Anastasia Bliznyuk

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Anastasia Bliznyuk
Bliznyuk em 2016
Informações pessoais
Nome completo Anastasia Ilyinichna Bliznyuk
Apelido Nastya
Modalidade Ginástica rítmica
Representante Rússia
Nascimento 28 de junho de 1994 (26 anos)
Zaporíjia, Ucrânia
Nacionalidade russa
Compleição Peso: 50 kg Altura: 1,70 m
Nível Sênior
Treinador Irina Viner
Clube MGFSO Moscou
Período em atividade 2009–2013, 2015–atualidade

Anastasia Ilyinichna Bliznyuk (em russo: Анастасия Ильинична Близнюк; Zaporíjia, 28 de junho de 1994) é uma ginasta russa que compete em provas de ginástica rítmica, bicampeã olímpica em 2012 e 2016.[1] Ela é uma das três ginastas russas a ganhar duas medalhas de ouro por equipes em Jogos Olímpicos, após Natalia Lavrova (2000 e 2004) e Yelena Posevina (2004 e 2008).[2]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Bliznyuk (primeira da esquerda) e a equipe russa antes de uma apresentação nos Jogos Olímpicos de 2012.

Bliznyuk fez parte da equipe russa que obteve a medalha de ouro no Campeonato Europeu de 2012, em Nijni Novgorod, e na final da Copa do Mundo em Minsk, Bielorrússia.[3] Acabou convocada para integrar o grupo que iria participar dos Jogos Olímpicos de Londres, onde obteve a vitória por equipes ao lado das companheiras Uliana Donskova, Ksenia Dudkina, Alina Makarenko, Anastasia Nazarenko e Karolina Sevastyanova.[4]

Após as Olimpíadas continuou suas performances representando a Rússia, onde se conquistou três medalhas de ouro na Universíada de Cazã,[5] além de ganhar o título no exercício de três bolas e duas fitas no Campeonato Mundial de 2013, em Kiev.[6] Após essas competições, houve uma renovação de ginastas na seleção nacional, mas Bliznyuk ainda ficou listada na equipe e chegou a ficar um tempo na comissão técnica da seleção do Brasil.[7]

Em 2015, retornou seus treinos na ginástica rítmica competitiva com o objetivo de retornar ao time principal da Rússia.[8] Sua primeira competição internacional após a pausa foi na etapa de Moscou da Copa do Mundo, realizada em fevereiro de 2016.[9] Em junho, já participava no Campeonato Europeu de Holon, Israel, onde conquistou o primeiro lugar por equipes.[10] Foi então convocada para disputar sua segunda Olimpíadas, nos Jogos do Rio de Janeiro em agosto, ao lado de Vera Biryukova, Anastasia Maksimova, Anastasia Tatareva e Maria Tolkacheva. Depois de passar a fase de qualificação com a segunda melhor nota (35,516 pontos), a equipe conquistou a medalha de ouro na final com 36,233 pontos.[11]

No Campeonato Mundial de Pésaro, na Itália, em 2017, Bliznyuk ainda integrou uma renovada seleção russa com Maria Kravtsova, Evgenia Levanova, Ksenia Polyakova e as remanescentes da Rio 2016 Tatareva e Tolkacheva, onde totalizaram duas medalhas de ouro (equipes e exercício de 3 bolas e 2 cordas) e uma prata (5 arcos).[12] Elas ainda competiram no Campeonato Europeu de 2018 em Guadalajara, Espanha, ganhando o ouro na competição geral e o bronze nos 5 arcos.[13]

Referências

  1. «Anastasiya Bliznyuk» (em inglês). Olympedia. Consultado em 23 de fevereiro de 2021 
  2. «Rhythmic gymnastics and the Olympics: sport returns to debut city at LA 2028» (em inglês). Olympic Channel. 1 de setembro de 2020. Consultado em 23 de fevereiro de 2021 
  3. «28th Europeans of Rhythmiic Gymnastics 2012: Russia with eight of nine Titles!» (em inglês). Gymmedia. 3 de junho de 2012. Consultado em 23 de fevereiro de 2021 
  4. «RUSSIA DOMINATE ONCE AGAIN - LONDON 2012 - RHYTHMIC GYMNASTICS» (em inglês). olympic.org. 12 de agosto de 2016. Consultado em 23 de fevereiro de 2021 
  5. «Penza gymnast Anastasia Bliznyuk wins two gold medals of Universiade in Kazan» (em inglês). PenzaNews. 16 de julho de 2013. Consultado em 23 de fevereiro de 2021 
  6. «Results for 32nd FIG Rhythmic Gymnastics World Championships, KIEV 2013 (UKR) – Rhythmic Group Senior - Group 3x+2x» (em inglês). FIG. Consultado em 23 de fevereiro de 2021 
  7. «Medalhista olímpica, Anastasia Bliznyuk, passa experiência para ginastas brasileiras». Jornal do Dia. 13 de fevereiro de 2014. Consultado em 23 de fevereiro de 2021 
  8. «Предпринимаются попытки вернуть Анастасию Близнюк в основную сборную РФ — тренер» (em russo). PenzaNews. 5 de junho de 2015. Consultado em 23 de fevereiro de 2021 
  9. «Итоги Гран-при 2016» (em russo). Gimnastika.PRO. 23 de fevereiro de 2016. Consultado em 23 de fevereiro de 2021 
  10. «Russia clinch group title on opening day of European Rhythmic Gymnastics Championships» (em inglês). Inside the Games. 17 de junho de 2016. Consultado em 23 de fevereiro de 2021 
  11. «RUSSIA CONTINUE GOLDEN STREAK IN RHYTHMIC GYMNASTICS» (em inglês). olympic.org. 14 de setembro de 2016. Consultado em 23 de fevereiro de 2021 
  12. «"Farfalle" soar to Group gold on final day of Rhythmic Worlds» (em inglês). FIG. 3 de setembro de 2017. Consultado em 23 de fevereiro de 2021 
  13. «34th Europeans of Rhythmic Gymnastics 2018» (em inglês). Gymmedia. 3 de junho de 2018. Consultado em 23 de fevereiro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]