Alfred Baudrillart

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Alfred Henri Marie Baudrillart
Cardeal da Santa Igreja Romana
Reitor do Instituto Católico de Paris
Atividade eclesiástica
Congregação Congregação do Oratório
Diocese Arquidiocese de Paris
Nomeação 29 de julho de 1921
Ordenação e nomeação
Ordenação presbiteral 9 de julho de 1893
Nomeação episcopal 29 de julho de 1921
Ordenação episcopal 28 de outubro de 1922
por Dom Louis-Ernest Cardeal Dubois
Nomeado arcebispo 12 de abril de 1928
Cardinalato
Criação 16 de dezembro de 1935
por Papa Pio XI
Ordem Cardeal-presbítero
Título São Bernardo nas Termas Dioclecianas
Dados pessoais
Nascimento Paris
6 de janeiro de 1859
Morte Paris
19 de maio de 1942 (83 anos)
Nacionalidade francês
Progenitores Mãe: Marie Sacy
Pai: Henri Baudrillart
dados em catholic-hierarchy.org
Cardeais
Categoria:Hierarquia católica
Projeto Catolicismo

Alfred Henri Marie Cardeal Baudrillart CO (6 de janeiro de 185919 de maio de 1942) foi prelado católico francês, elevado ao cardinalato em 1935.

Recebeu o Prêmio Gobert em 1891, 1899 e 1901.[1]

Vida[editar | editar código-fonte]

Baudrillart era filho de Henri Baudrillart e Marie Sacy; seu avô era Samuel Ustazade de Sacy. Em 1868, entrou para a École Bossuet e, mais tarde, mudou-se para o Lycée Louis-le-Grand. Em 1876, optou pela carreira clerical e, em 1890, entrou no Oratório de São Filipe Néri. Estudou filosofia e teologia católica em Paris.

Em 9 de julho de 1893, ele foi ordenado presbítero e, em seguida, tornou-se membro do corpo docente do Instituto Católico de Paris, onde serviu, de 1907 a 1942, como reitor. Em 1905, fundou a revista Revue practique d'apologetique. Em 1906, foi feito cônego do cabido de Paris, prelado da Casa Pontifícia em 1907, vigário-geral de Paris em 1908. Em 1918, ele foi eleito membro da Académie Française.

Em 1921, o Papa Bento XV o nomeou o bispo titular de Hemeria. Recebeu a sagração episcopal das mãos do arcebispo de Paris, Louis-Ernest Cardeal Dubois em 28 de outubro de 1921; Os co-consagrantes foram o bispo de Orleães, Stanislas-Arthur-Xavier Touchet, e o bispo de Châlons, Joseph-Marie Tissier .

Em 1925, o Papa Pio XI fê-lo assistente ao trono papal e, em 1928, promoveu-o a arcebispo titular de Melitene. Em 1935, o pontífice o elevou ao cardinalato, como cardeal-presbítero de São Bernardo nas Termas Dioclecianas. Ele participou do conclave de 1939. Alfred Baudrillart morreu em 19 de maio de 1942, em Paris, e foi enterrado na Igreja de São José do Carmes.

Referências[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Alfred Baudrillart

Precedido por
Achille Locatelli
Cardeal-Presbítero de São Bernardo nas Termas Dioclecianas
19351942
Sucedido por
Clemens August von Galen
Precedido por
Augustin Marre, OCSO
Arcebispo Titular de Melitene
19281935
Sucedido por
Pierre-Florent-André du Bois de la Villerabel
Precedido por
Giovanni Andrea Masera
Bispo Titular de Hemeria
19211928
Sucedido por
Patrick Collier
  1. «Grand Prix Gobert | Académie française». www.academie-francaise.fr. Consultado em 24 de maio de 2021