Linha de sucessão ao trono francês (legitimista)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

O pretendente legitimista ao trono francês é Luís Afonso, Duque de Anjou, o membro sénior da Casa de Bourbon. Ele é reconhecido por aqueles que consideram a renúncia de Filipe V de Espanha aos seus direitos de sucessão ao trono da França como nula e sem efeito, ignoram a lei salica (descende de Isabel II da Espanha) e o casamento morganatico de Jaime, duque de Segóvia.

Linha de sucessão[editar | editar código-fonte]

Atual pretendente: Luís Afonso, Duque de Anjou (nascido em 1974)

  1. Luís de Bourbon, o Duque de Borgonha (nascido em 2010, irmão gêmeo, porém mais velho de Afonso, filho de Luís, Duque de Anjou)
  2. Afonso de Bourbon, o Duque de Berry (nascido em 2010, irmão gêmeo, porém mais novo de Luís, filho de Luís, Duque de Anjou)
  3. Juan Carlos I da Espanha (nascido em 1938)
  4. Filipe VI da Espanha (nascido em 1968)
  5. Don Francisco de Borbón y Escasany, Duque de Seville (nascido em 1943)
  6. Don Francisco de Borbón y Hardenberg (nascido em 1979)
  7. Don Alfonso de Borbón y Escasany (nascido em 1945)
  8. Don Alfonso de Borbón y Yordi (nascido em 1973)
  9. Don Enrique de Borbón y Garcia de Lobez (nascido em 1970)
  10. Don Carlos de Borbón y Oro (nascido em 1940)
  11. Don Antonio Carlos de Borbón y Habsburgo (nascido em 1976)
  12. Henri, Príncipe do Sangue (nascido em 1948)
  13. Don Alvaro de Borbón y Rich (nascido em 1922)
  14. Don Alfonso de Borbón y Caralt, Marquês de Squilache (nascido em 1926)
  15. Don Alfonso de Borbón y Sanchez, Duque de Santa Elena (nascido em 1961)
  16. Don Alfonso de Borbón y Escriva de Romani (nascido em 1995)
  17. Don Alfonso de Borbón y Pérez (nascido em 1999)
  18. Don Fernando de Borbón y Medina (nascido em 1966)
  19. Don Jaime de Borbón y Medina (nascido em 1971)
  20. Príncipe Pedro das Duas Sicílias, Duque de Calabria (nascido em 1968)

A lista continua com mais cerca de 100 pretendentes.