Alter ego

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Alter ego (por vezes grafada alter ego) é uma locução substantiva com origem no latim "alter" (outro) e "ego" (eu) cujo significado literal é "o outro eu". O alter ego é uma outra personalidade de uma mesma pessoa podendo ser um amigo ou alguém próximo em que se deposita total confiança.

Na Literatura, o alter ego significa a identidade oculta de uma personagem, que pode ser também uma estratégia usada pelo autor do livro para se revelar indiretamente aos leitores. Na literatura brasileira, a personagem Emília, do Sítio do Picapau Amarelo, é considerada por alguns críticos como o alter ego do escritor Monteiro Lobato.

Na Psicologia, o alter ego é uma segunda personalidade de alguém, um outro eu inconsciente que se revela através de múltiplas identidades. Está associado à patologia "Transtorno Dissociativo de Identidade ".

O alter ego de alguém também pode ser uma pessoa muito próxima e íntima em quem se confia demasiadamente. É aquela pessoa que transmite a impressão de que teria atitudes semelhantes em diversas situações.

Referências

Ver também[editar | editar código-fonte]