Alexandre Louzada

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Alexandre Louzada
Nome completo Alexandre de Mendonça Louzada
Nascimento 15 de dezembro de 1957 (59 anos)
Niterói,  Rio de Janeiro
Residência Rio de Janeiro,  Rio de Janeiro
Nacionalidade brasileiro
Ocupação Carnavalesco
Principais trabalhos Mangueira
Vila Isabel
Beija-Flor
Vai-Vai
Mocidade

Alexandre de Mendonça Louzada, mais conhecido como Alexandre Louzada (Niterói, 15 de Dezembro de 1957) é um carnavalesco brasileiro. Em 2011, ganhou os carnavais do Rio e São Paulo e em 2017 tornou-se o único carnavalesco campeão do carnaval carioca em quatro escolas de samba diferentes. Atualmente é um dos mais requisitados carnavalescos.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Iniciou sua trajetória na Portela. Em seguida, teve passagens pela Cabuçu, Cubango, Rocinha, Camisa Verde e Branco, Inocentes de Belford Roxo, Unidos da Ponte, Caprichosos, Estácio, Mangueira, onde conquistou seu primeiro título no Grupo Especial com o enredo Chico Buarque da Mangueira. Trabalhou também na Grande Rio, União da Ilha, Porto da Pedra e Vila Isabel. Na última conquistou onde no carnaval 2006, com o enredo Soy loco por ti, América - A Vila canta a latinidade, patrocinado pela estatal PDVSA.

Com o convite de Laíla, Alexandre Louzada foi para a Beija-Flor de Nilópolis. Lá, já no primeiro ano, foi campeão com o enredo Áfricas: do Berço Real à Corte Brasiliana, tema de sua autoria. No carnaval 2008, foi campeão mais uma vez. O enredo em questão fora Macabapá: Equinócio Solar, viagem fantástica ao meio do mundo. Em 2011, foi o grande campeão do carnaval, pois conquistou o título pela Vai-Vai, em São Paulo, e pela Beija-Flor (enredo sobre o Rei Roberto Carlos)[1]. Desligou-se da agremiação de Nilópolis no ano seguinte mesmo após ter conquistado três títulos[2]. Começou a ser disputado por Mangueira, Imperatriz e Mocidade. Assim que foi oficialmente divulgada sua saída da Beija-Flor, foi convidado a ser carnavalesco da Mocidade. Além disso, Louzada também esteve como carnavalesco da Viradouro e permaneceu na Vai-Vai em 2012[3].

Em 2013, continuou como carnavalesco da Mocidade Independente de Padre Miguel, desenvolvendo o enredo sobre o Rock in Rio. Além disso, continuou no Carnaval de São Paulo, desenvolvendo projetos pela Império de Casa Verde[4]. Após o resultado ruim com a Mocidade em 2013, Louzada em comum acordo, deixou a escola, e retornou a Portela[5].

Em 2015, retornou a Vai-Vai[6], onde voltou a ganhar novamente o Carnaval paulistano e permaneceu na Portela, apresentando um enredo sobre os 450 anos do Rio de Janeiro. Em 2016, Louzada retorna a Mocidade. Dessa vez, ele dividirá a função com Edson Pereira[7]. Se transferiu no Carnaval Paulista, dessa vez para Vila Maria[8] e também atuará em Macapá, pela Piratas da Batucada[9][10].

Desfiles assinados por Alexandre Louzada[editar | editar código-fonte]

Ano Escola Colocação Divisão Enredo
1985 Portela 4º lugar 1-A Recordar é viver
1986 Portela 4º lugar 1-A Morfeu no Carnaval, a Utopia brasileira
1987 União da Ilha 9º lugar 1-A Extra! Extra!
1988 Cabuçu 13º lugar 1-A O Mundo Mágico dos Trapalhões
1989 Cubango 4º lugar 1-C Dançada
1990 Caprichosos 13º lugar Especial Com a boca no mundo
Unidos da Ponte 3º lugar 1 Robauto... Uma ova
1991 Caprichosos 10º lugar Especial Terceiro milênio, em busca do juízo afinal
1992 Caprichosos 11º lugar Especial Brasil feito à mão - Do barro ao carnaval
Unidos da Ponte Vice-Campeã A Da cor do pecado
1993 Grande Rio 9º lugar Especial No mundo da lua
1994 Estácio 13º lugar Especial S.A.A.R.A… A Estácio chegou no lê lê lê de Alalaô
1995 Camisa Verde e Branco 3º lugar Especial Do Palco ao Asfalto - O Resumo da Ópera
Rocinha 4º lugar A Sem medo de ser feliz
1996 Caprichosos 15º lugar Especial Samba, sabor e Chocolate
1997 Grande Rio 10º lugar Especial Madeira-Mamoré, a volta dos que não foram… Lá no Guaporé
1998 Mangueira Campeã Especial Chico Buarque da Mangueira
1999 Mangueira 7º lugar Especial O Século do Samba
Cubango 8º lugar A Tempero, Uma Pitada na História
2000 Mangueira 7º lugar Especial Dom Obá II - Rei dos esfarrapados, príncipe do povo
Inocentes 5º lugar A Petrópolis - Roxo de Amor por Você
2001 Portela 9º lugar Especial Querer é Poder
Inocentes 11º lugar A Região dos Lagos - A Inocentes é folia na terra do sol e do sal
2002 Portela 8º lugar Especial Amazonas, esse desconhecido! (Delírios e verdades do Eldorado Verde)
2003 Portela 8º lugar Especial Ontem, hoje, sempre Cinelândia - O samba entre em cena na Broadway brasileira
2004 Porto da Pedra 11º lugar Especial Sou Tigre, sou Porto, da pedra à internet - mensageiro da história da vida do leva-e-traz
2005 Porto da Pedra 7º lugar Especial Carnaval - Festa Profana
2006 Vila Isabel Campeã Especial Soy loco por ti, America: a Vila canta a latinidade
2007 Beija-Flor Campeã Especial Áfricas: do berço real à corte brasiliana
Cubango 7º lugar A De fio a fio na Real, pa-ra-lá, pa-ra-alí - Paracambi
2008 Beija-Flor Campeã Especial Macapaba: Equinócio Solar, Viagens Fantásticas ao meio do mundo
2009 Beija-Flor Vice-Campeã Especial No chuveiro da alegria, quem banha o corpo, lava a alma na folia
São Clemente 4º lugar A O Beijo Moleque da São Clemente
Unidos do Herval 3º lugar Joaçaba O papel do papel
2010 Beija-Flor 3º lugar Especial Brilhante ao Sol do Novo Mundo, Brasília: do Sonho à Realidade, a Capital da Esperança
União de Jacarepaguá 5º lugar RJ-1 Da Morada da Esperança ao Grande Palco do Sambista, Somos Todos Iguais Nesta Noite, Somos Todos Artistas
2011 Beija-Flor Campeã Especial A Simplicidade de um Rei
Vai-Vai A Música Venceu
União de Jacarepaguá 6º lugar B Feijoada – mistura e tempero, da cor do samba, sabor brasileiro
2012 Mocidade 9º lugar Especial Por Ti, Portinari, Rompendo a Tela, a Realidade
Vai-Vai 3º lugar Mulheres que brilham
Viradouro 5º lugar Acesso A Vida Como Ela é, Bonita mas Ordinária... Assim falou Nelson Rodrigues
2013 Mocidade 11º lugar Especial Eu vou de Mocidade com Samba e Rock in Rio, por um mundo melhor
Império de Casa Verde 5º lugar Pra todo mal a cura...quem canta seus males espanta!
2014 Portela 3º lugar Especial Rio, de mar a mar. Do Valongo à glória de São Sebastião
Império de Casa Verde 8º lugar Sustentabilidade: Construindo um mundo novo
2015 Vai-Vai Campeã Especial Simplesmente Elis - A Fábula de Uma Voz na Transversal do Tempo
Portela 5º lugar Especial ImaginaRio, 450 janeiros de uma cidade surreal
2016 Mocidade 10º lugar Especial O Brasil de La Mancha - Sou Miguel, Padre Miguel. Sou Cervantes, Sou Quixote Cavaleiro, Pixote Brasileiro.
Vila Maria 5° lugar A Vila mais famosa é a mais bela, Ilha bela da fantasia
Piratas da Batucada Não desfilou Terra do Nunca
2017 Mocidade Campeã Especial As mil e uma noites de uma 'Mocidade' pra lá de Marrakech
Vai-Vai 3º lugar Especial No Xirê do Anhembi, a Oxum mais bonita surgiu... Menininha, mãe da Bahia - Ialorixá do Brasil
2018 Mocidade Especial Namastê... a estrela que habita em mim, saúda a que existe em você
Vai-Vai Especial Sambar com fé eu vou

Referências

  1. Terra (9 de março de 2011). «Alexandre Louzada leva títulos do Carnaval 2011 em SP e RJ». Consultado em 2 de agosto de 2015 
  2. UOL (10 de março de 2011). «"Não fiz nada no barracão porque ele não deixou", diz carnavalesco sobre diretor de harmonia da Beija-Flor». 21h00. Consultado em 2 de agosto de 2015 
  3. «Alexandre Louzada em dose dupla em 2012». Simone Fernandes, para o Tudo de Samba. Consultado em 22 de Agosto de 2015. Cópia arquivada em 3 de Abril de 2012 
  4. Raul Machado, para o SRZD-Carnaval/SP. «Alexandre Louzada é o novo carnavalesco da Império de Casa Verde». Consultado em 17 de março de 2012 
  5. SRZD-Carnaval (26 de fevereiro de 2013). «Primeira mão: Alexandre Louzada é confirmado na Portela para 2014». 14:50. Consultado em 26 de fevereiro de 2013 
  6. «Exclusivo: Louzada assinará desfile da Vai-Vai em 2015». 13h57. 5 de junho de 2014. Consultado em 26 de fevereiro de 2015 
  7. SRZD-Carnaval. «Alexandre Louzada e Edson Pereira juntos na Mocidade». Consultado em 26 de fevereiro de 2015 
  8. SASP (27 de março de 2015). «Louzada chega na Unidos de Vila Maria». Consultado em 29 de março de 2015 
  9. Alcilene Cavalcante (17 de abril de 2015). «Piratas vem de Louzada. E azôtras?». Consultado em 2 de agosto de 2015 
  10. G1 (10 de abril de 2015). «'Piratão' lança enredo para o Carnaval 2016 e apresenta novo carnavalesco». Consultado em 2 de agosto de 2015