Almeida Corrigida Fiel

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção necessita de referências de fontes secundárias fiáveis publicadas por terceiros (desde março de 2015).
Por favor, melhore-o, incluindo referências mais apropriadas vindas de fontes fiáveis e independentes.
Fontes primárias, ou que possuem conflito de interesse geralmente não são suficientes para se escrever um artigo em uma enciclopédia.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde março de 2015). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Almeida Corrigida Fiel
Nome: Edição Corrigida e Revisada Fiel ao Texto Original
Abreviação: ACF
Publicação da Bíblia completa: 1994
Tipo de tradução: Formal
Editora: Sociedade Bíblica Trinitariana do Brasil
Afiliação religiosa: Evangélica conservadora
Gênesis 1:1-3
"No princípio criou Deus os céus e a terra. Era a terra sem forma e vazia; e havia trevas sobre a face do abismo; e o Espírito de Deus se movia sobre a face das águas. E disse Deus: Haja luz; e houve luz."
João 3:16
"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna."
Texto Recebido (Textus Receptus) do Novo Testamento, compilado por Erasmo de Rotterdam e utilizado na tradução Corrigida Fiel.
Texto Massorético do Antigo Testamento utilizado na tradução Corrigida Fiel.

A Bíblia Almeida Corrigida Fiel (ACF) é uma tradução para a língua portuguesa baseada na versão de João Ferreira Annes d'Almeida. A tradução Corrigida Fiel usou como base a Almeida Revista e Corrigida e tem a característica de basear-se exclusivamente no Texto Recebido (Textus Receptus) grego para o Novo Testamento e no Texto Massorético hebraico para o Antigo Testamento,[1] que foram praticamente os mesmos textos usados por Almeida.

O método de tradução utilizado é a equivalência formal, que procura manter as classes gramaticais do original para a tradução: um verbo traduzido por um verbo, um substantivo por um substantivo, e assim em diante. Palavras adicionadas à tradução sem estarem presentes no texto original, com o objetivo de aumentar a clareza, são marcadas em itálico.

A postura oficial da Sociedade Bíblica Trinitariana brasileira, que produziu e publica esta tradução, é defendê-la como a tradução mais fiel em língua portuguesa aos textos que ela considera mais fidedignos aos originais[2] advindo assim o termo "Fiel". Já a Sociedade Bíblica Trinitariana de língua inglesa (Trinitarian Bible Society), por sua vez, defende a versão da Bíblia King James como a mais fiel aos textos originais, sendo associada ao King-James-Only Movement internacional .[3]

A Almeida Corrigida Fiel foi publicada em 1994 e lançada uma revisão em 2007. No ano de 2011 uma nova edição foi publicada em consonância com o Novo Acordo Ortográfico que passou a vigorar nos países pertencentes à Comunidade dos Países de Língua Portuguesa. Introdução à Edição Almeida Corrigida Fiel (ACF)

A BÍBLIA SAGRADA, em Português, é resultado de mais de 350 anos de esforços dedicados, desde quando João Ferreira de Almeida começou o seu trabalho de tradução. Jovem inteligente, Almeida nasceu em Torre de Tavares, Portugal, no ano de 1628. Aos catorze anos ele já estava na cidade de Batávia (hoje Jacarta, capital da Indonésia). Um dia recebeu um folheto escrito na língua espanhola que o levou ao encontro pessoal com Deus, como "Nicodemos - Saulo de Tarso". Logo começou a pregar nas Igrejas Reformadas Holandesas (a maior parte do povo, a quem ele ministrava, falava português, pois só fazia um ano que Portugal havia perdido o controle da região). No ano de 1644, com a idade de 16 anos, Almeida iniciou a sua primeira tradução do Novo Testamento, usando versões em latim, espanhol, francês e italiano. Não contente com essa tradução, anos mais tarde, ele fez uma segunda, desta vez baseada no texto grego, o Textus Receptus (o mesmo usado pelos reformadores). Num folheto chamado Cartas para a Igreja Reformada, em 1679, ele escreveu o seguinte, na conclusão daquela obra, que só foi publicada em Amsterdã, no ano de 1681: "O Novo Testamento, isto é, todos os sacrossantos livros e escritos evangélicos e apostólicos do Novo Concerto do nosso fiel Senhor, Salvador e Redentor Jesus Cristo, agora

traduzidos em português por João Ferreira d'Almeida, pregador do santo Evangelho". Almeida chegou a traduzir o Velho Testamento, de Gênesis até Ezequiel 48:31, usando o texto Massorético (hebraico). Não pôde terminar os últimos versículos do livro de Ezequiel, porque o Senhor Deus o levou à Sua presença em 1691, com 63 anos de idade. O volume I do Velho Testamento, contendo os livros de Gênesis a Ester, foi impresso no ano de 1748. O holandês Jacobus op den Akker completou a obra da tradução do Velho Testamento e, em 1753, o volume II foi publicado. A primeira revisão da Bíblia em português, feita pela Trinitarian Bible Society (TBS - Sociedade Bíblica Trinitariana), foi iniciada no dia 16 de maio de 1837. O Rev. Thomas Boys, do Trinity College, Cambridge, foi encarregado de liderar o projeto. A revisão do Novo Testamento foi completada em 1839. A revisão completa do Velho Testamento só terminou em 1844. O último volume foi impresso em Londres, no ano de 1847. Aquela primeira edição, chamada Revista e Reformada, sofreu revisões ortográficas posteriores, feitas tanto pelo Rev. Boys como por outros, tornando-se, inclusive, uma parte da edição chamada Correcta. Segundo os dados históricos, a edição Revista e Reformada também fez parte do leque das várias revisões que foram usadas para chegar à versão conhecida como a Corrigida. Restou do frontispício da primeira impressão da tradução de Almeida pela TBS uma expressão, "Segundo o original", ou, em outras palavras, "Fiel aos textos originais". No ano de 1968, em São Paulo, foi fundada a Sociedade Bíblica Trinitariana do Brasil, com o objetivo de revisar, com as devidas correções ortográficas, e publicar a Bíblia de João Ferreira de Almeida, como mais um instrumento nas mãos de Deus para a preservação da Sua Palavra. A Bíblia na Edição Corrigida e Revisada, foi preparada por pessoas com a mesma convicção do tradutor, João Ferreira de Almeida, de que as palavras das Sagradas Escrituras, originariamente escritas em hebraico, em aramaico e em grego, foram inspiradas por Deus; e, uma vez que Deus preserva a Sua Palavra, as sagradas Escrituras falam com nova autoridade a cada geração, levando as pessoas à salvação, fazendo com que sirvam a Cristo para a glória de Deus. Há séculos, a tradução de Almeida tem sido a preferida da grande maioria dos leitores da Bíblia em língua portuguesa. Indiscutivelmente, continua sendo. Almeida seguiu o sistema de tradução chamado "equivalência formal", assim como fizeram os grandes reformadores; ou seja, tentou traduzir cada palavra, usando o mínimo de palavras de transição, necessárias para garantir a fluência da leitura em português. É possível dizer que João Ferreira deAlmeida é o tradutor mais amado e respeitado; pode-se dizer também que a versão mais respeitada e procurada é a Corrigida. Embora os editores, que publicam as edições denominadas Corrigida, tenham variado na liberdade de modificar ou até de tirar uma palavra ou outra, mesmo assim, todas elas são praticamente idênticas. Como Almeida, os editores deste texto, a Edição Corrigida e Revisada, Fiel ao Texto Original, também conhecido por Almeida, Corrigida, Fiel (ACF), todos crêem que as palavras da Bíblia foram inspiradas por Deus. "Toda a Escritura é divinamente inspirada..." (2 Tm 3:16).

Por essa razão, os editores do texto bíblico gastaram anos, com dezenas de revisores, na produção do texto, objetivando modificar o mínimo possível, conquanto corrigissem a ortografia e tirassem qualquer influência do Texto Crítico do Novo Testamento que fora introduzida indevidamente ao trabalho de Almeida. 

Comparação entre traduções[editar | editar código-fonte]

Marcos 15:2

  • "E Pilatos lhe perguntou: 'Tu és o Rei dos Judeus'? E ele, respondendo, disse-lhe: 'Tu o dizes'." — (Almeida Corrigida Fiel)
  • "Pilatos perguntou: 'Você é o rei dos judeus?' 'Quem está dizendo isso é o senhor!', respondeu Jesus." — (Nova Tradução na Linguagem de Hoje)
  • "Pilatos perguntou a Ele: 'Você é o Rei dos Judeus?' 'Sim', respondeu Jesus, 'é como o senhor está dizendo'." — (Bíblia Viva)

Lucas 4:4

  • "E Jesus lhe respondeu, dizendo: Está escrito que nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra de Deus." — (Almeida Corrigida Fiel)
  • "Mas Jesus lhe respondeu: Está escrito: Não só de pão viverá o homem." — (Almeida Revista e Atualizada)
  • "Jesus respondeu: As Escrituras Sagradas afirmam que o ser humano não vive só de pão." — (Nova Tradução na Linguagem de Hoje)
  • "Replicou-lhe Jesus: Está escrito: Não só de pão vive o homem." — (Bíblia de Jerusalém)

Romanos 8:1

  • "Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito.” — (Almeida Corrigida Fiel)
  • "Portanto, agora já não há condenação para os que estão em Cristo Jesus." — (Nova Versão Internacional)
  • "Portanto, não existe mais condenação para aqueles que estão em Cristo Jesus." — (Bíblia de Jerusalém)

1 Coríntios 6:20

  • "Porque fostes comprados por bom preço; glorificai, pois, a Deus no vosso corpo, e no vosso espírito, os quais pertencem a Deus." — (Almeida Corrigida Fiel)
  • "Porque fostes comprados por preço; glorificai pois a Deus no vosso corpo." — (Almeida Revista e Atualizada)
  • "Vocês foram comprados por alto preço. Portanto, glorifiquem a Deus com o corpo de vocês." — (Nova Versão Internacional)
  • "Porque Deus comprou vocês por preço elevado. Portanto, usem todas as partes do seu corpo para render glória a Deus, porque o corpo Lhe pertence." — (Bíblia Viva)

Efésios 3:9

  • “E demonstrar a todos qual seja a dispensação do mistério, que desde os séculos esteve oculto em Deus, que tudo criou por meio de Jesus Cristo.” — (Almeida Corrigida Fiel)
  • “E manifestar qual seja a dispensação do mistério, desde os séculos, oculto em Deus, que criou todas as coisas” — (Almeida Revista e Atualizada)
  • “E demonstrar a todos qual seja a dispensação do mistério, que, desde os séculos, esteve oculto em Deus, que tudo criou” — (Almeida Revista e Corrigida)

1 Timóteo 3:16

  • “E, sem dúvida alguma, grande é o mistério da piedade: Deus se manifestou em carne, foi justificado no Espírito, visto dos anjos, pregado aos gentios, crido no mundo, recebido acima na glória.” — (Almeida Corrigida Fiel)
  • “Evidentemente, grande é o mistério da piedade: Aquele que foi manifestado na carne foi justificado em espírito, contemplado por anjos, pregado aos gentios, crido no mundo, recebido na glória.” — (Almeida Revista e Atualizada)
  • "Seguramente, grande é o mistério da piedade: Ele foi manifestado na carne, justificado no Espírito, contemplado pelos anjos, proclamado às nações, crido no mundo, exaltado na glória." — (Bíblia de Jerusalém)

1 João 5:7-8

  • "Porque três são os que testificam no céu: o Pai, a Palavra, e o Espírito Santo; e estes três são um. E três são os que testificam na terra: o Espírito, e a água e o sangue; e estes três concordam num.” — (Almeida Corrigida Fiel)
  • "Há três que dão testemunho: o Espírito, a água e o sangue; e os três são unânimes." — (Nova Versão Internacional)
  • "Porque três são os que testemunham: o Espírito, a água e o sangue, e os três tendem ao mesmo fim." — (Bíblia de Jerusalém)

Apocalipse 8:13

  • "E olhei, e ouvi um anjo voar pelo meio do céu, dizendo com grande voz: Ai! ai! ai! dos que habitam sobre a terra! por causa das outras vozes das trombetas dos três anjos que hão de ainda tocar." — (Almeida Corrigida Fiel)
  • "Enquanto eu olhava, ouvi uma águia que voava pelo meio do céu e dizia em alta voz: Ai, ai, ai dos que habitam na terra, por causa do toque das trombetas que está prestes a ser dado pelos três outros anjos!" — (Nova Versão Internacional)
  • "Então vi e ouvi uma Águia que voava no meio do céu, gritando em alta voz: "Ai, ai, ai dos que habitam a terra, por causa dos restantes toques da trombeta dos três Anjos que estão para tocar!" — (Bíblia de Jerusalém)

Apocalipse 22:14

  • "Bem-aventurados aqueles que guardam os seus mandamentos, para que tenham direito à árvore da vida, e possam entrar na cidade pelas portas." — (Almeida Corrigida Fiel)
  • "Felizes as pessoas que lavam as suas roupas, pois assim terão o direito de comer a fruta da árvore da vida e de entrar na cidade pelos seus portões!" — (Nova Tradução na Linguagem de Hoje)
  • "Felizes os que lavam suas vestes para terem poder sobre a árvore da Vida e para entrarem na Cidade pelas portas." — (Bíblia de Jerusalém)

Versículos faltantes[editar | editar código-fonte]

Os seguintes versículos estão inclusos na Almeida Corrigida Fiel, assim como no Textus Receptus, porém são omitidos na maioria das traduções modernas:[4]

  • Mateus 17:21
  • Mateus 18:11
  • Mateus 23:14
  • Marcos 7:16
  • Marcos 9:44 e 46
  • Marcos 11:26
  • Marcos 15:28
  • Lucas 17:36
  • Atos 15:34
  • Atos 28:29

Bíblias de Estudo[editar | editar código-fonte]

As Bíblias de Estudo publicadas no Brasil que tem a Corrigida Fiel por texto bíblico são a Bíblia de Estudo Scofield e Bíblia de Estudo Diário da Mulher, publicadas pela Editora Bom Pastor, a Bíblia Apologética de Estudo, publicada pelo Instituto Cristão de Pesquisa (ICP), e a Bíblia de Estudo Profética - Tim LaHaye-publicada pela Editora Hagnos.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. A Necessidade de Traduções Dignas de Confiança
  2. Declaração Doutrinária das Sagradas Escrituras
  3. Quarterly Record 578, p. 8.
  4. Bibliologia: A Doutrina das Escrituras. Lincoln Máximo Alves. Dezembro, 2006.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre a Bíblia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.