Alexandra Lucas Coelho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Alexandra Lucas Coelho
Nascimento 1967
Lisboa, Portugal,  Portugal
Nacionalidade  Portugal
Alma mater Universidade Nova de Lisboa
Principais trabalhos Orlando e o Rinoceronte
Prémios Grande Prémio de Romance e Novela APE/DGLB (2012)

Alexandra Lucas Coelho (Lisboa, 1967) é uma jornalista e escritora portuguesa[1][2]. Ela é jornalista desde 1987.[3]

Estudou teatro no IFICT. Formada em Ciências da Comunicação pela Universidade Nova de Lisboa, trabalhou como correspondente do jornal Público, tendo viajado pelo Oriente Médio e Ásia Central. A experiência foi retratada em seus primeiros livros, os relatos de viagem Oriente Próximo e Caderno Afegão[4].

Publicou em 2012 o seu primeiro romance, E a noite roda[5].

Viveu em Jerusalém e no Rio de Janeiro de 2011 a 2014.[6]

Trabalho no Oriente Médio[editar | editar código-fonte]

Em 2001 Coelho começou a viajar regularmente para o Oriente Médio e Ásia Central, e entre 2005 e 2006 passou seis meses em Jerusalém como correspondente estrangeira do Público. Estas experiências foram a base dos seus primeiros dois livros, Oriente Próximo e Caderno Afegão. Viva México, publicado em 2010, cobre a viagem dela pelo México.[7]

Alexandra Lucas Coelho também deu uma contribuição para a conservação da cultura do Oriente Médio. Em maio de 2015, acompanhou uma equipe de arqueólogos ao norte do Iraque para resgatar artefatos da Mesopotâmia, ameaçados de serem destruídos pelo Estado Islâmico, conhecido como ISIS. Esta expedição ocorreu na campo de batalha do território do ISIS nas antigas ruínas de Palmira, Patrimônio Mundial da UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura), em Síria. A campanha do ISIS culminou com a destruição dos monumentos milenares de Palmira, e também com a captura e decapitação do arqueólogo chefe nesta área, Khaled al-Asaad. Coelho escreve sobre sua experiência na divisão curda e jihadista no ensaio “Saving Mesopotamia" que foi traduzido pelo Jethro Soutar, um escritor inglês e tradutor de espanhol e português[8].

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Orlando e o Rinoceronte, 2017, Alfaguara
  • Deus-dará, 2016, Tinta da China
  • O Meu Amante de Domingo, 2014, Tinta da China
  • Vai Brasil, 2013, Tinta da China
  • E a Noite Roda, 2012, Tinta da China - Grande Prémio de Romance e Novela APE/DGLB
  • Tahrir!, 2011, Tinta da China
  • Viva México, 2010, Tinta da China
  • Caderno Afegão, 2009, Tinta da China
  • Oriente Próximo, 2007, Relógio D`Água

Prémios e Distinções[editar | editar código-fonte]

  • Grande Prémio de Romance e Novela APE/ Direcção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas - 2012[9]

Referências

  1. Comunidade de Leitores com Alexandra Lucas Coelho. Centro Cultural Belém
  2. Entrevista Alexandra Lucas Coelho, escritora portuguesa. Rota das Letras – Festival Literário de Macau
  3. «Alexandra Lucas Coelho». Granta Magazine (em inglês) 
  4. Alexandra Lucas Coelho, jornalista e escritora. Projeto Terceira Metade
  5. «E a Noite Roda», de Alexandra Lucas Coelho. TSF, 14 de março de 2012
  6. Revista Blimunda n.º 22 (março de 2014), pág. 5.
  7. «Alexandra Lucas Coelho». And Other Stories Publishing (em inglês). Consultado em 30 de março de 2018 
  8. «Saving Mesopotamia». Granta Magazine (em inglês). 14 de outubro de 2015 
  9. Associação Portuguesa de Escritores. «Grande Prémio de Romance e Novela APE/DGLAB». Consultado em 3 de Abril de 2014 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.