Android 10

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Android 10
Versão do sistema operativo Android
Logótipo
Captura de tela
Tela inicial do Android 10 com alguns apps stock da Google
Produção Google
Lançamento 3 de setembro de 2019 (0 anos)
Versão estável 10 (QP1A.190711.020)
Versão em teste 6
Mercado-alvo Dispositivos móveis
Gestão de pacotes APK
Núcleo Linux (núcleo)
Interface Material Design
Página oficial www.android.com/android-10
Cronologia
Android Pie

Android 10 (codinomeado Android Q durante o desenvolvimento) é uma versão do sistema operacional móvel Android desenvolvida pela empresa Google, lançado em 13 de março de 2019, como versão de teste beta 1, para os usuários desenvolvedores/testadores de aparelhos do modelo Google Pixel (primeira geração).[1][2] É a primeira versão do Android a não contar com o codinome de um doce, apenas o numeral 10.

Se planeja lançar um total de seis versões de teste antes do lançamento final voltada aos devenvolvedores (Beta Developer Preview), para prepararem aplicativos/serviços para quando a versão oficial estiver disponível,[3] com lançamento previsto para o terceiro trimestre de 2019.[4][5] Esta versão é focado nos quesitos segurança e privacidade do usuário (funções principais, permissões de aplicativos e, conectividade).[1] A versão finalizada do Android 10 foi lançada em 3 de setembro de 2019.[6]

Mudanças[editar | editar código-fonte]

O Android 10 possui as seguintes mudanças:[1]

  • Função de modo noturno (escuro) em todo o sistema;[7]
  • Controle sobre localização: quando um aplicativo solicitar acesso à localização (através do GPS), o usuário tem a função de optar por “Permitir apenas enquanto o app estiver em uso”, ao ser colocado em segundo plano o perderá a permissão;
  • Configurações do sistema através de aplicativos: possibilidade de configurar o sistema a partir do menu de aplicativos de terceiros que o usuário estiver utilizando, com as funções relacionadas.
  • Atalhos de compartilhamento
  • Fotos com imagem de profundidade dinâmica;
  • Melhor suporte a dispositivos dobráveis;
  • Alternador de saída de áudio;
  • Suporte ampliado para API Vulkan;
  • Autonomia restante da bateria na barra de notificações;
  • Economia mais inteligente de bateria;
  • Função de gravar os movimentos na tela (screen-capture);[7]
  • Armazenamento individual para apps;
  • Esquemas de cores do sistema;
  • Modo deslizar notificações;
  • Melhoria no gerenciador de arquivos "Arquivos" com uso do Material Design;
  • Melhoria do Android Runtime, sistema mais rápido.
  • Compartilhar a senha de rede WiFi conectada, à outro dispositivo através de código QR.[8]
  • Função de reconhecimento facial 3D;[7]
  • Aumento da segurança da conexão Wi-Fi com protocolo de segurança WPA3;[7]
  • Suporte a conexão de internet móvel rápida 5G;[7]
  • Suporte a conexão de internet Wi-Fi de alto desempenho com baixa latência;[9]
  • Opção de emergência permite acessar o discador de emergência, que estava acessível apenas através da tela de bloqueio.[7]
  • Função de desabilitar todos os sensores, com o Sensor Privacy;[7]
  • Aprimoramento na autenticação biométrica unificada;[9]
  • Executar código de barra DEX diretamente do APK;[9]
  • Suporte ao protocolo de segurança de comunicação via internet TLS 1.3;[9]
  • Canais Orientados ao Bluetooth LE, cria conexões para transferir fluxos de dados maiores entre dois aparelhos com Bluetooth LE;[9]
  • Capacidade de coletar informações sobre a qualidade das chamadas em andamento do IP Multimedia Subsystem - IMS;[9]
  • Interface MIDI (Android Native MIDI API - AMidi) que permite a interação com controladores de música;[9]
  • Câmeras armazenam os dados de profundidade de uma imagem em arquivo separado, usando o esquema Dynamic Depth Format.[9]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c Lima, Ramalho (19 de março de 2019). «16 novidades de maior destaque do Android 10 Beta». TecMundo. dispositivos móveis. Consultado em 19 de março de 2019 
  2. «Introducing Android Q Beta». Android Developers Blog (em inglês). Consultado em 20 de março de 2019 
  3. «Primeira versão de testes do Android Q já está disponível para download; veja como instalar». Tudo Celular. Consultado em 20 de março de 2019 
  4. «Program Overview». Android Developers (em inglês). Consultado em 16 de março de 2019 
  5. «Android Q timeline: Six betas planned, final release in Q3». Android Police (em inglês). 13 de março de 2019. Consultado em 20 de março de 2019 
  6. Stephanie Cuthbertson (3 de setembro de 2019). «Welcoming Android 10!». Android Developers Blog. Consultado em 27 de setembro de 2019 
  7. a b c d e f g «Android Q will bring support for Face ID, built-in screen recorder, WPA3». GSM Arena (em inglês). Consultado em 20 de março de 2019 
  8. «O Android Q facilita o compartilhamento de sua senha do Wi-Fi com amigos». NextWeb. TechnoGlitz. Consultado em 20 de março de 2019 
  9. a b c d e f g h «Android Q features and APIs». Android Developers (em inglês). Consultado em 20 de março de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre software é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.