Alberto Barros dos Santos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Alberto
Informações pessoais
Nome completo Alberto Barros dos Santos
Data de nasc. 21 de janeiro de 1988 (31 anos)
Local de nasc. Teresina, Piauí, Brasil
Altura 1,77 m
Destro
Informações profissionais
Clube atual Brasil Esporte Clube São José
Número 5
Posição Volante
Clubes de juventude
2005 Brasil Ríver-PI
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2006–2008
2008
2009–2010
2010
2011–2012
2012
2013
2013
2013
2014
2014
2015–
Brasil Ríver
Brasil Náutico
Brasil Ferroviário
Brasil Guarany de Sobral
Brasil Cruzeiro-RS
Brasil Juventude
Brasil Cruzeiro-RS
Brasil Campinense
Brasil Guarany de Sobral
Brasil Novo Hamburgo
Brasil Santa Cruz
Brasil Remo Predefinição:Esporte Clube São José - RS


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 1 de dezembro de 2014.

Alberto Barros dos Santos, conhecido como Alberto (Teresina, 21 de janeiro de 1988), é um futebolista brasileiro que atua na posição de volante, atualmente defende o Esporte Clube São José.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Jogador foi revelado pelo Ríver, onde passou 3 temporadas e fez bons campeonato, ganhando o Piauiense 2007 e a Copa Piauí 2006. Após bons campeonatos pelo Ríver, foi contratado pelo Náutico, não foi bem e acabou saindo do clube pernambucano. Em 2009 fechou com o Ferroviário, segundo clube que tem as cores branco, vermelho e preto da sua carreira, passou duas temporadas no time cearense, passagem boa, que o levou ao Guarany para a disputa da Série D 2010, que levou o time ao título, 1° vez que trabalhou com o treinador Oliveira Canindé. Após bom campeonato fechou com o Cruzeiro-RS para disputar o Gauchão, depois de duas temporadas, continuou no Rio Grande do Sul mais não no Cruzeiro-RS , mas no Juventude,[1] não teve uma boa passagem e acabou voltando pro Cruzeiro-RS. Oliveira Canindé fechou com o Campinense e levou Alberto para o clube,[2] e mais um título, a heroica conquista da Copa do Nordeste 2013. No Paraibano péssima campanha do clube, o que acabou deixando o clube fora de todas as séries do brasileirão, com isso, fechou com o Guarany de Sobral[3] para a disputa da Série D, com uma campanha regular, foi chamado pelo Novo Hamburgo[4] para a disputa do Gauchão fez um excelente passagem, e foi chamado pelo Santa Cruz,[5] terceiro time com as cores branco, vermelho e preto de sua carreira, para a disputa da Série B, maior clube de toda sua carreira, maior desafio do jogador, o treinador, novamente Oliveira Canindé, tinha acabado de chegar no Tricolor do Arruda e trouxe seu jogador de confiança. Sua estreia pelo Santa Cruz foi na vitória contra o Ceará por 2x0 fora de casa pelo segundo turno da Série B de 2014.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Ríver-PI
Guarany de Sobral
Juventude
Campinense
Novo Hamburgo
Remo

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]