Lista das universidades mais antigas do mundo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Esta é uma lista das universidades mais antigas do mundo e que ainda estão em operação. A universidade é considerada uma criação da Europa medieval.[1] [2] [3] [4] [5] [6] [7] [8] [9]

Nome Cidade Sede País Ano de Fundação Comentários
Universidade al Quaraouiyine Marrocos Fez Marrocos 859 [10] [11] [12] [13] [14] [15] [16] [17] [18] [19]
Universidade de Al-Azhar Egito Cairo Egito 988 Universidade teológica, apenas em 1961 passou a incluir assuntos não-teológicos a sua grade de curricular.
Universidade de Bolonha ItáliaBolonha Itália (país em 1868) 1088
Universidade de Oxford Reino Unido Oxford Reino Unido cerca de 1096
Universidade de Paris França Paris França 1170 Em 1970 foi dividida em 13 universidades separadas
Universidade de Modena ItáliaModena Itália (país em 1868) 1175
Universidade de Cambridge Reino Unido Cambridge Reino Unido cerca de 1209
Universidade de Salamanca Espanha Salamanca Espanha (país em 1492) 1218
Universidade de Montpellier França Montpellier França 1220
Universidade de Pádua ItáliaPádua Itália (país em 1868) 1222
Universidade de Nápoles Federico II ItáliaNápoles Itália (país em 1868) 1224
Universidade de Toulouse França Toulouse França 1229
Universidade de Siena ItáliaSiena Itália (país em 1868) 1240
Universidade de Valladolid Espanha Valladolid Espanha 1241 Fundada em Palência
Universidade de Múrcia Espanha Múrcia Espanha 1272
Universidade de Coimbra Portugal Coimbra Portugal 1290 Fundada em Lisboa, transferida definitivamente para Coimbra em 1537
Universidade de Alcalá de Henares Espanha Alcalá de Henares Espanha 1293 Seus herdeiras são a Universidade Complutense de Madrid e a Universidade de Alcalá.
Universidade de Lérida Espanha Lérida Espanha 1300
Universidade de Roma ItáliaRoma Itália (país em 1868) 1303
Universidade de Florença ItáliaFlorença Itália (país em 1868) 1321
Universidade de Camerino ItáliaCamerino Itália (país em 1868) 1336
Universidade de Pisa ItáliaPisa Itália (país em 1868) 1343
Universidade de Praga República Checa Praga República Tcheca 1348
Universidade de Pavia ItáliaPavia Itália (país em 1868) 1361
Universidade Jaguelônica Polónia Cracóvia Polônia 1364
Universidade de Viena Áustria Viena Áustria 1365
Universidade de Pécs Hungria Pécs Hungria 1367
Universidade de Heidelberg Alemanha Heidelberg Alemanha 1386
Universidade de Colônia Alemanha Colônia Alemanha 1388
Universidade de Ferrara ItáliaFerrara Itália (país em 1868) 1391
Universidade de Zadar Croácia Zadar Croácia 1396
Universidade de Würzburg Alemanha Würzburg Alemanha 1402
Universidade de Turim Itália Turim Italia 1404
Universidade de Leipzig Alemanha Leipzig Alemanha 1409
Universidade de St. Andrews Reino Unido St. Andrews Reino Unido 1412
Universidade de Rostock Alemanha Rostock Alemanha 1419
Universidade Católica de Lovaina Bélgica Lovaina Bélgica 1425 Atualmente dividida entre falantes franceses (Université Catholique de Louvain), Lovaina-a-Nova e os falantes flamengos (Katholieke Universiteit Leuven), ainda em Lovaina
Universidade de Poitiers França Poitiers França 1431
Universidade de Catânia ItáliaCatânia Itália (país em 1868) 1434
Universidade de Glasgow Reino Unido Glasgow Reino Unido 1451
Universidade de Greifswald Alemanha Greifswald Alemanha 1456
Universidade de Freiburg Albert Ludwigs Alemanha Freiburg Alemanha 1457
Universidade de Basileia Suíça Basileia Suíça 1460
Universidade de Munique Alemanha Munique Alemanha 1472
Universidade de Uppsala Suécia Uppsala Suécia 1477
Universidade de Tübingen Alemanha Tübingen Alemanha 1477
Universidade de Mogúncia Alemanha Mogúncia Alemanha 1477
Universidade de Copenhague Dinamarca Copenhague Dinamarca 1479
Universidade de Aberdeen Reino Unido Aberdeen Reino Unido 1494
Universidade de Santiago de Compostela Espanha Santiago de Compostela Espanha 1495
Universidade de Valência Espanha Valência Espanha 1499

Universidades mais antigas por país ou região após 1500[editar | editar código-fonte]

A maioria dos países europeus já tinham universidades antes de 1500. Depois de 1500, várias universidades começaram a aparecer em outros países ao redor do mundo:

País Nome Ano de Fundação Comentários
Banner of the Holy Roman Emperor (after 1400).svg Sacro-Império Universidade de Wittenberg 1502 Fundada pelo católico Frederico III da Saxônia, foi a Universidade de Martinho Lutero. Foi um dos bastiões da Reforma Protestante na Europa, ao lado das majoritariamente calvinistas: Universidade de Heidelberg (Palatinado Renano), Universidade da Basiléia e da Universidade de Genebra.
Flag of the Papal States (1808-1870).svg Estados Papais Universidade de Urbino 1506
Banner of the Holy Roman Emperor (after 1400).svg Sacro-Império Universidade de Marburgo 1527 Primeira universidade protestante do mundo.
Flag of Cross of Burgundy.svg Capitania Geral de Santo Domingo Universidade Autônoma de Santo Domingo 1538
Flag of Cross of Burgundy.svg Vice-Reino do Peru Universidade Nacional de San Marcos 1551 Primeira universidade das Américas.
Flag of Cross of Burgundy.svg Vice-Reino da Nova Espanha Universidade Nacional Autônoma do México 1551
Portugal Portugal Universidade de Évora 1559 Encerrou-se em 1759, com a expulsão da Companhia de Jesus de Portugal. Foi reaberta em 1973.
Flag of Cross of Burgundy.svg Vice-Reino da Nova Espanha Colégio Universitário de Santo Tomás 1562
Flag of the Low Countries.svg Países Baixos Espanhóis Universidade de Leiden 1575 Foi fundada por Guilherme I, príncipe de Orange, durante a Revolta Holandesa contra os espanhóis na Guerra dos Oitenta Anos.
Chorągiew królewska króla Zygmunta III Wazy.svg República das Duas Nações Universidade de Vilnius 1579 Encerrou-se e reabriu posteriormente por duas vezes.
Coat of arms of Ireland.svg Reino da Irlanda Trinity College de Dublin 1592
Portugal Cidade do Santo Nome de Deus de Macau - Portugal / China Colégio de São Paulo 1594 Encerrou-se em 1759, quando da expulsão da Companhia de Jesus de Portugal.
Flag of Cross of Burgundy.svg Indias Orientais Espanholas Universidade de San Carlos 1595
Flag of Cross of Burgundy.svg Vice-Reino do Peru Universidade Nacional de Córdoba 1613
Flag of Cross of Burgundy.svg Vice-Reino do Peru Universidade Maior Real e Pontifícia San Francisco Xavier de Chuquisaca (atual Sucre) 1624
Sweden-Flag-1562.svg Império Sueco Universidade de Tartu 1631
Prinsenvlag.svg Países Baixos Universidade de Amsterdã 1632 Foi fundada com o nome de Athenaeum Illustre.
Flag of the United States.svg Estados Unidos Universidade de Harvard 1636 Foi fundada sob o nome de Harvard College (colégio de ensino superior); somente em 1780 foi mencionada pela primeira vez como universidade (Harvard University).
Flag of Cross of Burgundy.svg Vice-Reino da Nova Espanha Universidade de San Carlos de Guatemala 1676 Foi fundada por ordem por ordem de Cédula Real do Rei Carlos II em 31 de janeiro de 1676.
Sweden-Flag-1562.svg Império sueco Universidade de Helsinki 1640 Originalmente a Academia de Turku, mas movida para Helsinki em 1827.
Flag of Cross of Burgundy.svg Vice-Reino do Peru Universidade de Rosário 1653
Chorągiew królewska króla Zygmunta III Wazy.svg República das Duas Nações Universidade de Lviv 1661
Royal Standard of King Louis XIV.svg Nova França Université Laval 1663 Universidade de New Brunswick é a mais velha de língua inglesa no Canadá, fundada em 1785.
Banner of the Holy Roman Emperor (after 1400).svg Sacro-Império Universidade de Zagreb 1669
Rússia Império Russo Universidade de São Petersburgo 1724
Flag of Cross of Burgundy.svg Capitania Geral de Cuba Universidade de Havana 1728
Banner of the Holy Roman Emperor (after 1400).svg Sacro-Império Universidade de Gotinga 1734
Flag of the Sovereign Military Order of Malta.svg Ordem de Malta Universidade de Malta 1769 Sucessora do Colégio Melitense, 1592.
Union Jack of Sweden and Norway (1844-1905).svg Reino da Suécia e Noruega Universidade de Oslo 1811
Cape Colony flag.png Colônia do Cabo Universidade da Cidade do Cabo 1829
Bandera-de-bolivia.png Bolivia Universidad Mayor de San Simón 1832 Localizada na cidade de Cochabamba. Fundada em 1832 pelo Mariscal de Santa Cruz. A UMSS constitui-se numa das três primeiras universidades fundadas na Bolívia, as duas que a antecederam são a Universidad Mayor, Real y Pontificia de San Francisco Xavier de Chuquisaca e a Universidad Mayor de San Andrés de La Paz.
Hellenic Kingdom Flag 1935.svg Reino da Grécia Universidade de Atenas 1837
Flag of New South Wales.svg Nova Gales do Sul Universidade de Sydney 1850
British Raj Red Ensign.svg Índia Britânica - Universidade de Calcutá
- Universidade de Roorkee ou Instituto Indiano de Tecnologia, Roorkee
- 1857
- 1847
A mais antiga universidade completamente fledged no Sul da Ásia. A mais antiga universidade técnica.
Nova Zelândia Nova Zelândia Universidade de Otago 1863
Japão Império Japonês Universidade de Tóquio 1877
British Raj Red Ensign.svg Paquistão Britânico Universidade de Punjab 1882
Bulgária Reino da Bulgária Universidade de Sófia 1888
Flag of the Qing dynasty (1889-1912).svg China Universidade de Beijing 1898 (discutivelmente Universidade de Wuhan, 1893)

Escolas profissionais isoladas mais antigas por país ou região após 1500[editar | editar código-fonte]

País Nome Ano de Fundação Comentários
França Paris École des Ponts - ParisTech 1747 A mais antiga escola de engenharia civil (não militar) do mundo.
Brasil Brasil Real Academia de Artilharia, Fortificação e Desenho (precursora da Universidade Federal do Rio de Janeiro)
1792

A mais antiga instituição oficial de ensino superior do Brasil em atividade ininterrupta desde 1792, com a fundação da Real Academia de Artilharia, Fortificação e Desenho mais tarde separada em duas instituições, uma militar e outra civil, as atuais Instituto Militar de Engenharia e a Escola Politécnica da Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Brasil Brasil Escola de Cirurgia da Bahia 1808 Foi incorporada à Universidade Federal da Bahia em 1946.
Brasil Brasil Faculdade de Direito de Olinda 1827 Transferida para Recife em 1854, passou ao nome de Faculdade de Direito do Recife e posteriormente incorporada à Universidade Federal de Pernambuco em 1946.
Brasil Brasil Faculdade de Direito de São Paulo 1827 Incorporada à Universidade de São Paulo quando de sua fundação em 1934.
Brasil Brasil Escola de Farmácia de Ouro Preto 1839 A Escola de Farmácia (UFOP) foi incorporada à Universidade Federal de Ouro Preto em 1969.
Brasil Brasil Escola de Minas 1876 Foi incorporada à Universidade Federal de Ouro Preto em 1969.
Brasil Brasil Faculdade Nacional de Direito (precursora da Universidade Federal do Rio de Janeiro) 1891 Faculdade Livre de Sciencias Jurídicas e Sociaes do Rio de Janeiro e Faculdade Livre de Direito do Rio de Janeiro se fundiram em 1920, que formaram a atual Faculdade de Direito da Universidade Federal do Rio de Janeiro.
Brasil Brasil Faculdade de Direito da UFMG (precursora da Universidade Federal de Minas Gerais) 1892
Brasil Brasil Escola Politécnica da Universidade de São Paulo 1893 Incorporada à Universidade de São Paulo quando de sua fundação em 1934.
Brasil Brasil Escola de Engenharia de Pernambuco 1895 Incorporada junto com a Escola de Química, a Escola de Geologia, o Laboratório de Ciências do Mar e o Centro de Energia Nuclear à Universidade Federal de Pernambuco em 1946, formando o Centro de Tecnologia e Geociências.
Brasil Brasil Escola de Engenharia Mackenzie 1896 Instituída por John Theron Mackenzie, que destinou em seu testamento significativo legado com a finalidade específica de ser instalado uma Escola de Engenharia, nos métodos pedagógicos das universidades estadunidenses.Incorporada à Universidade Presbiteriana Mackenzie.
Brasil Brasil Faculdade de Direito de Goiás 1898 O curso jurídico em Goiás foi instituído pela lei n° 186, de 13 de agosto de 1898, cujo artigo 32 criou a Academia de Direito de Goiás.
Brasil Brasil Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de São Bento (precursora da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) 1908 Sofreu fusão com a recém fundada Faculdade Paulista de Direito em 22 de agosto de 1946, tornando-se a Universidade Católica de São Paulo. No início do ano seguinte, o Papa Pio XII concedeu à Universidade Católica o título de Pontifícia, formando a Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, em 20 de janeiro de 1947.
Brasil Brasil Escola de Aprendizes Artífices 1909 Foi criada em várias capitais do Brasil pelo então presidente Nilo Peçanha em 23 de setembro de 1909. O ensino era destinado a garotos de camadas menos favorecidas da sociedade, chamados de “desprovidos da sorte”. Pela manhã, esses meninos recebiam conhecimentos elementares (primário) e, à tarde, aprendiam ofícios nas áreas de alfaiataria, sapataria, marcenaria e serralheria. Em 1978 foi chama de CEFET e, hoje, no Paraná é a atual Universidade Tecnológica Federal do Paraná, sendo a única instituição denominada "universidade tecnológica" do Brasil.

Referências

  1. Sanz, Nuria; Bergan, Sjur (eds.): The Heritage of European Universities, Council of Europe, 2002, ISBN 978-92-871-4960-2, p. 119:
    In many respects, if there is any institution that Europe can most justifiably claim as one of its inventions, it is the university. As proof thereof and without wishing here to recount the whole history of the birth of universities, it will suffice to describe briefly how the invention of universities took the form of a polycentric process of specifically European origin.
  2. Rüegg, Walter: "Foreword. The University as a European Institution", in: Ridder-Symoens, Hilde de (ed.): A History of the University in Europe. Vol. I: Universities in the Middle Ages, Cambridge University Press, 1992, ISBN 0-521-36105-2, pp. XIX–XX:
    The university is a European institution; indeed, it is the European institution par excellence. There are various reasons for this assertion. As a community of teachers and taught, accorded certain rights, such as administrative autonomy and the determination and realization of curricula (courses of study) and of the objectives of research as well as the award of publicly recognized degrees, it is a creation of medieval Europe, which was the Europe of papal Christianity...No other European institution has spread over the entire world in the way in which the traditional form of the European university has done. The degrees awarded by European universities – the bachelor's degree, the licentiate, the master's degree, and the doctorate – have been adopted in the most diverse societies throughout the world. The four medieval faculties of artes – variously called philosophy, letters, arts, arts and sciences, and humanities –, law, medicine, and theology have survived and have been supplemented by numerous disciplines, particularly the social sciences and technological studies, but they remain none the less at the heart of universities throughout the world. Even the name of the universitas, which in the Middle Ages was applied to corporate bodies of the most diverse sorts and was accordingly applied to the corporate organization of teachers and students, has in the course of centuries been given a more particular focus: the university, as a universitas litterarum, has since the eighteenth century been the intellectual institution which cultivates and transmits the entire corpus of methodically studied intellectual disciplines.
  3. Verger, Jacques: "Patterns", in: Ridder-Symoens, Hilde de (ed.): A History of the University in Europe. Vol. I: Universities in the Middle Ages, Cambridge University Press, 2003, ISBN 978-0-521-54113-8, pp. 35–76 (35):
    No one today would dispute the fact that universities, in the sense in which the term is now generally understood, were a creation of the Middle Ages, appearing for the first time between the twelfth and thirteenth centuries. It is no doubt true that other civilizations, prior to, or wholly alien to, the medieval West, such as the Roman Empire, Byzantium, Islam, or China, were familiar with forms of higher education which a number of historians, for the sake of convenience, have sometimes described as universities.Yet a closer look makes it plain that the institutional reality was altogether different and, no matter what has been said on the subject, there is no real link such as would justify us in associating them with medieval universities in the West. Until there is definite proof to the contrary, these latter must be regarded as the sole source of the model which gradually spread through the whole of Europe and then to the whole world. We are therefore concerned with what is indisputably an original institution, which can only be defined in terms of a historical analysis of its emergence and its mode of operation in concrete circumstances.
  4. Makdisi, George: "Madrasa and University in the Middle Ages", Studia Islamica, No. 32 (1970), pp. 255–264 (264):
    Thus the university, as a form of social organization, was peculiar to medieval Europe. Later, it was exported to all parts of the world, including the Muslim East; and it has remained with us down to the present day. But back in the Middle Ages, outside of Europe, there was nothing anything quite like it anywhere.
  5. Vauchez, André; Dobson, Richard Barrie; Lapidge, Michael (eds.): Encyclopedia of the Middle Ages, Vol. 1, Routledge, 2000, ISBN 978-1-57958-282-1, p. 1484 ("university")
  6. Encyclopædia Britannica: "University", 2012, retrieved 26 July 2012
  7. The Catholic Encyclopedia: "Universities", Vol. 15, Robert Appleton Company, New York, 1912, retrieved 27 July 2012
  8. Lexikon des Mittelalters: "Universität. Die Anfänge", Vol. 8, Cols 1249–1250, Metzler, Stuttgart, [1977]–1999
  9. Brill's New Pauly: "University", Brill, 2012
  10. The Guinness Book Of Records, Published 1998, ISBN 0-553-57895-2, p. 242
  11. [UNESCO World Heritage Center,The Medina of Fez http://whc.unesco.org/en/list/170]
  12. "Qarawiyin". Consult. 8 December 2011. 
  13. The Report: Morocco 2009 - Page 252 Oxford Business Group "... yet for many Morocco's cultural, artistic and spiritual capital remains Fez. The best-preserved ... School has been in session at Karaouine University since 859, making it the world's oldest continuously operating university. "
  14. John Esposito, The Oxford Dictionary of Islam, Oxford University Press,‎ 2003 (ISBN 0-1951-2559-2), p. 328
  15. Illustrated Dictionary of the Muslim World, Publisher: Marshall Cavendish, 2010 [1] p. 161
  16. Hidden Giants, 2nd Edition, by Sethanne Howard, Publisher: Lulu.com 2008 [2] p.60
  17. Civilization: The West and the Rest by Niall Ferguson, Publisher: Allen Lane 2011 - ISBN 9781846142734
  18. The marketisation of higher education and the student as consumer by Mike Molesworth & Richard Scullion, Publisher: Taylor & Francis 2010 [3] p. 26
  19. Frommer's Morocco by Darren Humphrys, Publisher: John Wiley & Sons 2010 [4] p. 223

Ver também[editar | editar código-fonte]