Ali Mohammed Ghedi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Ali Mohammed Ghedi, no centro

Ali Mohammed Ghedi (nascido em 1952) é cirurgião-veterinário e político da União Africana. Ele era relativamente desconhecido nos círculos políticos, até que ele fosse designado como primeiro-ministro da Somália, em novembro de 2004.

Ghedi anunciou ao parlamento, a 29 de Outubro de 2007, a sua decisão em deixar o cargo devido a desentendimentos com o Presidente Abdullahi Yusuf Ahmed.[1][2]

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências

  1. "Somali prime minister resigns", Al Jazeera, October 29, 2007.
  2. "Somali prime minister steps down", BBC News, October 29, 2007.