Ana Paula Maia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Ana Paula Maia
Nascimento 1977 (41 anos)
Nova Iguaçu
Residência Rio de Janeiro
Nacionalidade Brasil Brasileira
Ocupação Escritora e roteirista
Principais trabalhos Carvão animal (2011)

Ana Paula Maia (Nova Iguaçu, Dezembro de 1977) é uma escritora e roteirista brasileira[1].

Biografia[editar | editar código-fonte]

Filha de professora, na adolescência, estudou teatro na CAL (Casa de Artes de Laranjeiras). Mais tarde, entrou para as faculdades de Ciência da Computação e Comunicação Social.Foi co-autora (com Mauro Santa Cecília e Ricardo Petraglia) do monólogo teatral O rei dos escombros, montado em 2003 por Moacyr Chaves. Seu primeiro romance, O habitante das falhas subterrâneas, foi publicado em 2003. Esses foram seus primeiros passos, e após a publicação do primeiro romance, segue dedicando-se, na maior parte do tempo, a literatura[2][3].

É autora da trilogia A saga dos brutos, iniciada com as novelas Entre rinhas de cachorros e porcos abatidos e O trabalho sujo dos outros (publicadas em volume único) e concluída com o romance Carvão animal[4].

Os personagens de Ana Paula Maia carregam em si uma essência de maldade e fraternidade elevados em potência máxima ao longo de suas narrativas. O belo e o imperfeito ganham novas dimensões em sua literatura. Embora extraídos da realidade, seus personagens recebem roupagem e tratamentos que transformam o cotidiano muitas vezes ignorado, com seus protagonistas invisíveis para a maioria das pessoas, em espetáculo do estranhamento. A autora tematiza a relação do homem com o trabalho, a moldagem do caráter pelas atividades diárias e a inferiorização do homem pelo trabalho que exerce são pontos importantes do universo da autora.

- Entre as rinhas da ficção de Ana Paula Maia - Paulo André. Verbo21, 13 de abril de 2011</ref>[5], muitas vezes com elementos escatológicos[6].

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Obras publicadas no exterior[editar | editar código-fonte]

  • 2016: Di Uomini e Bestie - (Editora Nuova Frontiera) - Edição Italiana de "De gados e homens"
  • 2015: Du bétail et des hommes - (Éditions Anacaona) - Edição Francesa de "De Gados e Homens"
  • 2015: De ganados y hombres - (Editora Eterna Cadencia) - Edição Argentina de "De gados e homens"
  • 2013: "Krieg der bastarde - (Editora A1) - Edição Alemã de "A guerra dos bastardos"
  • 2013: Charbon Animal - (Editora Anacaona) - Edição Francesa de "Carvão Animal"
  • 2011: "Rat Kopilad" - (Editora Rende) - Edição Sérvia de "A guerra dos bastardos"

Ensaios, Artigos e Antologias[editar | editar código-fonte]

  • ENSAIO - Delicados Abismos - de Claudia Nina, organização Mirna Queiroz. Editora Oito e Meio, 2013- (Coletânea de textos de crítica literária publicados na Revista Pessoa. Análise do romance Carvão Animal, de Ana Paula Maia)
  • ENSAIO - O Pós-Pós Moderno -novos caminhos da prosa brasileira / org. Godofredo de Oliveira Neto - Editora Luminária -2011.
  • ENSAIO - Contemporâneo -Expressões da literatura brasileira no século XXI / por Beatriz Resende -Editora Casa da Palavra: Biblioteca Nacional - 2008
  • 25 mulheres que estão fazendo a nova literatura brasileira / organização Luiz Rufatto - Editora Record, 2004
  • Sex´n´Bossa - Antologia di narrativa erotica brasiliana / organização Patrizia di Malta - Editora Mondadori - Itália - 2005
  • Contos sobre tela / organização Marcelo Moutinho - Editora Pinakotheke - 2005
  • 35 segredos para chegar a lugar nenhum / organização Ivana Arruda Leite - Editora Bertrand Brasil -2007
  • Blablablogue - crônicas& confissões / organização Nelson de Oliveira - Editora Terracota - 2009
  • Todas as Guerras -Volume 1 (Tempos modernos) / Org. Nelson de Oliveira - Editora Bertrand Brasil- 2009
  • 90-00 - Cuentos brasileños contemporáneos / org. Nelson de Oliveira e Maria Alzira Brum - 2009- Peru
  • 10 cariocas / org. Federico Lavezzo– Ferreyra editor (Argentina) - 2009
  • Geração Zero Zero / org. Nelson de Oliveira - Editora Record - 2011
  • Revista Brasileira - Publicação da Academia Brasileira de Letras - Ano 2011/nº68 - Conto De Gados e Homens.
  • O Livro Branco / org. Henrique Rodrigues - Editora Record - 2012
  • 90-00 - Cuentos brasileños contemporáneos / org. Nelson de Oliveira e Maria Alzira Brum - 2012- México
  • Revista Orsai - Abril de 2012 - Nº6 - Argentina
  • Dez contos para ler sentado / org. Tito Couto - Editora Caminho - 2012 - Portugal
  • Lichtungen - Revista literária austríaca - 2013
  • 50 versão de amor e prazer / org. Rinaldo Fernandes - Geração Editorial - 2012
  • Je suis toujours favela - Editora Anacaona - 2013

Cinema[editar | editar código-fonte]

Ana Paula Maia adaptou com Guilherme Weber o romance Santa Maria do Circo, do escritor mexicano David Toscana, para o cinema. A produção é da Bananeira Filmes e a direção é de Guilherme Weber. O longa-metragem será filmado no início de 2014 e tem no elenco, entre outros, Lima Duarte. Este é seu primeiro longa-metragem e a previsão de lançamento é para 2016.

Referências

  1. A guerra dos bastardos. Fausto Wolff- Revista eletrônica
  2. Muito está fora da ordem. Jornal Rascunho, julho de 2009
  3. Concorra a convites para "O Rei dos Escombros". Diário Web
  4. Atraente ritual funesto. Divirta-se Notícia, 29 de março de 2011
  5. Ana Paula Maia fala de novo livro no Sempre Um Papo. PublishNews, 19 de abril de 2011
  6. Em "Carvão Animal", Ana Paula Maia fala de ofícios que geram repulsa. Colherada Cultural, 2 de maio de 2011

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.