Alda do Espírito Santo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Alda do Espírito Santo
Nome completo Alda Neves da Graça do Espírito Santo
Nascimento 30 de abril de 1926
São Tomé e Príncipe
Morte 9 de março de 2010 (84 anos)
Nacionalidade São Tomé e Príncipe São tomense
Ocupação Escritora e poetisa
Magnum opus O relógio do tempo

Alda Neves da Graça do Espírito Santo (São Tomé e Príncipe 30 de abril de 1926 - 9 de Março de 2010), conhecida como Alda do Espírito Santo, foi uma escritora e poetisa de língua portuguesa.

Quando São Tomé e Príncipe conseguiu a independência de Portugal em 1975, ela ocupou vários altos cargos no governo como; Ministra da Educação e Cultura, Ministra da Informação e Cultura, Presidente da Assembleia Nacional e Secretária-Geral da União Nacional de Escritores e Artistas de São Tomé e Príncipe.

Ela é também autora da letra do hino nacional, Independência total.

É autora dos livros de poemas “O Jogral das Ilhas”, de 1976, e “É nosso o solo sagrado da terra”, de 1978.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Mataram o rio da minha cidade (2003)
  • Cantos do solo sagrado (2006)
  • O coral das ilhas (2006)
  • Mensagens do solo sagrado (2006)
  • Mensagens do canto do Ossobó (2008)
  • Tempo universal (2008)
  • O relógio do tempo (2008)