Alphonse Elric

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Alphonse Elric
アルフォンス・エルリック
Alphonse Elric por Hiromu Arakawa.
Primeira aparição Capítulo 1 do mangá Fullmetal Alchemist
Criado por Hiromu Arakawa
Vozes Japão Rie Kugimiya
Brasil Rodrigo Andreatto
Perfil
Apelido Al
Sexo Masculino
Raça Humano
Vida no animangá
Ocupação Alquimista
Família Edward Elric (irmão)
Winry Rockbell (cunhada)
Van Hohenheim (pai, falecido)
Trisha Elric (mãe, falecida)
May Chang (namorada)
Izumi Curtis (sensei)
Pinako Rockbell (avó de consideração)
Envy (irmão por parte de pai, somente na versão de 2003)
Personagem de Fullmetal Alchemist
Portal Animangá

Alphonse Elric (アルフォンス・エルリック Arufonsu Erurikku?), geralmente chamado de Al (アル Aru?), é um personagem fictício e um dos protagonistas da série de mangá Fullmetal Alchemist e suas adaptações criado por Hiromu Arakawa. Alphonse é uma criança que perdeu seu corpo durante um experimento alquímico para trazer sua falecida mãe de volta à vida e teve sua alma fixada a uma armadura por seu irmão mais velho Edward Elric. Como resultado, Alphonse é quase invulnerável enquanto o selo da armadura não é apagada, mas é incapaz de sentir qualquer coisa. Para recuperar seus corpos, os Elrics viajam em torno de seu país Amestris para obterem a Pedra Filosofal—um objeto alquímico que poderia restaurá-los. Nas adaptações em anime de Fullmetal Alchemist, Alphonse é dublado por Rie Kugimiya em japonês. E nas adaptações brasileiras, ele é dublado por Rodrigo Andreatto. Como Alphonse aparece na série usando uma armadura, Arakawa focou em buscar maneiras de fazê-lo expressar emoções apesar de não ter um corpo. Alphonse também apareceu em materiais relacionados com o mangá, incluindo jogos eletrônicos e light novels que seguem sua jornada. Seu personagem tem sido bem recebido pelos leitores da série; ele apareceu várias vezes em pesquisas de popularidade dos dez personagem mais populares da série. O personagem recebeu observações positivas dos críticos, com alguns elogiando seu design e seu relacionamento com Edward.

Aparições[editar | editar código-fonte]

Corpo original de Alphonse.[1]

Alphonse é um dos protagonistas da série ao lado de seu irmão mais velho, Edward. Alphonse perde todo o seu corpo enquanto ele e Edward estão tentando reviver sua mãe Trisha usando alquimia. Edward sacrifica seu braço direito para selar a alma de Alphonse em uma armadura.[2] Edward mais tarde se torna um alquimista militar do estado de Amestris, e começa a viajar com Alphonse para procurar um método para recuperar o corpo de Alphonse. Eles procuram a Pedra Filosofal, o que lhes permitiria restaurar suas formas físicas.[3][4] Além de ser um alquimista poderoso, Alphonse é um lutador hábil em combate corpo a corpo; tendo sido treinado por Izumi Curtis.[5] Enquanto Alphonse não pode sentir nada, porque ele não tem corpo, ele é quase invencível, enquanto a marca de sangue feita por Edward em sua armadura para conter a sua alma não está deformada.[6]

Acreditando que as criaturas imortais conhecidas como o homúnculos os levará a mais pistas para recuperar seus corpos, os Elrics tentam segui-los.[7] No entanto, eles encontram o criador dos homúnculos conhecido como "Pai", que secretamente controla os militares e chantageia os Elrics para trabalharem com ele.[8] Buscando proteger seus amigos, os Elrics viajam para a área norte do país, a fim de solicitar a ajuda de General Olivier Mira Armstrong.[9] Depois que os dois são bem sucedidos em seu plano, o corpo original de Alphonse tenta recuperar sua alma resultando em ele perder a consciência várias vezes.[10] Separado de seu irmão para ajudar a fuga de seus amigos dos militares que servem Pai, Alphonse é capturado pelo homúnculo Orgulho para usá-lo contra Edward.[11][12] Unindo forças com seu pai Van Hohenheim, Alphonse arma uma armadilha que ele mesmo e Orgulho ficam presos dentro de uma caverna onde o homúnculo permanece impotente.[13] O Alquimista do Estado Solf J. Kimblee depois chega e ajuda Orgulho, e Alphonse é resgatado por alguns de seus companheiros.[14]

Buscando a transmutar todo o país, Pai transporta os Elrics à sua base para usá-los como dois dos cinco sacrifícios necessários para alcançar seu objetivo. No mesmo momento, Alphonse encontra seu corpo original, mas se recusa a recuperá-lo porque o seu estado enfraquecido não iria ajudá-lo a lutar contra o homúnculos.[15] Na luta final contra o Pai, a pedidos de Alphonse o alquimista May Chang ajuda Edward em retomar o seu braço direito em troca da alma de Alphonse. Com o Edward com o seu braço restaurado, ele luta contra Pai, e a alma de Alphonse desaparece da armadura.[16] Após a derrota do Pai, Edward sacrifica sua capacidade de usar a alquimia para restaurar a alma e o corpo original Alphonse. Os retornam a Resembool, onde viviam até que eles decidem se separar para estudar alquimia. Alphonse se junta com dois companheiros Quimera e eles viajam para o país de Xing para saberem mais sobre a alquimia com a ajuda de May.[17]

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • O personagem de Al tem alguma semelhança com Agilulf, o protagonista da literatura fantástica de Italo Calvino, The Nonexistent Knight. Como Al, Agilulf não é nada além de uma armadura viva, um lutador formidável, e possui um senso de boas maneiras.
  • Em um extra do mangá, é mostrado que Al só permite que as mulheres e os gatos entrem em sua armadura, embora o anime de 2003 o mostra carregando Black Hayate (um cão) dentro dele, e no Capítulo 56 ele também é mostrado carregando Xiao-Mei (um panda) nele, embora ele acredite que Xiao-Mei seja um gato.
  • Al é uma das duas pessoas da série a saber que Winry e Ed têm sentimentos românticos uns pelos outros, sendo a outra pessoa Riza Hawkeye.
  • Alphonse é - sendo um descendente direto de Van Hohenheim - é um parente próximo de sangue de Pai e todos os sete Homúnculos (embora King Bradley possa ser uma pequena exceção, ele é um Homúnculo humano, mas ainda assim compartilha as ligações de sangue com Alphonse e os outros). Além disso, Arakawa confirmou brincando que, no mangá, Alphonse (juntamente com Edward) é tecnicamente tio dos sete Homúnculos, já que ele se relaciona com eles pelo sangue.
  • O pano de culatra de Al é de cor branca no mangá e no anime Brotherhood, enquanto que no anime de 2003, é de cor violeta claro.
  • No mangá e no anime de 2003, a placa retangular sob o queixo do capacete de Alphonse tem cinco aberturas. No anime 2009 Brotherhood, ele tem quatro, excluindo erros raros de animação onde é desenhado com três ou cinco.
  • Originalmente, Arakawa não desenhou o rosto de armadura de Alphonse demonstrando emoções de qualquer tipo, independentemente da circunstância ou clima emocional. Não até o Capítulo 4, onde ele começou a "fazer caretas" durante cenas cômicas. (No entanto, ambos os animes empregaram essa piada recorrente em seus primeiros episódios.)
  • Supõe-se que a altura humana de Al no final da série seja de 1.77 cm e seu irmão Ed de 1.75 cm.

Referências

  1. Arakawa, Hiromu (2006). Fullmetal Alchemist Rough Sketch Gallery (em japonês). [S.l.]: Square Enix. p. 27. ISBN 978-4-7575-1695-3 
  2. Arakawa, Hiromu (2006). «Capítulo 23». Fullmetal Alchemist, Volume 6 (em inglês). [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-4215-0319-6 
  3. Arakawa, Hiromu (2005). «Capítulo 2». Fullmetal Alchemist, Volume 1 (em inglês). [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-59116-920-8 
  4. Arakawa, Hiromu (2005). «Capítulo 1». Fullmetal Alchemist, Volume 1 (em inglês). [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-59116-920-8 
  5. Arakawa, Hiromu (2006). «Capítulo 21». Fullmetal Alchemist, Volume 5 (em inglês). [S.l.]: Viz Media. p. 175. ISBN 978-1-4215-0175-8 
  6. Arakawa, Hiromu (2005). «Capítulo 9». Fullmetal Alchemist, Volume 3 (em inglês). [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-59116-925-3 
  7. Arakawa, Hiromu (2007). «Capítulo 49». Fullmetal Alchemist, Volume 12 (em inglês). [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-4215-0839-9 
  8. Arakawa, Hiromu (2007). «Capítulo 57». Fullmetal Alchemist, Volume 14 (em inglês). [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-4215-1379-9 
  9. Arakawa, Hiromu (2008). «Capítulo 67». Fullmetal Alchemist, Volume 17 (em inglês). [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-4215-2161-9 
  10. Arakawa, Hiromu (2008). «Capítulo 69». Fullmetal Alchemist, Volume 17. [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-4215-2161-9 
  11. Arakawa, Hiromu (2009). «Capítulo 84». Fullmetal Alchemist, Volume 21. [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-4215-3232-5 
  12. Arakawa, Hiromu (2009). «Capítulo 85». Fullmetal Alchemist, Volume 21. [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-4215-3232-5 
  13. Arakawa, Hiromu (2009). «Capítulo 88». Fullmetal Alchemist, Volume 22. [S.l.]: Viz Media. ISBN 1-4215-3413-4 
  14. Arakawa, Hiromu (2010). «Capítulo 93». Fullmetal Alchemist, Volume 23. [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-4215-3630-9 
  15. Arakawa, Hiromu (2011). «Capítulo 103». Fullmetal Alchemist, Volume 25. [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-4215-3924-9 
  16. Arakawa, Hiromu (2011). «Capítulo 107». Fullmetal Alchemist, Volume 27. [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-4215-3984-3 
  17. Arakawa, Hiromu (2011). «Capítulo 108». Fullmetal Alchemist, Volume 27. [S.l.]: Viz Media. ISBN 978-1-4215-3984-3