Alessandro Felipe Oltramari

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Alessandro
Informações pessoais
Nome completo Alessandro Felipe Oltramari
Data de nasc. 30 de março de 1988 (30 anos)
Local de nasc. Cascavel (PR),  Brasil
Altura 1,91 m
Destro[1]
Informações profissionais
Clube atual Sem clube
Posição Goleiro
Clubes de juventude
2006
2007
20082009
Brasil RS Futebol
Brasil Fluminense
Brasil Grêmio
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2009
20102015
2014
2016
2016
Brasil Grêmio
Brasil Vasco da Gama
Brasil Náutico (emp.)
Brasil Aimoré
Irã Saipa
0000 0000(0)
0029 0000(0)
0030 0000(0)
0008 0000(0)
0009 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 2 de novembro de 2016.

Alessandro Felipe Oltramari, mais conhecido como Alessandro (Cascavel, 30 de Março de 1988), é um futebolista brasileiro que atua como goleiro. Atualmente, está sem clube.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Início[editar | editar código-fonte]

Começou a carreira no RS Futebol, clube que forma atletas do Rio Grande do Sul. Em 2007, acertou sua ida para o Fluminense e foi um dos destaques na Copa São Paulo de Futebol Júnior daquele ano. Entretanto, o clube carioca decidiu não renovar com o goleiro. Depois do clube carioca, o jogador se transferiu para o Avelino, da Itália, antes de ir para o Grêmio, clube no qual ficou entre 2008 e 2009. No Tricolor gaúcho, também não teve chances, pois o time contava com o goleiro Victor constantemente convocado para a Seleção Brasileira e era então considerado o terceiro goleiro, por isso atuava no Grêmio B. Mas quando Rodrigo Caetano foi para o Vasco, indicou o goleiro Alessandro ao clube cruzmaltino.[2]

Vasco da Gama[editar | editar código-fonte]

Contratado pelo Vasco em 2010, teve poucas chances de atuar pois Fernando Prass ídolo do clube era absoluto na posição e disputava todos os jogos oficiais do time. Sua primeira partida oficial com a camisa do Vasco foi em fevereiro de 2012. Após Fernando Prass sofrer um corte no joelho na partida contra o Duque de Caxias, Alessandro teve sua primeira oportunidade de defender o clube e saiu vitorioso, o Vasco venceu o Bangu por 3x1.[3] No início de 2013, Fernando Prass acertou sua saída do clube, abrindo espaço para Alessandro. Mas o Vasco contratou o experiente goleiro Michel Alves cotado para ser o titular na meta vascaína. No entanto, o escolhido para iniciar as partidas como titular pelo técnico Gaúcho foi Alessandro. Começou bem, mas algumas atuações abaixo da média, como a da derrota para o Botafogo por 3X0, onde falhou em um dos gols e ainda foi expulso, o fizeram perder a posição de titular.[4]

Náutico[editar | editar código-fonte]

Em 2014 foi emprestado ao Náutico por uma temporada.[5] Recebeu a oportunidade de jogar no início do ano e não a desperdiçou, sendo o goleiro titular do Timbú. Também se tornou um goleiro de confiança para a torcida do Náutico após boas atuações.[6]Mas Alessandro perdeu a vaga de titular após a chegada do experiente goleiro Júlio César, vindo do Corinthians.

Retorno ao Vasco[editar | editar código-fonte]

No início de 2015, seu empréstimo com o Timbu acabou e Alessandro retornou a equipe cruzmaltina, mas treinando em separado. Em agosto de 2015, o goleiro foi reintegrado ao elenco principal. O goleiro, que fazia atividades separadas há algum tempo, voltou a trabalhar com o grupo.[7]

Aimoré[editar | editar código-fonte]

Em dezembro de 2015, após uma semana de negociações, o departamento de futebol do Aimoré confirmou a sua contratação para a disputa do Campeonato Gaúcho.[8]

Futebol iraniano[editar | editar código-fonte]

Em julho de 2016, Alessandro acertou sua ida para o futebol iraniano, onde defenderá na temporada 2016-17 o Saipa.[9]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Vasco da Gama

Referências