Andrea Stella

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Andrea Stella
Nascimento 22 de fevereiro de 1971 (47 anos)
Orvieto
Cidadania Itália
Ocupação engenheiro

Andrea Stella (Orvieto, 22 de fevereiro de 1971) é um engenheiro italiano. Ele atualmente é o diretor de performance da equipe de Fórmula 1 da McLaren.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Stella graduou-se em engenharia aeroespacial na Universidade de Roma com uma tese realizada no C.E.I.M.M. (Centro Esperienze Idrodinamiche Marina MIlitare), em Roma.

Em 2000, ele começou a trabalhar para a equipe de corridas da Ferrari. Primeiro Stella foi ativo na equipe de teste, após extensas proibições de testes de veículos durante a temporada, a partir de 2002, ele fica responsável pela preparação do carro de Michael Schumacher e, a partir de 2007, do carro de Kimi Räikkönen. Em 2009, Stella foi promovido a engenheiro de pista de Kimi Räikkönen. Em 2006, Stella também trabalhou como engenheiro de pista com Valentino Rossi quando o motociclista fez testes na Ferrari. Entre as temporadas de 2010 e 2014, ele foi engenheiro de pista de Fernando Alonso, quando o espanhol era piloto da Ferrari.[2]

Em meados de 2014, a Ferrari ofereceu a renovação de seu contrato, mas ele recusou após receber uma oferta da McLaren. Ele, juntamente com Alonso, se muda para a McLaren para a temporada de 2015, e se torna o chefe de operações de corrida da equipe britânica.[3]

Para a temporada de 2017, além de continuar como responsável pelos engenheiros de pista da McLaren, ele assumiu algumas responsabilidades no âmbito da gestão esportiva e foi designado para lidar com o relacionamento com a Federação Internacional de Automobilismo (FIA).[4][5][6] Em 4 de julho de 2018, a McLaren anunciou havia promovido Andrea Stella como seu diretor de performance.[7][8]

Referências

  1. «F1 – McLaren explica como funcionará sua nova estrutura». Autoracing. Consultado em 5 de junho de 2018. 
  2. «Nos bastidores do paddock, Andrea Stella faz sua estreia na McLaren-Honda». Portal Race. Consultado em 20 de janeiro de 2017. 
  3. «Andrea Stella confirmed at McLaren as MP4/30 completes another filming day» (em inglês). Formulaspy.com. Consultado em 20 de janeiro de 2017. 
  4. «Diretor deixa McLaren e assume posição na Williams». Motorsport.com. Consultado em 5 de junho de 2018. 
  5. «Boullier fala em empolgação com reestruturação técnica e novo carro da McLaren para temporada 2017 da F1». Grande Prêmio. Consultado em 5 de junho de 2018. 
  6. «Quem é quem na Fórmula 1 2018». globoesporte.globo.com. Consultado em 5 de junho de 2018. 
  7. «Gil de Ferran se torna novo diretor esportivo da McLaren». Motorsport.com. Consultado em 5 de junho de 2018. 
  8. «Boullier pede demissão como diretor de corridas e deixa McLaren. E De Ferran assume como novo diretor esportivo». Grande Prêmio. Consultado em 5 de junho de 2018. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]