Alexander William Williamson

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Alexander William Williamson
Conhecido(a) por Síntese de Williamson
Nascimento 1 de maio de 1824
Londres
Morte 6 de maio de 1904 (80 anos)
Surrey
Nacionalidade Inglaterra Britânico
Prêmios Medalha Real (1862)
Orientador(es) Leopold Gmelin e Justus von Liebig
Campo(s) Química

Alexander William Williamson (Londres, 1 de maio de 1824Surrey, 6 de maio de 1904) foi um químico inglês.

Era cego de um olho e tinha um braço paralisado.[1]

História da química[editar | editar código-fonte]

Williamson descobriu uma nova forma de produzir éter etílico [1]. Até então, éter era produzido através da desidratação do etanol com ácido sulfúrico.

Ao tentar confirmar uma ideia de Charles Frédéric Gerhardt e sintetizar o n-butanol, ele reagiu etanolato de potássio (o sal de potássio do etanol) com iodeto de etila, obtendo éter dietílico (e não n-butanol).[1]

Esta reação (íon alcóxido + haleto de alquila primário -> sal + éter) se chama síntese de Williamson.[2]

Referências

  1. a b c The Composition and Structure of Ether
  2. Boyd, Robert W.; Morrison, Robert (1992). Organic chemistry. Englewood Cliffs, N.J: Prentice Hall. pp. 241–242. ISBN 0-13-643669-2 


Precedido por
James Joseph Sylvester e William Benjamin Carpenter
Medalha Real
1862
com John Thomas Romney Robinson
Sucedido por
John Peter Gassiot e Miles Joseph Berkeley


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) químico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.