Alumni Athletic Club

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Alumni
Alumni AC - Escudo.png
Nome Alumni Athletic Club
Fundação 1898 (121 anos)
Extinção 24 de abril de 1913
Localização Buenos Aires, Argentina
Competição Campeonato Argentino de Futebol
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

Alumni Athletic Club (ou simplesmente: Alumni) foi um tradicional clube de futebol argentino. Fundado formalmente em 1898 o clube, com denominação Buenos Aires English High School e formado por estudantes desta escola em Belgrano (Buenos Aires), já apareceu em 1893, o mesmo ano da fundação da Asociación del Fútbol Argentino, organizadora do Campeonato Argentino de Futebol. Um dos fundadores do clube, Alejandro Watson Hutton, é considerado o "pai do futebol argentino".[1]

História[editar | editar código-fonte]

O Buenos Aires English High School[editar | editar código-fonte]

O Buenos Aires English High School, no bairro de Belgrano , em Buenos Aires

No dia 25 de fevereiro de 1882 o Escocês Alexander Watson Hutton chega em Buenos Aires. Hutton, graduado na Universidade de Edimburgo, havia sido contratado para tornar-se cargo da direção do Saint Andrew's Scots School, fundado em 2 de abril de 1838. Mas no entanto, pouco depois Watson Hutton decidiu não renovar seu contrato, devido a que o Saint Andrew não estava disposto a "contar nas instalações com um ginásio e um campo esportivo", elementos indispensáveis para la visão pedagógica de Watson Hutton, na qual que os esportes resultavam um componente essencial.

Watson Hutton decidiu então fundar o Buenos Aires English High School (BAEHS), para por em prática suas ideias educativas, orientando as atividades esportivas dos alumnos principalmente para o futebol. O colégio abriu suas portas em 1º de fevereiro de 1884.Para começar com o desenvolvimento do futebol no país, decidiu contratar na Escócia William Waters como professor de educação física. Waters não só realizou treinamentos, como também participou de alguns encontros esportivos.

A primeira participação oficial[editar | editar código-fonte]

Alejandro Watson Hutton, fundador do Buenos Aires English High School e pai do futebol argentino.

Para 1890 o futebol de Buenos Aires todavia não se encontrava regulado por alguma organização, mas existiam várias instituições, tanto esportivas como educativas, que praticavam com regularidade. Este é o caso de Buenos Aires English High School, Saint Andrew's Scots School, Flores Colegiate, Flores English College, Old Caledonians Football Club, Saint John's Football Club, Scotch Club e Buenos Ayres Football Club.

Em 1891 Alec Lamont, do Saint Andrew's, pressiona a criação de um ente para organizar uma liga. Desta forma se cria a Argentine Association Football League, na qual participam seis equipes: Saint Andrew's Scots School, Old Caledonians Football Club, Buenos Ayres al Rosario Railway, Belgrano Football Club e Buenos Ayres Football Club. Mesmo o Buenos Aires English High School não participando da competição, Watson Hutton serviu de árbitro em algumas partidas. O campeonato, que teve como vencedores o Saint Andrew's e Old Caledonians, recebeu críticas e não foi apoiado por grande parte dos clubes.>

Com a finalização do torneio de 1891 finalizou-se também a existência da Argentine Association Football League, por isso em 1892 não foi organizado nenhum campeonato. Em 21 de fevereiro de 1893 Watson Hutton fundou uma nova organização futebolística que utilizaria o mesmo nome da anterior, Argentine Association Football League (AAFL).

No torneio de 1893 participaram cinco equipes: Lomas Athletic Club, Flores Athletic Club, Quilmes Rowers Athletic Club, Buenos Aires English High School e Buenos Aires Railway (outrora Buenos Ayres al Rosario Railway). A equipe obteve nesta ocasião a quarta colocação, conseguindo apenas 4 pontos, sendo campeão o Lomas. El Buenos Aires English High School mudou seu nome para English High School (nome com qual participaria o campeonato de 1895) e decidiu não participar no torneio de 1894, pois alguns de seus alunos decidiram jogar pelo Lobos Athletic Club.

Equipe do Buenos Aires English High School.

Primeiro título[editar | editar código-fonte]

O torneio de 1900 foi o começo de uma campanha vitoriosa que duraria até o clube decidir não participar mais na competição, onze anos depois. Disputaram o campeonato quatro equipes: English High School (EHS), Lomas Athletic Club, Quilmes Athletic Club e Belgrano Athletic Club. Nesse ano, o EHS recuperou alguns ex-alunos que retornaram do Lobos Athletic Club e do Lanús A.C.(Que não tem nada a ver com o Lanús atual), dentre eles Walter Buchanan, Juan McKechnie, Guillermo e Heriberto Jordán (Vindos do Lobos);Tomás, Carlos e Jorge Brown (Vindos do Lanús).

Alumni Athletic Club[editar | editar código-fonte]

Em 1901 o English High School Athletic Club decide alterar seu nome para Alumni Athletic Club . O nome Alumni foi proposto pelo ex-aluno Carlos Bowers, que havia tido contato nos Estados Unidos com as Alumni Associations,[2] organizações de ex alunos. Até 1905 a equipe utilizou o nome Alumni Football Team, denominação que aparece nos troféus ganhados até então. A partir de 1906 o Alumni começa a utilizar a denominação Alumni Athletic Club.

Alumni Athletic Club (1910)

Tempos vitoriosos[editar | editar código-fonte]

O Alumni teve uma campanha de grande destaque entre 1900 até sua extinção, sendo campeão nacional 10 vezes,nos seguintes anos: 1900 (ainda como Buenos Aires English High School), 1901, 1902, 1903, 1905, 1906, 1907, 1909, 1910 e 1911. Contando ainda com dois vices: 1904 e 1908 e outros torneios de importância, como a Copa de Competencia Jockey Club.

O fim do Alumni[editar | editar código-fonte]

O clube não voltou a participar em nenhum torneio, a pesar de se encontrar inscrito para o campeonato de 1912 da Asociación Argentina de Football. Estava programado para o dia 14 de abril deste ano a primeira partida do torneio, na qual o Alumni jogaria com os Estudiantes. Porém o clube, não disputou esta partida nem as duas restantes que devia disputar em 21 e 28 de abril contra Quilmes e Racing Club, respectivamente. Não comparecendo a três partidas, e em base ao regulamento, a AAF eliminou o Alumni da competição. Muitos de seus jogadores se integraram ao plantel do Quilmes, equipe que obteria o campeonato de 1912.

As razões de sua desaparição são consequência de seu "espírito amador". Um de seus principais problemas era a falta da renovação de jogadores, já que o clube praticamente não incorporava jogadores de outros clubes, somente os que eram ex-alunos do colégio e também, pois alguns jogadores que já o integravam desde vários anos, resolveram desistir do futebol. Outra coisa que influiu bastante na dissolução do Alumni, foi que todo o dinheiro arrecadado pela venda de ingressos, era destinado a obras de beneficência e isso deixava rara a possibilidade da sobra de dinheiro para o aluguel de um campo de jogo já que o clube não dispunha de um próprio.

A Assembléia em que se determinou a dissolução do clube foi realizada em 24 de abril de 1913. Todos os sócios foram convocados, porém somente sete assistiram-na.[3]

Assim decidiu-se doar os fundos restantes da seguinte maneira: $3.661,15 às Escolas Evangélicas Argentinas do Sr. William C. Morris, $3.661,14 ao Hospital Britânico, $1.000 ao Patronato da Infância, $1.000 ao Centro Bernardino Rivadavia, $1.000 à Sociedade Popular de Educação de Avellaneda, $1.000 à Asociação Damas del Taller la Providencia, $500 ao Centro D. F. Sarmiento e $500 à Comissão de ginástica e exercícios físicos desse centro esportivo.[4]

Uniforme[editar | editar código-fonte]

O uniforme do English High School Athletic Club era baseado no uniforme usado no colégio: Uma camisa branca com listras vermelhas finas horizontais.[5] Ao mudar o nome para Alumni Athletic Club, a equipe mudou também seu uniforme, conservando as cores, porém colocando as listras em posição vertical.Em 25 de junho de 1905 ele estreou contra o Nottingham Forest com uma nova camiseta, com menor quantidade de listras vermelhas, porém mais listras brancas.[5] A partir de 1909, utilizou uma camisa composto por quatro listras vermelhas e três brancas.[5] Os calções eram, geralmente, de cor branca, no entanto utilizou-se também a cor negra e azul-marinho.[5]

Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
1893-1900
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
1901-1905
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
1905-1909
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
1909-1911

Dados do Clube[editar | editar código-fonte]

Jogadores do Alumni reunidos novamente no dia 15 de julho de 1923 para uma partida de futebol, 10 anos depois da dissolução do clube.
  • Temporadas na 1.ª divisão: 14.
  • Temporadas na 2.ª divisão: 1 (1899).
  • Melhor colocação na liga: 1º.
  • Pior colocação na liga: 5º ou 6º (1895).[6]

Feitos importantes[editar | editar código-fonte]

Homenagens e clubes homônimos[editar | editar código-fonte]

Jogadores[editar | editar código-fonte]

Jorge Gibson Brown, primeira figura do futebol argentino, capitão da seleção nacional entre 1908 e 1914.

Um jogador muito importante foi Jorge Brown,que foi capitão da equipe entre 1903 e 1906 e desde 1910 até sua dissolução. A família Brown foi um pilar do clube, já que tanto Jorge, cinco de sus irmãos (Alfredo, Eliseo, Carlos, Juan G. e Ernesto) e seu primo Juan, jogaram no primeiro plantel.[10]

Também se destaca a participação do goleiro José Buruca Laforia, que chegou ao clube em 1905 e ocuparia o posto até 1907. Outro goleiro emblemático do clube foi Juan McKechnie, que atuou na posição entre 1891 e 1894, e entre 1900 e 1904.[11]

O Alumni possuía uma grande capacidade ofensiva, pois vários de seus jogadores foram os artilheiros dos torneios da Primeira Divisão Argentina. Estes foram Alfredo Brown, Eliseo Brown, Carlos Lett, Ernesto Lett e Arnoldo Watson Hutton.

A equipe se caracterizou porque muitos de seus integrantes foram convocados para integrar a seleção argentina. O Alumni contribuiu para a seleção argentina com oito convocados em seis oportunidades e sete em dez partidas diferentes. A família Brown também integrou a seleção, sendo convocados em mais de uma ocasião quatro irmãos para uma mesma partida.[12] Numa excursão da seleção pelo Brasil realizada entre os dias 2 e 14 de julho de 1907 foram convocados, Jorge, Alfredo, Ernesto e Eliseo Brown, que também participaram de um jogo conta um combinado britânico em 10 de Junho de 1906.[12][13]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Nacionais[editar | editar código-fonte]

Campanhas nacionais de destaque[editar | editar código-fonte]

Internacionais[editar | editar código-fonte]

Campanhas internacionais de destaque[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Lomas marcó el rumbo». www.clarin.com. Consultado em 15 de novembro de 2008 
  2. «Alumni es la guía». Clarín, Buenos Aires, 22 de diciembre de 2000. Consultado em 19 de março de 2008 
  3. Escobar Bavio (1953), pág. 247.
  4. Escobar Bavio (1953), pág. 248.
  5. a b c d Escobar Bavio (1953), pág. 61,
  6. Debido a la falta de datos sobre el campeonato de 1895, algunos autores (Escobar Bavio 1953: 57) lo ubican en la 6º posición, mientras que otros lo ubican en la 5º (Osvaldo José Gorgazzi. «The Argentine Association Footbal League - 1895». RSSSF. Consultado em 19 de março de 2008 ).
  7. Ginhson (2001), pág. 8.
  8. a b «Institucional - Historia». Estudiantes de La Plata. Consultado em 20 de março de 2008. Arquivado do original em 19 de março de 2008 
  9. El Diario del centro del país, ed. (2003). «Alumni se viste de fiesta». Consultado em 16 de maio de 2008. Arquivado do original em 2 de março de 2008 
  10. Escobar Bavio (1953), pág. 277 y ss.
  11. Escobar Bavio (1953), pág. 287.
  12. a b Jorge, Alfredo, Ernesto y Eliseo fueron seleccionados para disputar un partido frente a un combinado británico el 10 de junio de 1906, y participaron en 1907 de una gira por Brasil. (Escobar Bavio 1953: 235 y 236)
  13. Escobar Bavio (1953), pág. 236.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de ArgentinaSoccer icon Este artigo sobre clubes de futebol argentinos é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Alumni Athletic Club