Alexander Gerasimov

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Alexander Gerasimov
Nascimento 12 de agosto de 1881
Morte 23 de julho de 1963 (81 anos)
Moscou
Sepultamento Cemitério Novodevichy
Cidadania Império Russo, Rússia bolchevique, União Soviética
Alma mater Escola de Pintura, Escultura e Arquitetura de Moscou
Ocupação pintor
Prêmios Prêmio Stalin, Ordem de Lenin, Ordem da Bandeira Vermelha do Trabalho, Medalha de "Mérito de Trabalho da Grande Guerra Patriótica 1941-1945", Artista do Povo da União Soviética, Artista Honorário da República Socialista Federativa Soviética da Rússia

Alexander Mikhailovich Gerasimov (12 de agosto de 1881 – 23 de julho de 1963), em russo: Александр Михайлович Герасимов , foi um pintor russo

Desde 1925, tornou-se um membro da Associação de Artistas da Rússia Revolucionária. Suas pinturas a partir deste período são os principais episódios da Revolução de Outubro, sendo os mais conhecidos: Lenin na tribuna (de 1930) e Depois da chuva (1935).[1]

Entre 1947 e 1957, Gerasimov é o chefe da União dos Artistas da URSS e da Academia de Belas Artes da União Soviética; ele tornou-se um dos principais defensores do realismo socialista na arte e será especialmente conhecido por seus retratos de Josef Stalin (de quem ele foi o pintor favorito) e outros líderes soviéticos.[2]

Ele ganhou quatro Prêmio Stalin, entre eles o Prêmio Stalin de primeiro grau em 1941 por Stalin e Voroshilov no Kremlin (1938), em 1943 por o Hino de Outubro (1942) e, em 1946, por Retrato de um grupo de artistas dos mais velhos (1944).[1][2]

Ele morreu em Moscou e foi enterrado no cemitério de Novodevitchi.

Referências

  1. a b «ГЕРАСИМОВ • Большая российская энциклопедия - электронная версия». bigenc.ru. Consultado em 25 de junho de 2018 
  2. a b Universalis‎, Encyclopædia. «ALEXANDRE MIKHAÏLOVITCH GUERASSIMOV». Encyclopædia Universalis (em francês). Consultado em 25 de junho de 2018