Alessandro Stradella

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Alessandro Stradella
Nascimento 3 de julho de 1643
Bolonha
Morte 25 de fevereiro de 1682 (38 anos)
Gênova
Ocupação compositor, cantor
Movimento estético Música barroca
Causa da morte facada

Antonio Alessandro Boncompagno Stradella[1] (Bolonha, 3 de julho de 1643[1]Génova, 25 de fevereiro de 1682) foi um cantor, professor de canto, violinista e compositor italiano. Foi assassinado em Gênova por razões obscuras, no segundo atentado contra sua vida. O primeiro fora em 1677, após seu complicado casamento com Agnese, aluna com quem fugira e cujo ex-amante encomendou o crime, causando um incidente internacional. Durante o caso, Stradella continuou a promover suas músicas, passando a receber encomendas da nobreza.

Compôs suas melhores obras num tempo curto, entre elas 170 cantatas, várias óperas e a primeira peça apontada como um concerto grosso.[2]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Carlo Vitali. «Stradella, bolognese per caso. Nuovi documenti biografici». www.lesalonmusical.it (em italiano). Consultado em 10 de setembro de 2018. 
  2. «Alessandro Stradella | Italian composer». Encyclopedia Britannica (em inglês) 
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) compositor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.