Alto Paraguay (departamento)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para o município brasileiro, veja Alto Paraguai.
Alto Paraguay
  Departamento  
Símbolos
Bandeira de Alto Paraguay
Bandeira
Brasão de armas de Alto Paraguay
Brasão de armas
Localização
Localização de Alto Paraguay
Capital Fuerte Olimpo
País Paraguai
Características geográficas
Área total 82 349 km²
População total (2002) 15 008 hab.
Densidade 0,2 hab./km²
ISO 3166-2 PY-16

Alto Paraguay é uma subdivisão administrativa do Paraguai. A capital do Departamento é a cidade de Fuerte Olimpo.

Distritos[editar | editar código-fonte]

Principais cidades[editar | editar código-fonte]

  1. Fuerte Olimpo - Capital
  2. La Victoria
  3. Bahia Negra
  4. Capitan Pablo Lageranza
  5. Puerto Esperanza
  6. Puerto Guarani
  7. Puerto Casado
  8. Isla Margarita

Limites[editar | editar código-fonte]

  • Norte: com a República da Bolívia e a República Federativa do Brasil, este último separado pelo rio Paraguai
  • Leste: o Rio Paraguai, que faz fronteira com o Brasil
  • Sul: Os Departamentos de Boquerón e Presidente Hayes
  • Oeste: O Departamento de Boquerón.

Aspecto Físico[editar | editar código-fonte]

O solo do Alto Paraguai fica em média a a 300 metros acima do nível do mar. As terras são geralmente planícies e alagadiços, mas se pode notar uma grande extensão de morros e montes. As secas prolongadas seguidas de chuvas torrenciais são uma característica peculiar da região.

Na região norte do Departamento, na frontera com a Bolívia, percebe-se algumas elevações à medida que vamos na direção noroeste, onde as terras são distintas do chaco paraguaio. Aí vemos grandes pradarias para a criação de gado e terras férteis para a agricultura.

A ponto mais alto do departamento e do oeste Paraguaio(Chaco) é o Cerro León, com 610m de altitude. É também a única montanha de todo o oeste Paraguaio, que é um tabuleiro quase totalmente plano.

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

O rio Paraguai margeia o Departamento por uma extensão de cerca de 500 km. Na região existem também grandes lagoas, como: El Imacata, General Díaz, Carlos A. López e Morocha. As águas da maioria das lagoas não são aptas para o consumo, pois são salgadas. Importantes riachos desembocam no rio Paraguai, alguns deles são: Periquito, Yacare, San Carlos, Alegre e Mosquito. No noroeste existe o rio Lageranza e no sul o rio Melo, ambos não navegáveis.

Clima[editar | editar código-fonte]

É notadamente tropical.

Uso do solo[editar | editar código-fonte]

À medida que os anos avançam, cada vez mais o solo deste Departamento vem sendo prejudicado com a prática intensiva do desmatamento, com a derrubada de milhares de hectares de matas virgens, realizada pelos grandes criadores de gado da região, a fim de transformar o ambiente natural em campos para engorda dos seus animais.

Atividade produtiva[editar | editar código-fonte]

O principal meio econômico desta região é a criação de gado, que representa 90% da economia do Alto Paraguay. Este é o único Departamento do país que não conta com nenhum tipo de indústria.

O turismo praticado por brasileiros através da pesca esportiva, nos últimos anos, tem gerado receita para várias comunidades, cuja população se dedica a venda de souvenires e equipamentos de pesca. Mas ressalte-se que mesmo esta atividade tem sofrido ultimamente com a escassez de peixes, resultado de vários anos de pesca predatória.

A produção agrícola quase não existe na região. As verduras e frutas para consumo chegam em embarcações de outras comunidades e de diferentes pontos do país.

Vias de comunicação[editar | editar código-fonte]

O rio Paraguai é a principal via de comunicacão do departamento. Por terra, conta apenas com caminhos terraplanados vicinais.

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia do Paraguai é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Alto Paraguay (departamento)