Ali Qushji

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Observatório de Ulugh Beg

Ala al-Dīn Ali ibn Muhammed (1403 - 16 de dezembro de 1474), conhecido como Ali Qushji (língua turco-persa: علی قوشچی, kuşçu - falcoeiro em turco;[1] latim: Ali Kushgii) foi um astrônomo, matemático e físico originalmente de Samarcanda, que se estabeleceu no Império Otomano por volta de 1472.[2] Como discípulo de Ulugh Beg, ele é mais conhecido pelo desenvolvimento da física astronômica independente da filosofia natural e por fornecer evidência empírica para a rotação da Terra em seu tratado, Sobre a Suposta Dependência da Astronomia na Filosofia. Além de suas contribuições para a famosa obra Zij-i-Sultani de Ulugh Beg e para a fundação de Sahn-ı Seman Medrese, um dos primeiros centros para o estudo de várias ciências islâmicas tradicionais no califado otomano, Ali Kuşçu também foi o autor de várias obras científicas e livros didáticos sobre astronomia.[3]

Referências

  1. Vlahakis, George (2006), Imperialism and science: social impact and interaction, ISBN 978-1-85109-673-2, ABC-CLIO, p. 75 
  2. Imber, Colin (1997), Ebu's-suůd: the Islamic legal tradition, ISBN 978-0-7486-0767-9, Edinburgh University Press, p. 9 
  3. Ágoston, Gábor; Masters, Bruce Alan (2009), Encyclopedia of the Ottoman Empire, ISBN 978-0-8160-6259-1, Infobase Publishing, p. 35 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um astrônomo/astrónomo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.