Albino Magaia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Albino Magaia
Nascimento 27 de fevereiro de 1947
Lourenço Marques
Morte 27 de março de 2010 (63 anos)
Nacionalidade Moçambique Moçambicano
Ocupação Escritor e jornalista

Albino Fragoso Francisco Magaia (Lourenço Marques, 27 de Fevereiro de 1947 - 27 de Março de 2010) foi um jornalista, poeta e escritor moçambicano.

Na sua juventude, foi membro do Núcleo dos Estudantes Secundários Africanos de Moçambique (NESAM).

Foi director do semanário Tempo e secretário-geral da Associação dos Escritores Moçambicanos.

Obras publicadas[editar | editar código-fonte]

  • Assim no tempo derrubado. Maputo, Instituto Nacional do Livro e do Disco, 1982. (poesia)[1]
  • Yô Mabalane!. Maputo, Cadernos Tempo, 1983. (novela)
    • Prefácio de Gilberto Matusse.
  • Malungate. Maputo, Associação dos Escritores Moçambicanos, 1987. Colecção Karingana. (novela)

Fontes[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Notas

  1. Recensão crítica de Pires Laranjeira na Revista Colóquio/Letras, n.º 77, de Janeiro de 1984.