Altineu Côrtes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Altineu Cortes)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Altineu Cortes
Deputado Federal pelo Rio de Janeiro
Período 1º de fevereiro de 2015
até a atualidade
Deputado Estadual do Rio de Janeiro
Período 1º de janeiro de 2003
até 1º de janeiro de 2015
Secretário da Infância e da Juventude do Rio de Janeiro
Período 1º de janeiro de 2005
até 31 de dezembro de 2005
Dados pessoais
Nome completo Altineu Cortes Coutinho
Nacionalidade brasileiro
Partido PR
Profissão Político e Empresário
Website http://altineu.com.br/

Altineu Cortes Freitas Coutinho (Niterói, 13 de setembro de 1968) é um político brasileiro, filiado ao Partido da República (PR).

Biografia[editar | editar código-fonte]

Em 2002 foi eleito deputado estadual do Rio de Janeiro com 59.041 votos, pelo PMDB,[1] sendo reeleito em 2006. Mudou para o Partido dos Trabalhadores para, nas eleições de 2008 ser candidato à prefeitura de São Gonçalo, mas, com 18,84 por cento dos votos válidos, foi derrotado no primeiro turno por Aparecida Panisset, ocupando o terceiro lugar na disputa.[2] No ano de 2010, reelegeu-se à Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) com 35.176 votos, agora pelo PR.[3]Em 2012 mudou seu domicílio eleitoral para Itaboraí para disputar a prefeitura da cidade, mas acabou em segundo, com 40,82 por cento dos votos válidos. Nas eleições de 2014 foi eleito deputado federal com 40.593 votos.[4]

Como deputado federal, votou a favor da admissibilidade do processo de impeachment de Dilma Rousseff.[5] Já durante o Governo Michel Temer, votou a favor da PEC do Teto dos Gastos Públicos.[5] Em abril de 2017 foi favorável à Reforma Trabalhista.[5][6] Em agosto de 2017 votou contra o processo em que se pedia abertura de investigação do então presidente Michel Temer, ajudando a arquivar a denúncia do Ministério Público Federal.[5][7] Em 2 de agosto de 2017, votou a favor da rejeição da segunda denúncia contra o presidente Temer.[8]

Referências

  1. «UOL - Eleições 2002 - Apuração - Rio de Janeiro»  Texto "https://eleicoes.uol.com.br/2002/resultados/1turno/RJestadual.jhtm " ignorado (ajuda);
  2. «UOL - Eleições 2008 - Apuração - São Gonçalo». Consultado em 6 de outubro de 2010 
  3. «UOL - Eleições 2010 - Apuração - Rio de Janeiro». Consultado em 6 de outubro de 2010 
  4. «UOL - Eleições 2014 - Apuração - Rio de Janeiro». Consultado em 15 de julho de 2015 
  5. a b c d G1 (2 de agosto de 2017). «Veja como deputados votaram no impeachment de Dilma, na PEC 241, na reforma trabalhista e na denúncia contra Temer». Consultado em 11 de outubro de 2017 
  6. Redação (27 de abril de 2017). «Reforma trabalhista: como votaram os deputados». Consultado em 18 de setembro de 2017 
  7. Carta Capital (3 de agosto de 2017). «Como votou cada deputado sobre a denúncia contra Temer». Consultado em 18 de setembro de 2017 
  8. Altineu Côrtes - votou Sim. UOL, 02/08/2017

Ver também[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Altineu Cortes