Altenir Silva

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2009). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Altenir Silva (Paranavaí, 7 de junho de 1962) é um roteirista brasileiro.

Vindo de uma família circense, iniciou suas atividades no cinema em 1983, através de um curso de montagem de cinema, ministrado por Mauro Alice (montador dos filmes do cineasta Hector Babenco) na Cinemateca de Curitiba.

Em 1984 escreveu, produziu e dirigiu seu primeiro filme, Rei Sol, esse navegador (curta-metragem na bitola super 8). No ano de 1986 ganhou prêmio de melhor roteirista no 1° Concurso de Roteiros e Argumentos do 2° Rio Cine Festival, com a obra Impasse social ou nem Marx, nem Odair José (melhor comédia romântica).

É formado em Ciências Sociais pela PUC-PR.

Experiência profissional[editar | editar código-fonte]

Em cinema[editar | editar código-fonte]

Roteiros
  • 2003 - Conexão Japão
  • 2002 - O Sal da Terra
  • 2001 - Garibaldi in América
Roteiro, direção e produção
  • 2005 - A Serenata (curta, 35mm, codireção Paulo J. Friebe)
  • 1997 - Tesouros (curta, 16mm.)
  • 1991 - O Trem e o Guarda-Roupa (vídeo)
  • 1989 - O Candidato (curta, 16mm, codireção Geraldo Pioli)
  • 1988 - Morcego (vídeo) / Os Agentes (vídeo)
  • 1987 - O Açougueiro do Norte contra o Cineasta Voador (curta, 16mm.)
  • 1986 - A Revolução dos Brasis (vídeo)
  • 1985 - O SNI de Carlos Drummond de Andrade (curta, 16mm.)

Em televisão[editar | editar código-fonte]

Rede Record
Rede Globo
CNT
  • 1995 - Criador do Pista Dupla, primeiro seriado policial produzido fora do eixo Rio/São Paulo, realizado em Curitiba.
  • 1994 - Redator de programas de clips, variedades e da promoção.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]