Andrea di Bartolo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Cristo na Estrada para o Calvário, 1415-20. Coleção Thyssen-Bornemisza, Pedralbes
Coroação de Maria, por Andrea di Bartolo
Madonna da Humildade, por Andrea di Bartolo

Andrea di Bartolo (1360/70 - Siena 1428) foi um pintor italiano da Escola de Siena, ativo entre 1389-1428.

Foi o único sobrevivente de nove filhos do pintor Bartolo di Fredi. Passou sua juventude na oficina do pai onde recebeu muitas encomendas importantes tais como o políptico A Coroação de Maria, agora preservado no Museu de Arte Religiosa em Montalcino. Colaborou também com Luca di Tommè.

Andrea teve dois filhos artistas, Giorgio di Andrea di Bartolo (1409 - 1428) e Ansan di Andrea di Bartolo (1439 - 1480), que trabalharam com Sano di Pietro no Livro de Corais da Catedral de Siena. É possível que tenha também sido o professor de Sano di Pietro.

Andrea di Bartolo continuou com a tradição de Siena e de Duccio e Simone Martini. Como esse último, viajou muito para realizar trabalhos, incluindo Marcas, Veneza e Treviso.

Ver também[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Andrea di Bartolo
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.