Discografia de Lucero

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Discografia de Lucero
14-02-2011 Concierto de Lucero.jpg
Álbuns de estúdio 22
Álbuns ao vivo 3
Álbuns de compilação 53
EPs 4
Trilhas sonoras 7

A discografia da atriz e cantora mexicana Lucero consiste em 22 álbuns de estúdio (treze com músicas do gênero pop, oito com os do gênero mariachi e um com os dois gêneros), três álbuns ao vivo, 53 coletâneas (incluindo as oficiais, não-oficiais e com participações especiais), quatro extended plays (EPs) e seis trilhas sonoras de filmes em que protagonizou ou colaborou. A artista no total já vendeu mais de 27 milhões de cópias dos seus discos ao redor do mundo.[1] Lucero lançou seu primeiro álbum de estúdio em 1983, com então apenas treze anos. O álbum Te Prometo, foi produzido por Sérgio Andrade e lançado pela hoje extinta gravadora mexicana Musart Records.[2] Por conta do sucesso da artista na série Chiquilladas, o álbum acabou vendendo aproximadamente 150 mil cópias no México, conquistando o disco de ouro. Seguindo o embalo do sucesso do primeiro disco, em 1984 Lucero lança seu segundo álbum de estúdio, Con Tan Pocos Años, novamente produzido por Sérgio Andrade. O disco, que expressa nitidamente o começo da maturidade da artista, se destaca com as canções "Música" e "Con Tan Pocos Años". Obteve aproximadamente 200 mil cópias vendidas, conquistando o disco de platina no México.

Em 1985, após lançar dois EPs, Lucero lança o álbum Fuego y Ternura. Este é o primeiro álbum de Lucero que Sérgio Andrade não produziu, além de não ter escrito nenhuma de suas canções. Houve colaborações de vários artistas como Joan Sebastian e Prisma. Fuego y Ternura obteve 250 mil cópias vendidas, conquistando o disco de platina no México e um de seus singles, "Siempre Te Seguiré", alcançou a 14ª posição nas rádios mexicanas. Em 1986, após contribuir para a trilha sonora de um filme em que protagonizou, Lucero lança seu quarto álbum de estúdio, Un Pedacito de Mí. Este é o primeiro álbum da artista a ser lançado pela gravadora mexicana Melody Records (atual Fonovisa Records). Un Pedacito de Mí obteve 300 mil cópias vendidas, conquistando o disco de ouro e platina no México. Um de seus singles, "Era la Primera Vez", entrou na Hot Latin Songs da Billboard, alcançando a 17ª posição. Este é o primeiro single de Lucero a entrar na Billboard. Em 1988, Lucero lança o álbum Lucerito, que acaba sendo um êxito em outros países como Argentina, Chile e Colômbia. No México, o álbum obteve 400 mil cópias vendidas, conquistando o disco de platina. Os singles "Vete Con Ella" e "No Me Hablen de Él" acabou alcançando a sétima e a quinta posição na Hot Latin Songs respectivamente.

Em 1989, ao completar quase dez anos de carreira, Lucero resolve investir pesado em seu próximo álbum, mudando tanto sua imagem como suas próximas canções. Seu sexto álbum de estúdio, intitulado Cuéntame, é considerado até hoje um dos mais bem sucedidos da artista. Obteve 800 mil cópias vendidas, conquistando o disco de platina no México.[3] Entre seus cinco singles, os mais conhecidos e populares da artista são "Cuéntame" e "Corazón a la Deriva", que alcançaram a segunda e a sétima posição na Hot Latin Songs respectivamente.[4] Em 1990, Lucero resolve investir em outro tipo de música: o tradicional mariachi, lançando o álbum Con Mi Sentimiento. Mesmo não tendo uma divulgação bruta por parte da artista, o álbum vendeu aproximadamente 500 mil cópias, conquistando o disco de ouro e platina no México,[3] além de alcançar a nona posição na Billboard Regional Mexican Albums, sendo o primeiro álbum de Lucero a estreiar na Billboard.[5] Um de seus singles, "Te Tuve y Te Perdí", alcançou a 12ª posição na Hot Latin Songs.[6]

Em 1991, Lucero volta a música pop com o álbum Sólo Pienso En Tí. O álbum alcançou a sétima posição na Billboard Latin Pop Albums[7] e obteve aproximadamente 300 mil cópias vendidas no México, conquistando o disco de platina.[3] Os singles mais conhecidos são "Ya No" e "Electricidad", que alcançaram a sétima e quinta posição na Hot Latin Songs respectivamente.[6] No ano seguinte, a artista volta a se dedicar ao mariachi lançando Lucero de México. Obteve 1 milhão de cópias vendidas, sendo considerado até hoje um dos mais vendidos da história da música mexicana.[3] Além disso, o álbum alcançou a 45ª posição na Billboard Top Latin Albums[8] e a sexta na Billboard Regional Mexican Albums.[9] O single mais conhecido do álbum é a canção "Llorar", escrito por Joan Sebastian, que alcançou a 29ª posição na Hot Latin Songs.[10]

Em 1993, Lucero lança seu décimo álbum de estudio que leva o seu próprio nome. O disco obteve 400 mil cópias vendidas, conquistando o disco de platina no México[3] e alcançou a décima posição na Billboard Latin Pop Albums e a 19ª na Top Latin Albums.[11] Dos seis singles lançados, o mais conhecido e que acabou se tornando a canção assinatura de Lucero foi "Veleta", que alcançou a segunda posição na Hot Latin Songs.[6] Os outros que também tiveram êxito foram "Sobreviviré" (#8 na Hot Latin Songs), "El Número Uno" (#22 na Hot Latin Songs) e "Cerca de Tí" (#23 na Hot Latin Songs).[6] No ano seguinte, Lucero lança seu terceiro álbum de mariachi, ¡Cariño de mis Cariños!. O álbum obteve aproximadamente 400 mil cópias vendidas, conquistando o disco de platina no México,[3] além de alcançar a 13ª posição Top Latin Albums[12] e a segunda na Regional Mexican Albums.[13] Os singles mais conhecidos do álbum são "Me Estás Quemando" (#22 na Hot Latin Songs) e "Te Acordarás de Mí" (#23 na Hot Latin Songs).[14]

Em 1995, Lucero lança o álbum Siempre Contigo, o terceiro a ser em parceria com Rafael Pérez Botija, sendo Sólo Pienso en Tí o primeiro e Lucero o segundo. Mesmo a artista não tido feito tanto alarde em cima do álbum, Siempre Contigo obteve 500 mil cópias vendidas, conquistando o disco de ouro e platina no México.[3] Alcançou a 15ª posição na Top Latin Albums[15] e seus dois singles "Siempre Contigo" e "¿Quién Soy Yo?", alcançaram a quarta e 24ª posição na Hot Latin Songs respectivamente, e a primeira e a 12ª posição na Latin Pop Songs.[16]

Após um intervalo de dois anos, Lucero lança seu 13º álbum de estúdio, Piel de Ángel, em que contou com produção dos italianos Maurício Fabrizio e Cláudio Guidetti. Além deste álbum possuir canções escrita por outros compositores como José Cantoral e Gerardo Flores. Obteve 400 mil cópias conquistando o disco de platina no México[3] e alcançou a 12ª posição na Latin Pop Albums[17] e a 28ª posição na Top Latin Albums.[18] Foram lançados os singles "Quiero", "Toda la Noche", "Piel de Ángel", "Una Vez Más" e "Tácticas de Guerra", que alcançou a 13ª posição na Hot Latin Songs e a segunda na Latin Pop Songs.[19]

Em 1998, Lucero lança seu quarto álbum de mariachi, Cerca de Tí. Foi seu último álbum para a gravadora Melody, em que pertencia desde 1986. Obteve 600 mil cópias vendidas, conquistando o disco de platina duplo no México e alcançou a 29ª posição no Top Latin Albums[20] e a 12ª na Regional Mexican Albums.[21] O single "Corazón Lastimado" alcançou a 32ª posição na Hot Latin Songs. Cerca de Tí também seria o último álbum de Lucero a entrar na Billboard até 2010.

Em 1999, lança seu primeiro álbum ao vivo, intitulado Un Lucero en la México. Além de ser o primeiro álbum ao vivo, Un Lucero en la México foi o primeiro álbum de Lucero a ser lançado pela Sony Music. O projeto foi lançado em CD duplo, um dedicado somente a música pop e o outro dedicado ao mariachi. O álbum obteve 200 mil cópias vendidas no México, conquistando o disco de ouro.[22] No ano seguinte, Lucero lança seu 14ª álbum de estúdio, considerado o mais ambicioso até então. Mi Destino foi o primeiro álbum em que Lucero contribuiu para a composição de algumas canções, além de gravar uma canção completamente em inglês.[23] Foram lançados os singles "Mi Destino Eres Tú", música-tema da novela homônima, "No Puedo Más", "Nadie Me Quiere Como Tú" e "Cada Latido".

Em 2002, Lucero lança Un Nuevo Amor, seu quinto álbum de mariachi. Foi o último a ser lançado pela Sony Music e obteve 80 mil cópias vendidas conquistando o disco de ouro no México.[3] Os singles lançados foram: "Que Alguién Me Diga" e "Como Te Voy a Olvidar". Em 2004, Lucero lança mais um álbum de mariachi: Cuándo Sale un Lucero. Este é o primeiro da artista a ser lançado pela EMI Music e obteve 50 mil cópias vendidas, conquistando o disco de ouro no México.[3] [24] Foram lançados três singles: "Vete Por Dónde Llegaste (Jugo de Piña)", "El Cable (Ven Papi)" e "Entre la Espada y la Pared". Dois anos depois, Lucero lança o álbum Quiéreme Tal Como Soy, em que consta regravações de músicas escritas por Rafael Pérez Botija, compositor e produtor que trabalhou em parceria com Lucero em diversos álbuns.[25] Além de conter regravações de seus maiores sucessos: "Veleta", "Ya No" e "Electricidad", há também outras escritas por Botija que foram gravadas originalmente por outros cantores como Rocio Durcal e José José.[25] Foram lançados os singles "La Única Que Te Entiende", "O Tú o Nada", "Que Pasará Mañana" e "Tú Eres Mi Refúgio". O álbum obteve 70 mil cópias vendidas no México, conquistando o disco de ouro.[3]

Em 2010, três anos após lançar seu segundo álbum ao vivo e seis sem lançar material novo, Lucero volta com Indispensable, seu 19º álbum de estúdio e o primeiro a ser lançado pela Siente Music, fusão entre a Universal Music e a Venevisión International.[26] Este álbum representa a clara intenção de Lucero em se inovar e de se aproximar do público mais jovem.[27] Seu repertório é totalmente diferente dos álbuns anteriores da artista, puxando mais para o electropop. Por ter sido um dos projetos mais arriscados da artista, o álbum obteve críticas mistas, a maioria delas negativas, principalmente pelo fato de seu repertório ser muito antiquado para Lucero.[28] Indispensable obteve 40 mil cópias vendidas, conquistando o disco de ouro no México e também fez com que Lucero estreasse na Billboard 200, alcançando a 172ª posição.[29] Na Latin Pop Albums, alcançou a terceira[30] e na Top Latin Albums, a quarta.[31] Os singles lançados foram: "Dueña de tu Amor", música-tema da novela Soy Tu Dueña, em que foi a protagonista, "Amor Virtual", "Indispensable", "Eres Todo" e "Esta Vez la Primera Soy Yo". Em 2011, Lucero lança seu sétimo álbum de mariachi e o vigésimo no total, Mi Secreto de Amor. O álbum alcançou a 43ª posição na Top Latin Albums[32] e a vigésima na Regional Mexican Albums.[33] Foi lançado somente um single: "Costumbres", escrita por Juan Gabriel.[34]

Em 2012, Lucero lança em parceria com o cantor e compositor mexicano Joan Sebastian, o álbum Un Lu*Jo, constituída por músicas rancheras escritas e compostas por Sebastian.[35] O álbum alcançou a quarta posição na Top Latin Albums[36] e a primeira na Regional Mexican Albums[37] Foram lançados dois singles: "Caminar Contigo" e "Diséñame". No ano seguinte, Lucero lança seu terceiro álbum ao vivo, En Concierto. O álbum, lançado em CD e DVD, contêm também mais duas canções inéditas: "No Pudiste Amar Así", que foi lançado como single,[38] e "Te Deseo lo Mejor". Alcançou a 16ª posição na Latin Pop Albums, a 42ª na Top Latin Albums[39] e a 75ª posição na AMPROFON Top 100.[40]

Em 14 de Novembro de 2014, Lucero lança seu 22º álbum de estúdio, Aquí Estoy, constituído por regravações de sucessos da cantora mexicana Ana Gabriel.[41] Foram lançados dois singles: "No Entiendo" e "Ay Amor".[42] O álbum estreou na Top Latin Albums alcançando a nona posição[43] e na Latin Pop Albums, a quarta posição.[44] No México, o álbum estreou na 66ª posição[45] e posteriormente avançou para a 39ª na lista AMPROFON Top 100.[46] Na Top 20, o álbum estreou na 18ª posição.[47]

Em 2015, Lucero lançou seu quarto EP, Dona Desse Amor, lançado em download digital. O EP contêm versões em português de algumas canções da artista, todas escritas por César Lemos. O EP estrou na 28ª posição na iTunes charts do Brasil.

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

Lista de álbuns de estúdio, com as principais posições, vendas e certificações
Título Informações Posição Vendas Certificações
MÉX
[48] [49]
EUA
200

[50]
EUA
Top
Latin

[51]
EUA
Latin
Pop

[52]
EUA
Regional
Mex
[53]
ARG CHI COL CR PER
Te Prometo
  • Lançamento: 26 de Janeiro de 1983
  • Gravadora: Musart Records
  • Formato: LP, cassete
5
  • MÉX: 150.000[3]
  • MÉX: Ouro
Con Tan Pocos Años
  • Lançamento: 23 de Dezembro de 1984
  • Gravadora: Musart Records
  • Formato: LP, cassete
4
  • MÉX: 200.000[3]
  • MÉX: Platina
Fuego y Ternura
  • Lançamento: 27 de Maio de 1985
  • Gravadora: Musart Records
  • Formato: LP, cassete
4
  • MÉX: 250.000[3]
  • MÉX: Platina
Un Pedacito de Mí
  • Lançamento: 27 de Novembro de 1986
  • Gravadora: Musart Records
  • Formato: LP, cassete
1
  • MÉX: 300.000
  • MÉX: Ouro+Platina
Lucerito
  • Lançamento: 16 de Abril de 1988
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: LP, cassete
1
10
11
9
5
10
  • MÉX: 400.000[3]
Cuéntame
  • Lançamento: 5 de Junho de 1989
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: LP, cassete
1
5
10
3
1
2
  • MÉX: 800.000[3]
Con mi Sentimiento
  • Lançamento: 3 de Abril de 1990
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: LP, cassete
2
9
  • MÉX: 2x Platina[55]
Sólo Pienso en Ti
  • Lançamento: 29 de Junho de 1991
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: LP, cassete
1
7
2
3
1
1
1
  • MÉX: 300.000[3]
  • ARG: Ouro
  • CHI: Ouro
  • MÉX: Platina[54]
Lucero de México
  • Lançamento: 25 de Fevereiro de 1992
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: LP, cassete
1
45
6
  • MÉX: 2.000.000[55]
  • AMCEN: Ouro
  • CHI: Ouro
  • MÉX: 2x Platina[55]
  • PAN: Ouro
Lucero
  • Lançamento: 13 de Julho de 1993
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: LP, cassete, CD
1
19
10
4
2
1
1
1
¡Cariño de mis Cariños!
  • Lançamento: 26 de Junho de 1994
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: LP, cassete, CD
1
13
2
  • MÉX: 400.000[3]
Siempre Contigo
  • Lançamento: 30 de Maio de 1995
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: LP, cassete, CD
1
15
15
10
9
5
8
  • MÉX: 500.000[3]
  • MÉX: Ouro+Platina
Piel de Ángel
  • Lançamento: 13 de Agosto de 1997
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: Cassete, CD
1
28
12
10
9
6
2
5
Cerca de Ti
  • Lançamento: 3 de Novembro de 1998
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: Cassete, CD
1
29
12
  • MÉX: 600.000
  • MÉX: 2x Platina
Mi Destino
1
20
15
10
10
12
  • MÉX: 150.000
Un Nuevo Amor
  • Lançamento: 31 de Março de 2002
  • Gravadora: Sony Music Entertainment
  • Formato: Cassete, CD
1
  • MÉX: 80.000
  • MÉX: Ouro
Cuándo Sale un Lucero
9
  • MÉX: 50.000[3]
Quiéreme Tal Como Soy
  • Lançamento: 9 de Setembro de 2006
  • Gravadora: EMI Music
  • Formato: CD, download digital
1
10
5
15
10
8
  • MÉX: 70.000[3]
Indispensable
  • Lançamento: 21 de Setembro de 2010
  • Gravadora: Siente Music
  • Formato: CD, download digital
16
172
4
3
  • MÉX: 40.000
Mi Secreto de Amor
  • Lançamento: 6 de Dezembro de 2011
  • Gravadora: Siente Music
  • Formato: CD, download digital
48
43
20
Un Lu*Jo
  • Lançamento: 22 de Maio de 2012
  • Gravadora: Skalona Records
  • Formato: CD, download digital
3
4
1
Aquí Estoy
39
9
4
"—" denota lançamentos que não se classificaram ou não foram lançados nesse território.

Álbuns ao vivo[editar | editar código-fonte]

Lista de álbuns ao vivo, com as principais posições, vendas e certificações
Título Informações Posição Vendas Certificações
MÉX
[58]
EUA
Top
Latin

[51]
EUA
Latin
Pop

[52]
Un Lucero en la México
  • Lançamento: 18 de Novembro de 1999
  • Gravadora: Sony Music Enterntainment
  • Formato: Cassete, CD
1
En Vivo Auditorio Nacional
  • Lançamento: 26 de Setembro de 2007
  • Gravadora: EMI Music
  • Formato: CD, DVD, download digital
25
  • MÉX: 45.000
En Concierto
  • Lançamento: 19 de Novembro de 2013
  • Gravadora: Universal Music Latino
  • Formato: CD/DVD, download digital
30
16
42
"—" denota lançamentos que não se classificaram ou não foram lançados nesse território.

Álbuns de compilação[editar | editar código-fonte]

Oficiais[editar | editar código-fonte]

Não oficiais[editar | editar código-fonte]

  • Los 15 Éxitos de Lucerito (1987)
  • La Colección: Lucero (1990)
  • 18 Hits (1993)
  • 16 Kilates (1994)
  • 20 Kilates (1996)
  • Serie Millenium (1999)
  • Hacia el Milenio con 21 Éxitos (1999)
  • La Sensación de Lucero (2000)
  • Serie 32 (2001)
  • 15 Éxitos (2002)
  • Magia con Lucerito (2004)
  • Trayectoria (2005)
  • Balada: Éxitos Para Siempre (2005)
  • 20 Éxitos Originales (2005)
  • Siempre Lucero: Ranchero (2005)
  • Alborada de Éxitos (2006)
  • e5 (2006)
  • 10 de Colección (2007)
  • Versiones Originales (2008)
  • La Más Completa Colección: Pop (2009)
  • La Más Completa Colección: Ranchera (2009)
  • Mis Favoritas (2010)
  • Mi Historia (2010)

Participações especiais[editar | editar código-fonte]

Lista de álbuns de compilação, com as principais posições e faixas
Título Informações Posição Vendas Certificações Faixas
MÉX EUA
Top
Latin

[60] [61]
[62]
EUA
Latin
Pop

[63] [62]
1er Festival Juguemos a Cantar
  • Lançamento: 19 de Abril de 1982
  • Gravadora: Musart Records
  • Formato: LP, cassete
1
Los Chiquillos de la TV
  • Lançamento: 1982
  • Gravadora: Musart Records
  • Formato: LP, cassete
  • "Amarrálo"
  • "Ella Es Chispita"
América, Esta es tu Canción
  • Lançamento: 1982
  • Gravadora: Musart Records
  • Formato: LP, cassete
20 Navidéxitos
  • Lançamento: 12 de Dezembro de 1982
  • Gravadora: Musart Records
  • Formato: LP, cassete
  • "Navidad en Casa"
  • "Los Reyes Magos"
Nueva Navidad
  • Lançamento: 1989
  • Gravadora: Musart Records
  • Formato: LP, cassete
  • "Esperaremos el Año Nuevo"[65]
  • "También Para Tí Es Navidad"[65]
Juntos Ayer y Hoy
  • Lançamento: 1990
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: LP, cassete
  • "Así"
El Estudio de Lara
  • Lançamento: 1990
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: LP, cassete
  • "Arrancame la Vida"
Chicas de los 90's
  • Lançamento: 1991
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: LP, cassete, VHS, CD
La Magía de los 15 Éxitos: En Balada
  • Lançamento: 1991
  • Gravadora: Fonovisa Records
  • Formato: LP, cassete, CD
El Nuevo Sol
  • Lançamento: 25 de Maio de 1995
  • Gravadora: Producciones Fonográficas
  • Formato: CD, cassete
  • "Vamos a Empezar de Nuevo"
  • "Todos y Nadie"
  • "Habra Que Unir"
Aunque Mal Paguen
  • Lançamento: 11 de Julho de 1995
  • Gravadora: Fonovisa Records
  • Formato: CD, cassete
Boleros: Por Amor y Desamor
  • Lançamento: 27 de Novembro de 1995
  • Gravadora: Melody Records
  • Formato: CD, cassete
Amigos
  • Lançamento: 30 de Julho de 1997
  • Gravadora: Sony Music Entertainment
  • Formato: CD, cassete
20
11
  • "Tú Eres Mi Destino"[70]
De Telenovelas
  • Lançamento: 23 de Setembro de 1997
  • Gravadora: Universal Music Latino
  • Formato: CD, cassete
Romántico Desde Siempre, Vol. 2
  • Lançamento: 21 de Outubro de 1997
  • Gravadora: EMI Music
  • Formato: CD, cassete
Amor de Novelas
  • Lançamento: 7 de Julho de 1998
  • Gravadora: Universal Music
  • Formato: CD, cassete
Billboard Hot Latin Hits: The 90's
Y Sigue Siendo el Rey
  • Lançamento: 15 de Dezembro de 1998
  • Gravadora: Sony Music Entertainment
  • Formato: CD, cassete
39
  • "Si Nos Dejan"[75]
Duetos: Lo Mejor de Armando Manzanero
  • Lançamento: 17 de Novembro de 2000
  • Gravadora: WEA Music
  • Formato: CD, cassete
  • MÉX: 75.000
  • "No Existen Limites"
Guadalupe: Una Virgen Para Todos
  • Lançamento: 26 de Novembro de 2002
  • Gravadora: EMI Music
  • Formato: CD, cassete
  • "Morenita Mía"
Viva los 80'
Selena ¡VIVE!
  • Lançamento: 10 de Maio de 2005
  • Gravadora: EMI Music
  • Formato: CD, DVD
10
2
  • "El Chico del Apartamento 512"
Homenaje a Pedro Infante: 50 Aniversario
  • Lançamento: 17 de Abril de 2007
  • Gravadora: EMI Music
  • Formato: CD, download digital
  • "Cien Años"
Navidad con Amigos 2007
  • Lançamento: 28 de Agosto de 2007
  • Gravadora: EMI Music
  • Formato: CD, download digital
  • "Paseo en Trineo"
Simplemente Amor, Vol. 2
  • Lançamento: 2010
  • Gravadora: Universal Music Latino
  • Formato: CD, DVD, download digital
  • "Cuándo Llega el Amor"[78]
México se Pinta de Luz
  • Lançamento: 22 de Janeiro de 2016
  • Gravadora: Sony Music Mexico
  • Formato: CD, download digital
"—" denota lançamentos que não se classificaram ou não foram lançados nesse território.

EPs[editar | editar código-fonte]

Trilhas sonoras[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Más allá del escándalo, una carrera extraordinaria: Lucero (12/02/14). Estereo Azul. Página visitada em 22 de Março de 2014.
  2. CANCIONES CANTADAS POR LUCERITO Y COMPUESTAS POR SERGIO ANDRADE (29/01/11). Canciones de Sergio Andrade. Página visitada em 16 de Janeiro de 2014.
  3. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u Lucero Hogaza León. Biografías.es. Página visitada em 16 de Janeiro de 2014.
  4. Cuéntame - Awards. Allmusic. Página visitada em 27 de Fevereiro de 2014.
  5. Regional Mexican Albums: Dec 15, 1990. Billboard. Página visitada em 17 de Janeiro de 2014.
  6. a b c d Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 3 de Março de 2014.
  7. Latin Pop Albuns: Nov 2, 1991. Billboard. Página visitada em 17 de Janeiro de 2014.
  8. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 18 de Janeiro de 2014.
  9. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 18 de Janeiro de 2014.
  10. Lucero de México - Awards. Allmusic. Página visitada em 27 de Fevereiro de 2014.
  11. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 17 de Janeiro de 2014.
  12. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 18 de Janeiro de 2014.
  13. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 18 de Janeiro de 2014.
  14. ¡Cariños de Mis Cariños! - Awards. Allmusic. Página visitada em 27 de Fevereiro de 2014.
  15. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 17 de Janeiro de 2014.
  16. Siempre Contigo - Awards. Allmusic. Página visitada em 27 de Fevereiro de 2014.
  17. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 17 de Janeiro de 2014.
  18. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 17 de Janeiro de 2014.
  19. Piel de Ángel - Awards. Allmusic. Página visitada em 27 de Fevereiro de 2014.
  20. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 18 de Janeiro de 2014.
  21. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 18 de Janeiro de 2014.
  22. Lucero - Trayectoria. Lucero - Sitio Oficial. Página visitada em 7 de Abril de 2014.
  23. Lucero en busca del éxito internacional con 'Mi Destino' (30/08/00). El Diario de Hoy. Página visitada 6 de Abril de 2014.
  24. Lucero recibe disco de oro por ventas de nuevo disco (15/12/04). Bésame Colombia. Página visitada em 8 de Abril de 2014.
  25. a b Lucero presenta disco (5/10/06). El Siglo de Torreón. Página visitada em 20 de Março de 2014.
  26. Lucero estrena disquera y anuncia nuevo disco (12/07/10). Quién. Página visitada em 17 de Janeiro de 2014.
  27. Lucero: "No soy Lady Gaga" (15/11/10). People en Español. Página visitada em 17 de Janeiro de 2014.
  28. TUTUBE (25/10/10). El Siglo de Torreón. Página visitada em 26 de Julho de 2014.
  29. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 17 de Janeiro de 2014.
  30. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 17 de Janeiro de 2014.
  31. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 17 de Janeiro de 2014.
  32. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 19 de Janeiro de 2014.
  33. Lucero - Chart history. Billboard. Página visitada em 19 de Janeiro de 2014.
  34. Costumbres - Lucero. Last.fm. Página visitada em 19 de Janeiro de 2014.
  35. El lujo de Lucero y Joan Sebastian (22/06/12). El Universal. Página visitada em 22 de Março de 2014.
  36. Top Latin Albums: Jun 16, 2012. Billboard. Página visitada em 19 de Janeiro de 2014.
  37. Regional Mexican Albums: Jun 16, 2012. Billboard. Página visitada em 19 de Janeiro de 2014.
  38. Lucero regresa con 'No pudiste amar así' (24/09/13). Esmas.com. Página visitada em 19 de Janeiro de 2014.
  39. Lucero en Concierto - Awards. Allmusic. Página visitada em 20 de Janeiro de 2014.
  40. Lucero en Concierto de @LuceroMexico puesto #75 del #Top100MX del 6 al 12 de enero #MúsicaLegalSí (5/02/14). Twitter. Página visitada em 23 de Novembro de 2014.
  41. Lucero anuncia nuevo disco ranchero para noviembre 2014 (25/09/14). starMedia. Página visitada em 25 de Setembro de 2014.
  42. Lucero Dice: ‘Aquí Estoy’ Con Par De Sencillos (20/10/14). Diario de México. Página visitada em 20 de Outubro de 2014.
  43. Top Latin Albums: December 6, 2014 (27/11/14). Billboard. Página visitada em 27 de Novembro de 2014.
  44. Latin Pop Albums: December 6, 2014 (27/11/14). Billboard. Página visitada em 27 de Novembro de 2014.
  45. Aquí Estoy de @LuceroMexico puesto #66 del #Top100MX del 10 al 16 de noviembre #DiscoNuevo. Twitter. Página visitada em 15 de Dezembro de 2014.
  46. Aquí Estoy de @LuceroMexico puesto #39 del #Top100MX del 17 al 23 de noviembre. Twitter. Página visitada em 23 de Dezembro de 2014.
  47. Top 20 (del 17 de Noviembre al 23 de Noviembre). AMPROFON. Página visitada em 18 de Dezembro de 2014.
  48. LUCERO - INDISPENSABLE (ALBUM). spanishcharts.com. Página visitada em 22 de Maio de 2016.
  49. LUCERO - MI SECRETO DE AMOR (ALBUM). spanishcharts.com. Página visitada em 22 de Maio de 2015.
  50. Lucero - Chart history: Billboard 200. Billboard. Página visitada em 1 de Fevereiro de 2014.
  51. a b Lucero - Chart history: Billboard Top Latin Albums. Billboard. Página visitada em 1 de Fevereiro de 2014.
  52. a b Lucero - Chart history: Billboard Latin Pop Albums. Billboard. Página visitada em 1 de Fevereiro de 2014.
  53. Lucero - Chart history: Billboard Regional Mexican Albums. Billboard. Página visitada em 1 de Fevereiro de 2014.
  54. a b c d e Datos de Lucero. Todo Music. Página visitada em 1 de Fevereiro de 2014.
  55. a b c d e Lucero. Buena Música. Página visitada em 28 de Junho de 2015.
  56. a b Lucero agenda 1997. Diva de México. Página visitada em 25 de Julho de 2015.
  57. a b c d Lucero - Certificaciones. AMPROFON. Página visitada em 18 de Dezembro de 2014.
  58. LUCERO - LUCERO EN VIVO (ALBUM). spanishcharts.com. Página visitada em 22 de Maio de 2016.
  59. Lucero - Trayectoria. Lucero.com.mx. Página visitada em 7 de Abril de 2014.
  60. Paul Anka - Chart history: Top Latin Albums. Billboard. Página visitada em 27 de Janeiro de 2015
  61. José Alfredo Jiménez - Chart history: Top Latin Albums. Billboard. Página visitada em 27 de Janeiro de 2015.
  62. a b Selena Vive! - Selena - Awards. Allmusic. Página visitada em 21 de Maio de 2016.
  63. Paul Anka - Chart history: Latin Pop Albums. Billboard. Página visitada em 27 de Janeiro de 2014.
  64. Various ‎– Primer Festival "Juguemos A Cantar". Discogs. Página visitada m 16 de Janeiro de 2015.
  65. a b Lucero agenda 1989. Diva de México. Página visitada em 18 de Janeiro de 2015.
  66. La Magia De Los 15 éxitos. 45worlds. Página visitada em 18 de Janeiro de 2015.
  67. a b c d Aunque Mal Paguen. 45worlds. Página visitada em 18 de Janeiro de 2015.
  68. Boleros Por Amor Y Desamor. 45worlds. Página visitada em 25 de Janeiro 2015.
  69. a b Billboard: 07/12/96. Billboard. Página visitada em 25 de Janeiro de 2015.
  70. Amigos - Paul Anka. Allmusic. Página visitada em 25 de Janeiro de 2015.
  71. De Telenovelas. 45worlds. Página visitada em 15 de Janeiro de 2015.
  72. Romántico Desde Siempre Vol II. 45worlds. Página visitada em 18 de Janeiro de 2015
  73. Amor de Novelas. 45worlds. Página visitada em 15 de Janeiro de 2015.
  74. Billboard Hot Latin Hits: The '90s (Éxitos Latinos Calientes). 45worlds. Página visitada em 18 de Janeiro de 2015.
  75. Y Sigue Siendo el Rey - José Alfredo Jiménez. Allmusic. Página visitada em 25 de Janeiro de 2015.
  76. Armando Manzanero - Certificaciones. AMPROFON. Página visitada em 21 de Janeiro de 2015.
  77. Viva Los 80's. 45worlds. Página visitada em 18 de Janeiro de 2015.
  78. Simplemente Amor 2. 45worlds. Página visitada em 18 de Janeiro de 2015.
  79. "México se pinta de luz" (26/01/16). Diario de Yucatán. Página visitada em 24 de Fevereiro de 2016.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]