Alessio Figalli

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Alessio Figalli
Nascimento 2 de abril de 1984 (34 anos)
Roma
Nacionalidade Italiano
Alma mater Escola Normal Superior de Pisa, Escola Normal Superior de Lyon
Prêmios Medalha Fields (2018)
Orientador(es) Luigi Ambrosio, Cédric Villani
Instituições Universidade do Texas em Austin
Campo(s) Matemática
Tese 2007: Optimal Transportation and Action-Minimizing Measures

Alessio Figalli (Roma, 2 de abril de 1984) é um matemático italiano. Seu campo principal de trabalho é cálculo de variações e equações diferenciais parciais.

Em 2012 foi laureado com o Prêmio EMS.[1]

Foi palestrante convidado do Congresso Internacional de Matemáticos em Seul (2014: Quantitative stability results for the Brunn-Minkowski inequality). Recebeu a Medalha Stampacchia de 2015.

Em 2018 recebeu a Medalha Fields.[2]

Referências

  1. «6th European Congress of Mathematics» (PDF). European mathematical Society. Consultado em 1 de setembro de 2013. 
  2. «Italiano vince medaglia Fields, come Nobel matematica - Scienza & Tecnica». ANSA.it (em italiano). 1 de agosto de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Artur Ávila, Manjul Bhargava,
Martin Hairer e Maryam Mirzakhani
Medalha Fields
2018
com Caucher Birkar,
Peter Scholze e Akshay Venkatesh
Sucedido por


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) matemático(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.