evitar o golaço.[25] No dia 17 de novembro de 2016 foi selecionado para a lista dos 55 melhores jogadores da América, pela posição de meia direita.

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Em março de 2009, Alan Patrick defendeu a Seleção Brasileira Sub-18 na 9ª Copa Internacional do Mediterrâneo, em Barcelona (Espanha). No início de 2010, foi vice-campeão pelo selecionado Sub-20 no Torneio de Seleções, em Punta del Este (Uruguai). Em setembro do mesmo ano, sagrou-se campeão da 8ª Copa Sendai, no Japão, com a Seleção Brasileira Sub-19.[26] Pela Seleção Brasileira Sub-20, foi campeão do Sul-Americano Sub-20 de 2011 e do Mundial Sub-20 de 2011.

Estatísticas[editar | editar código-fonte]

Até 28 de janeiro de 2017.

Clubes[editar | editar código-fonte]

[27]

Clube Temporada Campeonato
nacional
Copa
nacional[a]
Competições
continentais[b]
Outros
torneios[c]
Total
Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist. Jogos Gols Assist.
Santos 2009 3 0 0 3 0 0
2010 18 4 0 0 0 0 4 1 0 22 5 0
2011 2 0 1 5 1 0 7 1 0 14 2 1
Total 23 4 1 0 0 0 5 1 0 11 2 0 39 7 1
Shakhtar Donetsk 2011–12 1 0 0 1 1 0 2 1 0
2012–13 4 1 0 2 0 0 0 0 0 0 0 0 6 1 0
Total 5 1 0 3 1 0 0 0 0 0 0 0 8 2 0
Internacional 2013 5 0 0 1 0 0 6 0 0
2014 24 2 4 5 0 1 2 0 0 15 3 1 46 5 6
Total 29 2 4 6 0 1 2 0 0 15 3 1 52 5 6
Palmeiras 2015 2 0 0 2 0 0 9 1 2 13 1 2
Total 2 0 0 2 0 0 0 0 0 9 1 2 13 1 2
Flamengo 2015 26 7 5 2 0 0 28 7 5
2016 28 4 5 3 1 0 4 2 0 13 1 1 48 8 6
Total 54 11 10 3 1 0 4 2 0 15 1 1 76 15 11
Shakhtar Donetsk 2016–17 0 0 0 0 0 0 3 0 0 3 0 0
Total 0 0 0 0 0 0 0 0 0 3 0 0 3 0 0
Total na carreira 113 18 15 14 2 1 11 3 0 53 6 4 191 29 20

Seleção Brasileira[editar | editar código-fonte]

Abaixo estão listados todos e jogos e gols do futebolista pela Seleção Brasileira, desde as categorias de base. Abaixo da tabela, clique em expandir para ver a lista detalhada dos jogos de acordo com a categoria selecionada.

Sub-19

Ano
Jogos Gols Assist. Média
2010 1 1 0 1
Total 1 1 0 1

Sub-20

Ano
Jogos Gols Assist. Média
2011 5 0 0 0
Total 5 0 0 0

Seleção Brasileira (total)

Ano
Jogos Gols Assist. Média
2010 1 1 0 1
2011 5 0 0 0
Total 6 1 0 0,16

Total[editar | editar código-fonte]

Ano
Jogos Gols Assist. Média
2009 3 0 0 0
2010 23 6 0 0,26
2011 20 3 1 0,15
2012 2 0 0 0
2013 11 1 0 0,09
2014 46 5 6 0,10
2015 41 8 7 0,19
2016 8 2 0 0
Total 156 25 14 0,15

Títulos[editar | editar código-fonte]

Santos
Shakhtar Donetsk
Internacional
Palmeiras
Seleção Brasileira

Artilharias[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Shakhtar contrata Alan Patrick, do Santos». Trivela. Consultado em 27 Junho de 2011 [ligação inativa]
  2. «Palmeiras assina com Alan Patrick, o 13º reforço para 2015». EsporteInterativo.com.br. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  3. «Dudu dá assistência e ajuda Palmeiras a vencer Red Bull Brasil em amistoso». esporte.uol.com.br. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  4. a b c «Sem espaço no Palmeiras, Alan Patrick renasce no Fla e reencontra Oswaldo». GloboEsporte.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  5. «Próximo do Flamengo, Alan Patrick não é relacionado pelo Palmeiras». ESPN.com.br. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  6. «Liberado pelo Palmeiras, Alan Patrick fica próximo de acerto com o Fla». Lancenet.com.br. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  7. «Fla confirma contratações, e Ayrton e Alan Patrick serão apresentados sexta». GloboEsporte.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  8. «Com golaço sobre o Santos, Alan Patrick tem a "pintura" da 16ª rodada». SporTV.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  9. «Alan Patrick acerta bela cobrança de falta e tem o gol mais bonito da rodada». SporTV.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  10. «Golaço de Alan Patrick contra o Santos é eleito a "pintura" do mês de agosto». SporTV.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  11. «Em noite de Kayke, Alan Patrick e P. Victor, Flamengo faz 3 a 0 em Natal e chega ao terceiro triunfo consecutivo no Brasileiro». GloboEsporte.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  12. «Armandão: Alan Patrick mostra talento de camisa 10 e é craque na rodada#22». SporTV.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  13. «Goleadas fazem Inter e Fla dominarem a seleção da rodada no L!». Lancenet.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  14. a b «Roger Flores elogia: "Alan Patrick foi mais uma vez o melhor em campo"». SporTV.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  15. «Pacotão do Fla: Pará vibrante, PV faz defesaça e novo abraço de Samir». GloboEsporte.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  16. «Atlético-MG se destaca na seleção da rodada, e Flamengo tem o craque». Lancenet.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  17. «Alan Patrick comanda o Fla rumo ao G4 e é eleito "O Cara da Rodada"». Lancenet.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  18. «Armandão: Luan, do Galo, marca de letra e é o craque da rodada#24». SporTV.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  19. «Atlético-MG domina a seleção do Brasileirão; Corinthians tem o craque». Lancenet.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  20. «Grupo é cobrado no Fla após festa, e Bandeira diz: "O futebol está agindo"». GloboEsporte.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  21. «Flamengo afasta Alan Patrick, Everton, Marcelo Cirino, Pará e Paulinho». GloboEsporte.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  22. a b «Armandão: meia Alan Patrick volta em grande estilo e é craque na rodada#34». SporTV.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  23. «"Bonde" fechado: solidariedade, choro e comemoração unida. Veja fotos». GloboEsporte.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  24. «Cartola FC: "esquecidos", Alan Patrick e Nenê brilham; Love decepciona». GloboEsporte.com. Consultado em 12 de novembro de 2015 
  25. «Brasileiro: Gols de Flamengo 1 x 2 Palmeiras». Consultado em 24 de julho de 2016 
  26. «Seleção Brasileira Sub-19 vence Copa Sendai do Japão». TribunadoCeara.com.br. 13 de setembro de 2010. Consultado em 13 de novembro de 2015. Arquivado do original em 17 de novembro de 2015 
  27. «Football: Alan Patrick» (em inglês). FootballDatabase.eu. Consultado em 13 de novembro de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]