Lista de arranha-céus do Brasil

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Nuvola apps important square.svg
Este artigo ou seção foi marcado como controverso devido às disputas sobre o seu conteúdo.
Por favor tente chegar a um consenso na página de discussão antes de fazer alterações ao artigo.
NoFonti.svg
Este anexo cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde novembro de 2014). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Este anexo é uma lista dos maiores arranha-céus do Brasil.

Diagrama comparativo entre os maiores prédios do Brasil. O prédio em vermelho (Infinity Coast) ainda está sendo construído em Balneário Camboriú, Santa Catarina. Os prédios em preto são atualmente os maiores existentes no país. O último prédio detalhado é o Manhattan Flat Service de Uberaba (Minas Gerais), inserido na imagem à titulo de comparação.

Três cidades brasileiras estão entre as 25 metrópoles com o maior número de arranha-céus do mundo: São Paulo (3º), Rio de Janeiro (9º) e Recife (23º).[1] Outras capitais que se destacam quanto ao número de arranha-céus no país são Goiânia, Salvador e Curitiba.[carece de fontes?] Além das capitais, algumas cidades do interior do país possuem edifícios de grande porte, como Balneário Camboriú (SC) e Londrina (PR).

Um fato interessante sobre os arranha-céus no Brasil é que a grande maioria são de uso residencial.

O primeiro edifício de grande porte construído no Brasil foi o Sampaio Moreira, em 1924.[2] O Edifício Martinelli, também na capital paulista, é considerado o primeiro arranha-céu do país. O maior edifício do Brasil atualmente é o Millennium Palace (177 metros de altura), de Balneário Camboriú, em Santa Catarina, que em 2014 ultrapassou o paulistano Mirante do Vale (170 metros de altura).

O Millennium Palace é desde 2014 o prédio mais alto do Brasil.
O Mirante do Vale foi o edifício mais alto do Brasil de 1960 a 2014.
O prédio do Banespa (Edfício Altino Arantes) foi o edifício mais alto do país de 1947 a 1960.

Mais altos edifícios já concluídos[editar | editar código-fonte]

Posição Nome Localização Altura(m) Pavimentos Conclusão Utilização
1 Millennium Palace[3] Bandeira BalnearioCamboriu SantaCatarina Brasil.jpg Balneário Camboriú
 Santa Catarina
177 46 2014 Residencial
2 Mirante do Vale São Paulo
 São Paulo
170 51 1960 Misto
3 Edifício Itália São Paulo
 São Paulo
165 46 1965 Comercial
4 Villa Serena Torre A Bandeira BalnearioCamboriu SantaCatarina Brasil.jpg Balneário Camboriú
 Santa Catarina
164 49 2012 Sem informação
4 Villa Serena Torre A Bandeira BalnearioCamboriu SantaCatarina Brasil.jpg Balneário Camboriú
 Santa Catarina
164 49 2012 Sem informação
5 Rio Sul Center Rio de Janeiro
 Rio de Janeiro
163 48 1982 Comercial
6 Edifício Altino Arantes (Banespa) São Paulo
 São Paulo
161 40 1947 Comercial
7 Torre Norte São Paulo
 São Paulo
158 38 1999 Comercial
8 Complexo Parque Cidade Jardim (7 torres) São Paulo
 São Paulo
159 41 2008/2010 Residencial
9 Vitraux [4] Bandeira de Salvador.svg Salvador
Bahia Bahia
156 32 2012 Comercial
10 Edifício Cândido Mendes Rio de Janeiro
 Rio de Janeiro
154 42 1978 Comercial
11 Brascan Century Plaza[5] Barueri
 São Paulo
154 38 2012 Sem informação
12 Mansão Margarida Costa Pinto[6] Bandeira de Salvador.svg Salvador
Bahia Bahia
152 41 2008 Residencial
13 Universe Life Square[7] Curitiba
 Paraná
150 44 2014 Misto
14 Evolution Corporate[8] Barueri
 São Paulo
150 36 2012 Sem informação
15 Premier Vision Goiânia
 Goiás
148 44 2013 Sem informação
16 E-Tower São Paulo
 São Paulo
148 42 2005 Comercial
17 Eco Berrini[9] São Paulo
 São Paulo
146 35 2012 Comercial
18 Sede do BankBoston[10] São Paulo
 São Paulo
145 35 2002 Comercial
19 105 Lélio Gama St. Rio de Janeiro
 Rio de Janeiro
145 40 1947 Comercial
20 Edifício do Banco do Brasil[11] São Paulo
 São Paulo
143 24 1955 Comercial
21 Premier Unique[12] Goiânia
 Goiás
142 44 2013 Residencial
22 Edifício Santos-Dumont[13] Rio de Janeiro
 Rio de Janeiro
141 45 1975 Comercial
23 Edifício Inhambú[14] São Paulo
 São Paulo
141 40 2008 Sem informação
24 Eldorado Business Tower[15] São Paulo
 São Paulo
141 36 2007 Comercial
25 Edifício Svaa Evans[16] São Paulo
 São Paulo
141 33 1994 Sem informação
26 Edifício Bragança Paulista[17] São Paulo
 São Paulo
141 31 1989 Sem informação
27 Royal Garden[18] Maringá
 Paraná
140 42 1991 Sem informação
28 Ventura Corporate Towers [19] Rio de Janeiro
 Rio de Janeiro
140 41 Sem informação Comercial
29 Edifício Horizonte[20] São Paulo
 São Paulo
140 38 2009 Sem informação
30 Edifício Mirante[21] São Paulo
 São Paulo
140 38 2009 Sem informação
31 Edifício Panorama[22] São Paulo
 São Paulo
140 38 2009 Sem informação
32 Plaza Centenário[23] São Paulo
 São Paulo
139 40 1995 Comercial
33 Mirante João Olímpio Filho[24]  Natal
 Rio Grande do Norte
138 43 2009 Residencial
34 Lineu de Paula Machado[25] Rio de Janeiro
 Rio de Janeiro
138 43 1980 Sem informação
35 Centro Candido Mendes[26] Rio de Janeiro
 Rio de Janeiro
138 43 1978 Sem informação
36 Edifício Mandarim[27] São Paulo
 São Paulo
137 41 2006 Residencial
37 Evolution Corporate[28] Curitiba
 Paraná
137 40 2003 Sem informação
38 Edifício Rio Mamoré[29] João Pessoa
 Paraíba
136 42 2011 Sem informação
39 Píer Maurício de Nassau[30] Recife
 Pernambuco
136 42 2010/2011 Residencial
39 Píer Duarte Coelho[31] Recife
 Pernambuco
136 42 2010/2011 Residencial
40 Mundo Plaza Empresarial[32]  Salvador
 Bahia
136 41 2010 Comercial
41 Morada dos Cardeais[33]  Salvador
 Bahia
135 40 2006 Sem informação
42 Particolare (Torre B)[34] São Paulo
 São Paulo
135 36 2010 Sem informação
43 Engenho Liberdade[35] Recife
 Pernambuco
135 37 2014 Sem informação
44 106 Seridó[36] São Paulo
 São Paulo
134 36 2012 Sem informação
45 Royal Palace[37] João Pessoa
 Paraíba
133 35 1995 Sem informação
46 Edifício Conde Pereira Carneiro[38] Rio de Janeiro
 Rio de Janeiro
133 43 1976 Sem informação
47 Barão de Iguape[39] São Paulo
 São Paulo
133 37 1959 Comercial
48 Século Frontin[40] Rio de Janeiro
 Rio de Janeiro
131 40 1983 Sem informação
49 Mundo Plaza Residencial[41]  Salvador
 Bahia
131 43 2007 Residencial
50 Século Frontin[42] Rio de Janeiro
 Rio de Janeiro
131 40 1983 Sem informação

Estados com maior número de edifícios na classificação:[editar | editar código-fonte]

Texto do cabeçalho Texto do cabeçalho
 São Paulo 23 Edifícios
 Rio de Janeiro 10 Edifícios
 Bahia 5 Edifícios
 Paraná 3 Edifícios
 Goiás 2 Edifícios
 Santa Catarina 2 Edifícios
 Paraíba 2 Edifícios
 Pernambuco 2 Edifícios
 Rio Grande do Norte 1 Edifício

Mais altos edifícios em construção, aprovados e propostos[editar | editar código-fonte]

Em construção[editar | editar código-fonte]

Esta lista contém edifícios atualmente em construção no país, planejados para terem ao menos 110 metros de altura.

Nome Cidade Altura (m) Pavimentos Inauguração*
One Tower[43] [44] Balneário Camboriú
 Santa Catarina
280 77 2018
Infinity Coast[45] [46] Balneário Camboriú
 Santa Catarina
240 66 2016
Yatchouse Residence Club Torre 1[47] Balneário Camboriú
 Santa Catarina
260 74 2019
Yatchouse Residence Club Torre 2[48] Balneário Camboriú
 Santa Catarina
260 74 2019
Sky Tower[49] [50] Balneário Camboriú
 Santa Catarina
210 45
Epic Tower[51] Balneário Camboriú
 Santa Catarina
209 55 2016
Tour Geneve[52] João Pessoa
 Paraíba
183 51 2014
Concórdia Corporate[53] Nova Lima
 Minas Gerais
170 43 2017
Alameda Jardins[54] [55] Balneário Camboriú
 Santa Catarina
169,8 50 2015
Edifício Matarazzo AP[56] São Paulo
 São Paulo
40 2013
Company Business Towers Torre A[57] São Paulo
 São Paulo
158,6 40 2013
Alfredo Volpi[58] João Pessoa
 Paraíba
152 47 2014
Brookfield Tower - Torre A[59] Goiânia
 Goiás
147 39 2014
SB TOWER[60] Cuiabá
 Mato Grosso
146 35 2015
Edifício Emiliano Anália Franco[61] São Paulo
 São Paulo
42 2012
Residencial Lasar Segall[62] João Pessoa
 Paraíba
44 2013
Brookfield Tower - Torre B[63] Goiânia
 Goiás
141 34 2014
Premier Le Rose[64] Goiânia
 Goiás
140 40 2013
Grand Park Tower[65] Campo Grande
 Mato Grosso do Sul
139 32
7th Avenue Live & Work[66] Curitiba
 Paraná
39 2014
Ultramare Class Club Torre A[67] João Pessoa
 Paraíba
39 2011
Ultramare Class Club Torre B[68] João Pessoa
 Paraíba
39 2011
Edifício Charles Darwin[69] Recife
 Pernambuco
138 36 2016
Terrazas del Flamboyant[70] Goiânia
 Goiás
137 37 2011
Unlimited Ocean Front[71] Santos
 São Paulo
137 41 2016
City Centro Cívico[72] Curitiba
 Paraná
37 2013
Saint Michel Boulevard[73] João Pessoa
 Paraíba
137 36 2011
Tours Mont-Blanc Torre A[74] João Pessoa
 Paraíba
130 40 2012
Tours Mont-Blanc Torre B[75] João Pessoa
 Paraíba
130 40 2012
L'essence Platine[76] Goiânia
 Goiás
130 36 2010
Winner Sports Life Residence- torre A[77] Goiânia
 Goiás
129 40 2012
Winner Sports Life Residence- torre B[78] Goiânia
 Goiás
129 40 2012
Essenciale Premier[79] Goiânia
 Goiás
129 38 2010
La Musique torre A[80] Goiânia
 Goiás
126 38 2012
La Musique torre B[80] Goiânia
 Goiás
126 38 2012
Savassi Tower[81] Belo Horizonte
 Minas Gerais
35 2013
Fascination Penthouses Torre A[82] São Paulo
 São Paulo
35 2010
Company Business Towers Torre B[83] São Paulo
 São Paulo
124 31 2011
The One - Torre A[84] Goiânia
 Goiás
121 34 2012
The One - Torre B[84] Goiânia
 Goiás
121 34 2012
Sublime Residence[85] Goiânia
 Goiás
120 33 2011
Twenty Three Residence[86] Goiânia
 Goiás
120 35 2012
Residencial Santorini[87] Goiânia
 Goiás
120 33 2011
Oscar Niemeyer Monumental[88] Niterói
 Rio de Janeiro
26 2017

Aprovados[editar | editar código-fonte]

Esta lista contém edifícios com mais de 110 metros de altura, cuja construção já foi aprovada, entretanto ainda não foi iniciada. Para edifícios cuja altura não foi divulgada, estão incluídos apenas aqueles que possuem mais de 25 andares.

Nome Cidade Altura (m) Pavimentos Inauguração
Mansão Heron Marinho[89] João Pessoa
 Paraíba
42 2014
Teleporto Parque Serrinha[90] Goiânia
 Goiás
160 40 2012
Grand Park Tower[91] Campo Grande
 Mato Grosso do Sul
139 32
7th Avenue Live & Work[92] Curitiba
 Paraná
39 2014
Berrini Financial Center Torre 1[93] São Paulo
 São Paulo
129 29 2010
Torre Eko Norte - Torre A[94] Belém
Pará Pará
111.50 35 2012
Torre Eko Sul - Torre B[95] Belém
Pará Pará
111.50 35 2012

Propostos[editar | editar código-fonte]

Esta lista agrupa os edifícios com mais de 110m de altura, que já foram ou são propostos para o Brasil, mas foram cancelados, interrompidos ou encontram-se em estudo.

Nome Cidade Altura (m) Pavimentos Inauguração Notas
Orbita Residence[96] São Paulo
 São Paulo
1111.9m 265 2004 cancelado[97]
Landmark Tower[98] São Paulo
 São Paulo
695.5m 168 2003 cancelado[99]
City Tower Parque Anhembi[100] São Paulo
 São Paulo
650 m 160 2011 cancelado[101]
Tietê Plaza[102] São Paulo
 São Paulo
624 m 166 n/d cancelado[103]
Tower of Peace[104] São Paulo
 São Paulo
508.1m 108 2000 cancelado[105]
Petrobrás Headquarters[106] São Paulo
 São Paulo
450 m 120 n/d cancelado[107]
Supertorre Cambuci[108] São Paulo
 São Paulo
441 m 110 2008 cancelado[109]
The Business Tower I[110] São Paulo
 São Paulo
402.9 m 106 2006 cancelado[111]
The Business Tower II[112] São Paulo
 São Paulo
402.9 m 106 2006 cancelado[113]
The Business Tower III[114] São Paulo
 São Paulo
402.9 m 106 2006 cancelado[115]
Parque Residential Itaim-Bibi[116] São Paulo
 São Paulo
399 m 99 2007 cancelado[117]
Complexo Andradas[118] Belo Horizonte
 Minas Gerais
350 m 85 2020 em estudo[119]
Edifício Banco Industrial[120] São Paulo
 São Paulo
124 25 2010 em estudo

Linha do tempo dos edifícios mais altos[editar | editar código-fonte]

Esta tabela lista edifícios que já foram em um ponto o edifício mais alto do Brasil.

Nome Ficheiro Localização Anos como o mais alto Altura
(m)
Pavimentos Notas
Edifício Sampaio Moreira
Edifício Sampaio Moreira.jpg
São Paulo
 São Paulo
1924-1929 50 12 [121]
Edifício A Noite
EdificioANoite.jpg
Rio de Janeiro
 Rio de Janeiro
1929-1934 102 22 [122]
Edifício Martinelli
EdMartinelli-SP.jpg
São Paulo
 São Paulo
1934-1947 106 28 [123]
Edifício Altino Arantes
Altino Arantes Building, SP.jpg
São Paulo
 São Paulo
1947-1960 161 36 [124]
Mirante do Vale
Mirante do Vale - by Lucas.JPG
São Paulo
 São Paulo
1960-2014 170 51 [125]
Millennium Palace
Millennium Palace - Balneário Camboriú.JPG
Bandeira BalnearioCamboriu SantaCatarina Brasil.jpg Balneário Camboriú
 Santa Catarina
2014 - presente 177 46 [126]

A exceção do último, todos os outros edifícios citados na lista acima foram também a um ponto, o mais alto da América Latina, até a década de 70.

Atualmente, todos os arranha-céus do Brasil são superados em altura pela Torre da Rádio Gaúcha AM 600 kHz (230 metros), localizada em Guaíba (RS), pela Torre de TV de Brasília (224 metros), e pela Torre da TV Bandeirantes São Paulo (219 metros).

Quando o Infinity Coast de Balneário Camboriú (SC) estiver concluído, passará a ser a mais alta estrutura já construída no Brasil.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Top 25 Cities in the World with the Most High-Rise Buildings TwistedSifter. Visitado em 9 de novembro de 2014.
  2. [1]
  3. [2]
  4. http://www.galeriadaarquitetura.com.br/projeto/sq-arquitetos-associados_/edificio-vitraux/584
  5. [3]
  6. [4]
  7. [5]
  8. [6]
  9. [7]
  10. [8]
  11. [9]
  12. http://www.emporis.com/application/?nav=building&lng=7&id=1162729
  13. [10]
  14. [11]
  15. [12]
  16. [13]
  17. [14]
  18. [15]
  19. http://diariodorio.com/predios-mais-altos-do-rio-de-janeiro/
  20. [16]
  21. [17]
  22. [18]
  23. [19]
  24. [20]
  25. [21]
  26. [22]
  27. [23]
  28. [24]
  29. [25]
  30. [26]
  31. [27]
  32. [28]
  33. [29]
  34. [30]
  35. [31]
  36. [32]
  37. [33]
  38. [34]
  39. [35]
  40. [36]
  41. [37]
  42. [38]
  43. [39]
  44. [40]
  45. [41]
  46. [42]
  47. [43]
  48. [44]
  49. [45]
  50. [46]
  51. [47]
  52. [48]
  53. Juliana Gontijo (25/02/2015). Maior edifício de Minas Gerais Jornal O Tempo. Visitado em 25/02/2015.
  54. [49]
  55. [50]
  56. [51]
  57. [52]
  58. [53]
  59. mgarzon.com.br
  60. [54]
  61. [55]
  62. [56]
  63. [57]
  64. [58]
  65. [59]
  66. [60]
  67. [61]
  68. [62]
  69. [63]
  70. [64]
  71. [65]
  72. [66]
  73. [67]
  74. [68]
  75. [69]
  76. [70]
  77. [71]
  78. [72]
  79. [73]
  80. a b http://www.bambui.com.br/lamusique/
  81. [74]
  82. [75]
  83. [76]
  84. a b http://www.adaoimoveis.com.br/theone/hotsite/#/Empreendimento
  85. [77]
  86. [78]
  87. http://www.borgeslandeiro.com.br/?area=empreendimentos&categoria=1
  88. Erro de citação: Tag <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas oscarniemeyermonumental.com.br
  89. [79]
  90. [80]
  91. [81]
  92. [82]
  93. [83]
  94. [84]
  95. [85]
  96. [86]
  97. [87]
  98. [88]
  99. [89]
  100. [90]
  101. [91]
  102. [92]]
  103. [93]
  104. [94]
  105. [95]
  106. [96]
  107. [97]
  108. [98]
  109. [99]
  110. [100]
  111. [101]
  112. [102]
  113. [103]
  114. [104]
  115. [105]
  116. [106]
  117. [107]
  118. [108]
  119. [109]
  120. [110]
  121. [111]
  122. [112]
  123. [113]
  124. [114]
  125. [115]
  126. [116]