Alexandre do Nascimento

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Alexandre do Nascimento, O.P.
Cardeal da Santa Igreja Romana
Arcebispo emérito de Luanda
Hierarquia
Papa Francisco
Atividade Eclesiástica
Ordem Ordem dos Pregadores
Diocese Arquidiocese de Luanda
Nomeação 16 de fevereiro de 1986
Predecessor Dom Eduardo André Muaca
Sucessor Dom Damião António Franklin
Mandato 1986 - 2001
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 20 de dezembro de 1952
por Dom Luigi Traglia
Nomeação episcopal 10 de agosto de 1975
Ordenação episcopal 31 de agosto de 1975
por Dom Giovanni De Andrea
Nomeado arcebispo 3 de fevereiro de 1977
Cardinalato
Criação 2 de fevereiro de 1983
por Papa João Paulo II
Ordem Cardeal-presbítero
Título São Marcos em Agro Laurentino
Brasão
Coat of arms of Alexandre do Nascimento.svg
Lema TURRES FORTISSIMA NOMEN DOMINI
Dados pessoais
Nascimento Malange
1 de março de 1925 (92 anos)
Nacionalidade angolano
dados em catholic-hierarchy.org
Cardeais
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Alexandre do Nascimento GCC (Malange, 1 de Março de 1925) é um cardeal católico angolano.

Biografía[editar | editar código-fonte]

Foi ordenado padre em 1952. Logo depois, tornou-se professor de Teologia Dogmática no Seminário Maior de Luanda. Quando começou a guerra civil angolana, em 1961, exilou-se em Lisboa, de onde voltaria dez anos depois.

Foi ordenado bispo em 31 de Agosto de 1975, na Diocese de Malanje. Em 1977, foi nomeado Arcebispo de Lubango, sendo elevado a cardeal em 2 de Fevereiro de 1983 pelo Papa João Paulo II. Durante esse período, serviu como administrador apostólico da Diocese de Ondjiva, de 1977 a 1986.

Foi arcebispo de Luanda de 16 de Fevereiro de 1986 a 23 de janeiro de 2001, quando resignou-se. Atualmente é arcebispo-emérito da mesma arquidiocese. No último conclave, para a escolha do Papa Bento XVI, participou como cardeal não-votante, já que tinha mais de 80 anos na época.

Foi, também, presidente da Conferência Episcopal de Angola e São Tomé, entre 1990 e 1997. Em 1982, foi feito refém por guerrilheiros, sendo libertado dois dias depois.

Em 5 de junho de 2015 ingressou na Ordem dos Dominicanos.[1]

Homenagens[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Cardeal Alexandre ingressa para as fraternidades sacerdotais dos Dominicanos». Rádio Ecclesia. 5 de junho de 2015. Consultado em 11 de setembro de 2015 
  2. «Presidente condecorou Cardeal D. Alexandre do Nascimento». Presidência da República Portuguesa. 19 de julho de 2010. Consultado em 11 de setembro de 2015. Arquivado do original em 3 de março de 2016 
  3. «Cidadãos Estrangeiros Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Alexandre Nascimento". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 19 de março de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Precedido por
Eduardo André Muaca
Brasão episcopal
Bispo de Malange

1975-1977
Sucedido por
Eugénio Salessu
Precedido por
Eurico Dias Nogueira
Brasão arquiepiscopal
Arcebispo de Lubango

1977-1986
Sucedido por
Manuel Franklin da Costa
Precedido por
Emile Biayenda
Brasão cardinalício
Cardeal-presbítero de
'São Marcos em Agro Laurentino'

1983-atualidade
Sucedido por
Precedido por
Eduardo André Muaca
Brasão cardinalício
Cardeal-Arcebispo de Luanda

1986-2001
Sucedido por
Damião António Franklin
Ícone de esboço Este artigo sobre Episcopado (bispos, arcebispos, cardeais) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.