Lista de Estados comunistas atuais

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Mapa mostrando os atuais estados declarados socialistas.

"Estado comunista" é um termo ocidental [1] para um Estado com uma forma de governo caracterizada pelo domínio de um partido único ou sistema de partido dominante por um partido que alega seguir o comunismo, geralmente com uma declarada submissão ao marxismo-leninismo que guia ideologia do Estado. Em terminologia marxista, nenhum destes estados alcançaram de fato a etapa comunista, porém o termo é utilizado para se referir a países que supostamente buscam ou acreditam alcança-lo.

Lista de Estados Comunistas atuais[2][editar | editar código-fonte]

Os seguintes países unipartidários cujo partido segue oficialmente a doutrina marxista-leninista.

Estados com governos socialistas[editar | editar código-fonte]

Além dos supracitados, há alguns estados pluripartidários que atualmente possuem partidos comunistas no poder. Tais países não são considerados estados comunistas porque os princípios do comunismo não estão inseridos nas suas Constituições nacionais. [carece de fontes?]

Controvérsia[editar | editar código-fonte]

O rótulo é fonte de controvérsia, especialmente entre a esquerda; conforme muitas tendências comunistas e marxistas, pois o sistema em uso na União Soviética e nos Estados modelados depois desta (ou seja, "estados comunistas") - que reivindicaram terem alcançado o socialismo, não o comunismo - não foi socialismo, mas sim capitalismo de Estado. [3] O termo "Estado comunista" é um oxímoro (uma contradição em si) uma vez que uma sociedade comunista seria apátrida. [4]

Segundo David Steele, o termo é utilizado não importando em que medida esse Estado ou o movimento associado a ele, realmente segue o comunismo, em sua totalidade. [1]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Steele, David (1992). From Marx to Mises: Post-Capitalist Society and the Challenge of Economic Calculation. [S.l.]: Open Court Publishing Company. 45 páginas. ISBN 978-0875484495. Among Western journalists the term ‘Communist’ came to refer exclusively to regimes and movements associated with the Communist International and its offspring: regimes which insisted that they were not communist but socialist, and movements which were barely communist in any sense at all 
  2. «The World Factbook — Central Intelligence Agency». www.cia.gov. Consultado em 7 de setembro de 2016 
  3. "State capitalism" in the Soviet Union, M.C. Howard and J.E. King
  4. "N.I. Bukharin and E. Preobrazhensky in The ABC of Communism write "In a communist society there will be no classes. But if there will be no classes, this implies that in communist society there will likewise be no State." See also State and Revolution by Lenin, chapter 5.4 "The Higher Phase of Communist Society"