Albert Russell

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Albert Russell
Nome completo Albert Lerche
Outros nomes Al Russell
Nascimento 2 de agosto de 1890
Nova Iorque, Nova Iorque, EUA
Nacionalidade Estados Unidos Norte-americana
Morte 4 de março de 1929
Los Angeles, Califórnia, EUA
Ocupação cineasta
ator de cinema
roteirista
Atividade 1912-1923
Cônjuge Vola Vale[1] (1918 - ?) (divorciados)

Albert Russell (2 de agosto de 1890 - 4 de março de 1929) foi um cineasta e ator de cinema estadunidense da era do cinema mudo, que dirigiu 18 filmes, além de atuar em 5 e escrever 5 roteiros, entre 1912 e 1923.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Cartaz do filme Double Danger, de 1920, estrelado por Hoot Gibson e dirigido por Albert Russell.

Irmão do ator William Russell, dedicou-se mais à direção cinematográfica. Albert nasceu em Nova Iorque, e começou sua carreira como ator, sendo seu primeiro filme o curta-metragem The Forest Rose, em 1912.[2] Em 1916, começou a escrever roteiros e em 1919, passou a dirigir filmes, sendo sua primeira direção (co-dirigindo com Jack Wells) o seriado The Lion Man, para a Universal Pictures, sob o crédito Al Russell.

Também co-roteirizou seriados tais como The Moon Riders, em 1920, e The White Horseman, que também dirigiu, em 1921, ambos para a Universal. Lone Fighter, para a Sunset Productions, em 1923, foi seu último filme.

Foi casado com a atriz Vola Vale.[3] Faleceu em 4 de março de 1929, duas semanas após a morte do irmão William Russell, que morrera em 18 de fevereiro, ambos por pneumonia.

Filmografia parcial[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Vola Vale no IMDB
  2. The Forest Rose no IMDB
  3. LOWE, Denise. An Encyclopedic Dictionary of Women in Early American Films: 1895-1930. New York: The Haworth Press, 2005. p. 1952.
  4. The Moon Riders no Silent era

Ligações externas[editar | editar código-fonte]