Alexandre Luiz Giordano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Giordano
Giordano
Senador por São Paulo
Período 31 de março de 2021
até a atualidade
Dados pessoais
Nome completo Alexandre Luiz Giordano
Nascimento 26 de junho de 1973 (48 anos)
São Paulo, SP
Nacionalidade Brasileiro
Progenitores Mãe: Maria Pereira Giordano
Partido PV (2005-2016)
PSDB (2016-2018)
PSL (2018-2021)
MDB (2021-presente)
Profissão Político e empresário

Alexandre Luiz Giordano (São Paulo, 26 de junho de 1973) é um empresário e político brasileiro, filiado ao Movimento Democrático Brasileiro (MDB).[1][2] Atualmente, é Senador pelo estado de São Paulo.[3]

Vida política[editar | editar código-fonte]

Resumo de primeiro discurso de Giordano no Senado, ao assumir o cargo.

Eleito em 2018 primeiro suplente de senador na chapa de Major Olímpio (titular)[4] e Marcos Pontes (segundo suplente). Com a morte de Olímpio, assumiu o cargo em 31 de março de 2021[5].

Giordano toma posse como Senador.

Em agosto de 2021, Alexandre Giordano filiou-se ao MDB.[2], antes disso, fez parte do Partido Social Liberal (PSL) e do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB).[6]

Giordano foi apontado como peça chave do acordo entre Brasil e Paraguai para a venda da energia paraguaia excedente da Usina Hidrelétrica de Itaipu à empresa Léros.[7][8][9][10][11] Esta crise quase levou a um processo de Impeachment no Paraguai do então presidente do país.[12][13]

Referências

  1. «Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais Giordano». divulgacandcontas.tse.jus.br. Consultado em 18 de março de 2021 
  2. a b «Alexandre Giordano, ex-camelô que assumiu vaga no Senado no lugar de Major Olimpio, diz que não é lobista e anuncia mudança de partido». www.msn.com. Consultado em 13 de agosto de 2021 
  3. «Senador Giordano - Senado Federal». www25.senado.leg.br. Consultado em 6 de abril de 2021 
  4. «Senador Major Olimpio - Senado Federal». www25.senado.leg.br. Consultado em 18 de março de 2021 
  5. «Tribuna do Norte - Alexandre Giordano (PSL), suplente de Major Olímpio, toma posse no Senado». www.tribunadonorte.com.br. Consultado em 2 de abril de 2021 
  6. «Divulgação de Candidaturas e Contas Eleitorais». divulgacandcontas.tse.jus.br. Consultado em 19 de março de 2021 
  7. «Ostentador e "vendedor de fumaça": conheça o suplente de Major Olímpio». Exame. 5 de outubro de 2019. Consultado em 18 de março de 2021 
  8. «Quem é Alexandre Luiz Giordano, suplente do senador Major Olímpio». Época. 22 de agosto de 2019. Consultado em 18 de março de 2021 
  9. André Barrocal (26 de agosto de 2019). «Alexandre Giordano, do caso Itaipu, esteve no Planalto em fevereiro». CartaCapital. Consultado em 18 de março de 2021 
  10. «Paraguaio diz que suplente do PSL usou o nome de Bolsonaro para acordo da Itaipu». Poder360. 2 de outubro de 2019. Consultado em 18 de março de 2021 
  11. «Major Olímpio estava em Assunção no "Dia D" da negociação que resultou no escândalo do "ItaipuGate" – Sportlight». Consultado em 18 de março de 2021 
  12. «Suplente de Major Olímpio pede cargo e providencia posse no Senado». Crusoé. Consultado em 26 de março de 2021 
  13. «Suplente de Major Olímpio é peça chave no escândalo de Itaipu que pode levar a impeachment de presidente do Paraguai». Revista Fórum. 4 de agosto de 2019. Consultado em 7 de abril de 2021