Anel de Barahir

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O Anel de Barahir é um objeto da obra de J.R.R.Tolkien.

O anel foi dado a Barahir pelo elfo-rei Finrod Felagund como recompensa pelo humano o ter salvo na Dagor Bragollach, e como sinal de eterna amizade entre Finrod e a Casa de Barahir. A mão de Barahir foi decepada na investida de orcs a Dorthonion, mas Beren, filho de Barahir conseguiu recuperá-lo.

Sua aparência era de duas serpentes entrelaçadas com olhos de esmeralda encimadas por uma coroa de flores douradas.

O Anel passou de geração em geração para chegar às mãos de Aragorn na Terceira Era. Inclusive ele foi incluído na versão cinematográfica de O Senhor dos Anéis, como pode ser visto aqui.

Ícone de esboço Este artigo sobre a obra de J. R. R. Tolkien é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.