Amor Bandido

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Amor Bandido
 Brasil
1979 •  cor •  95 min 
Direção Bruno Barreto
Roteiro José Louzeiro
Leopoldo Serran
Elenco Paulo Guarnieri
Cristina Aché
Paulo Gracindo
Ligia Diniz
Género Policial
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

Amor Bandido é um filme brasileiro de 1979, do gênero policial, dirigido por Bruno Barreto. De estética crua e suja, retrata o submundo do Rio de Janeiro. O roteiro é de José Louzeiro e Leopoldo Serran.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

Um jovem marginal bem apessoado, que ganha a vida roubando e assassinando friamente motoristas de táxi, se apaixona por uma prostituta, filha de um delegado de polícia.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Produção[editar | editar código-fonte]

O título do filme é uma referência a um verso da canção de Roberto Carlos e Erasmo Carlos, Amada Amante, que não pôde ser o título desse filme pois o diretor Cláudio Cunha o usara para um filme dele no ano anterior. O cantor, por quem a citada prostituta tinha grande admiração, aparece rapidamente em uma cena, cantando um trecho da canção.[carece de fontes?]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um filme brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.