Lista de telenovelas latinas exibidas pelo SBT

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

A exibição de telenovelas latinas no SBT começou em 1982 com Os Ricos Também Choram, protagonizada por Verónica Castro, que ficou muito conhecida no Brasil, ao lado de Lucía Mendez com Só Você e Chispita com Lucero.[1][2] A maioria das produções são mexicanas, entretanto, algumas vieram de outros países como a venezuelana Topázio da RCTV, protagonizada por Grecia Colmenares.

Nos anos 90, chegam os sucessos Rosa Selvagem,[3] Ambição,[4] Simplesmente Maria,[5]Garotas Bonitas e o fenômeno Carrossel.[6][7][8] A partir de 1996 a trilogia das Marias,[9] formada por Maria Mercedes, Marimar e Maria do Bairro, todas protagonizadas por Thalía que tornaram-se verdadeiros fenômenos. Ainda se destacam as novelas infantis como Carrossel das Américas, Vovô e Eu e Luz Clarita. A Usurpadora e O Privilégio de Amar fecham a década com chave de ouro.

A década de 2000 começa com a exibição da infantil O Diário de Daniela.[10] Um horário específico para exibição de novelas infantis foi criado e por ele passaram títulos como Gotinha de Amor, Serafim, Carinha de Anjo, Maria Belém, Cúmplices de um Resgate, Viva às Crianças, Poucas, Poucas Pulgas e Amy, A Menina da Mochila Azul. No horário da tarde são exibidas Sigo te Amando, Maria Isabel e Feridas de Amor, e à noite eram exibidas A Mentira, Esmeralda e a colombiana Café com Aroma de Mulher. Outras que merecem destaque são Salomé, Amigas e Rivais, A Madrasta, Rubi, A Feia Mais Bela e Rebelde, que fez com que a banda RBD se tornasse um fenômeno no país. Porém, algumas novelas não alcançaram a audiência e repercussão esperados, e acabaram por sair do ar como Laços de Amor, Mundo de Feras e Destilando amor.

Em 2007, a emissora tenta romper o contrato com a Televisa.[11] São exibidas duas novelas argentinas: Chiquititas e Lalola, que não renderam o sucesso esperado.

Em 19 de abril de 2010, são retomadas as exibições das mexicanas com As Tontas Não Vão ao Céu.[12] Em outubro do mesmo ano estreava a também inédita Camaleões, protagonizada por Belinda e Alfonso Herrera. Em outubro de 2011, a emissora abre uma nova faixa à tarde para reapresentar os maiores sucessos.

Em abril de 2013, após uma pausa, voltam as exibições de novelas inéditas, com Cuidado com o Anjo. Por esta faixa já passaram Por Ela... Sou Eva, sendo esta a primeira a ser exibida em alta definição, Meu Pecado, Sortilégio, Coração Indomável, Teresa, Abismo de Paixão, e Lágrimas de Amor.

Em março de 2014, Televisa e SBT assinam um contrato de exclusividade, válido até 2019.[13]

Em agosto de 2015, é aberto um novo horário de novelas, sendo exibida A Dona, que foi sucedida por Meu Coração é Teu, que aumentou os índices de audiência, e foi sucedida por A Gata. Na mesma faixa foram exibidas O Que a Vida Me Roubou, Um Caminho para o Destino e Amanhã é para Sempre. Em maio de 2016, mais um horário de novelas foi aberto, com a exibição de Mar de Amor, sucedida por Querida Inimiga.

Em 2016, o SBT abriu mais uma faixa de novelas começando com a reprise de A Usurpadora, sucedida pela reprise de Rubi. Também foram reexibidas No Limite da Paixão, Sortilégio e Coração Indomável. A primeira novela inédita desta faixa foi Que Pobres Tão Ricos, exibida entre julho e outubro, sucedida pela reprise de Teresa, sucedida em abril pela inédita A que Não Podia Amar.

Após vários fechamentos de faixas de exibição, Amanhã é para Sempre foi sucedida pela reprise da versão brasileira de Carrossel. Em 2019, A Rosa dos Milagres, série mexicana, sucede Carrossel, que foi sucedida pela reprise de A Dona. A série Milagres de Nossa Senhora, antes com o nome A Rosa dos Milagres, substituiu A Dona. O SBT abriu uma terceira faixa de novelas, com a reprise de Abismo de Paixão, em agosto. A novela foi escalada de última hora durante o fim de A Dona, com uma divulgação feita às pressas no dia anterior. Em 25 de outubro, a exibição da série Milagres de Nossa Senhora foi encerrada sem substituta, ocasionando no fim da faixa, fazendo com que novamente houvessem apenas duas faixas para exibição de novelas.[14] Em 4 de novembro, a reprise Meu Coração é Teu sucede a inédita A Que Não Podia Amar.

Em 27 de janeiro de 2020, a inédita Betty, A Feia em Nova York substitui a reprise de Abismo de Paixão. É a primeira telenovela latina fora da Televisa exibida pela emissora em 12 anos, desde a argentina Lalola em 2008.[15] Em abril de 2020, a reprise de O que a Vida me Roubou sucede Meu Coração é Teu na primeira faixa.[16] Em 20 de julho, a também inédita Quando me Apaixono sucede Betty, A Feia em Nova York.[17] Em 16 de novembro, a também inédita Triunfo do amor sucede O que a Vida me Roubou na primeira faixa.

Em 9 de janeiro de 2021, Amores Verdadeiros foi anunciada como substituta de Quando me Apaixono.[18] Em 19 de abril, Coração Indomável foi anunciada como a substituta de Triunfo do Amor, na primeira faixa de novelas.[19]

Lista de Novelas da Tarde[editar | editar código-fonte]

Década de 2010[editar | editar código-fonte]

Telenovelas inéditas com data de início, término e número de capítulos

# Início Término Título Cap. Ref.
01 19 de abril de 2010 22 de outubro de 2010 As Tontas não vão ao Céu 135 capítulos
02 25 de outubro de 2010 25 de março de 2011 Camaleões 108 capítulos
03 01 de abril de 2013 03 de dezembro de 2013 Cuidado com o Anjo 177 capítulos
04 02 de dezembro de 2013 30 de maio de 2014 Por Ela... Sou Eva 126 capítulos
05 02 de junho de 2014 31 de outubro de 2014 Meu Pecado 110 capítulos
06 27 de outubro de 2014 27 de fevereiro de 2015 Sortilégio 88 capítulos
07 23 de fevereiro de 2015 16 de outubro de 2015 Coração Indomável 170 capítulos
08 17 de agosto de 2015 04 de março de 2016 A Dona 145 capítulos
09 05 de outubro de 2016 11 de abril de 2016 Teresa 136 capítulos
10 29 de fevereiro de 2016 29 de agosto de 2016 Meu Coração é Teu 131 capítulos
11 28 de março de 2016 17 de outubro de 2016 Abismo de Paixão 146 capítulos
12 16 de maio de 2016 21 de outubro de 2016 Mar de Amor 136 capítulos
13 15 de agosto de 2016 06 de fevereiro de 2017 A Gata 126 capítulos
14 03 de outubro de 2016 13 de janeiro de 2017 Lágrimas de Amor 75 capítulos
15 16 de novembro de 2016 31 de março de 2017 Querida Inimiga 98 capítulos
16 30 de janeiro de 2017 11 de setembro de 2017 O Que a vida me Roubou 161 capítulos
17 28 de agosto de 2017 05 de março de 2018 Um Caminho para o Destino 135 capítulos
18 19 de fevereiro de 2018 03 de agosto de 2018 Amanhã é Para Sempre 120 capítulos
19 23 de julho de 2018 26 de outubro de 2018 Que Pobres Tão Ricos 70 capítulos
20 08 de abril de 2019 12 de novembro de 2019 A Que Não Podia Amar 157 capítulos

Década de 2020[editar | editar código-fonte]

# Início Término Título Cap. Ref.
21 27 de janeiro de 2020 04 de agosto de 2020 Betty, a feia em Nova Iorque 137 capítulos
22 20 de julho de 2020 22 de fevereiro de 2021 Quando me Apaixono 156 capítulos
23 16 de novembro de 2020 08 de junho de 2021 Triunfo do Amor 147 capítulos [20]
24 08 de fevereiro de 2021 Em exibição Amores Verdadeiros Em exibição [20]
25 20 de setembro de 2021 Em Breve Te Dou a Vida Em Breve [21]
26 Em Breve Em Breve A Usurpadora (2019) Em Breve

Telenovelas do México[editar | editar código-fonte]

Título no Brasil Título Original Ano de
exibição
Exibição no SBT Ref.
Início Término
A
A Alma Não Tem Cor El Alma no Tiene Color 1997 12 de novembro de 2001 11 de março de 2002 [22]
A Dona Soy Tu Dueña 2010 17 de agosto de 2015 4 de março de 2016
1 de abril de 2019 26 de agosto de 2019
A Feia Mais Bela La Fea Más Bella 2006 20 de março de 2006 23 de março de 2007 [23]
7 de abril de 2014 6 de abril de 2015
A Fera La Fiera 1983 4 de agosto de 1992 2 de novembro de 1992 [1]
[24]
A Gata La Gata 2014 15 de agosto de 2016 6 de fevereiro de 2017
A Madrasta La Madrastra 2005 16 de maio de 2005 28 de outubro de 2005 [25]
14 de outubro de 2013 18 de março de 2014
A Mentira La Mentira 1998 8 de maio de 2000 2 de outubro de 2000 [26]
[27]
28 de março de 2016 15 de julho de 2016
A Outra La Otra 2002 15 de março de 2004 13 de agosto de 2004 [28][29]
A Que não Podia Amar La Que no Podía Amar 2011 8 de abril de 2019 12 de novembro de 2019 [30]
A Usurpadora La Usurpadora 1998 22 de julho de 1999 9 de novembro de 1999 [31]
[32]
3 de julho de 2000 4 de dezembro de 2000
3 de janeiro de 2005 20 de maio de 2005
25 de junho de 2007 13 de novembro de 2007
10 de dezembro de 2012 10 de maio de 2013
30 de março de 2015 28 de agosto de 2015
7 de novembro de 2016 16 de janeiro de 2017
A Vida é um Jogo El Juego de la Vida 2001 1 de janeiro de 2007 10 de fevereiro de 2007 [33]
A Vingança La Venganza 1977 7 de janeiro de 1987 3 de abril de 1987
4 de março de 1991 31 de maio de 1991
Abismo de Paixão Abismo de Pasión 2012 28 de março de 2016 17 de outubro de 2016 [34]
27 de agosto de 2019 11 de fevereiro de 2020
Abraça-me Muito Forte Abrázame Muy Fuerte 2000 1 de outubro de 2001 22 de abril de 2002
17 de março de 2014 30 de maio de 2014
Alcançar Uma Estrela Alcanzar Una Estrella 1990 24 de março de 1992 4 de junho de 1992 [1]
Alcançar Uma Estrela II Alcanzar Una estrella II 1991 5 de junho de 1992 3 de agosto de 1992
Alegrifes e Rabujos Alegrijes y Rebujos 2003 13 de setembro de 2004 12 de fevereiro de 2005 [35][36]
Amanhã é Para Sempre Mañana es Para Siempre 2008 19 de fevereiro de 2018 3 de agosto de 2018 [37]
Ambição Cuna de Lobos 1986 2 de dezembro de 1991 23 de março de 1992 [4]
24 de agosto de 1992 2 de janeiro de 1993
Amigas e Rivais Amigas y Rivales 2001 22 de abril de 2002 24 de fevereiro de 2003
Amigos Para Sempre Amigos x Siempre 2000 12 de março de 2001 20 de julho de 2001 [38]
Amor em Silêncio Amor en Silencio 1988 1 de junho de 1993 9 de agosto de 1993 [39]
Amor Real Amor Real 2003 5 de janeiro de 2004 17 de maio de 2004 [40][41]
Amores Verdadeiros Amores Verdaderos 2012 08 de fevereiro de 2021 Em exibição [18]
Amy, a Menina da Mochila Azul Amy, la Niña de la Mochila Azul 2004 26 de abril de 2004 10 de setembro de 2004 [42]
As Tontas não vão ao Céu Las Tontas no Van al Cielo 2008 19 de abril de 2010 22 de outubro de 2010 [43][44]
C
Camaleões Camaleones 2009 25 de outubro de 2010 25 de março de 2011 [45][46]
Camila Camila 1998 19 de fevereiro de 2001 22 de junho de 2001 [47]
Carinha de Anjo Carita de Ángel 2000 9 de julho de 2001 26 de fevereiro de 2002 [48]
[49]
12 de maio de 2003 2 de janeiro de 2004
Carrossel Carrusel 1989 20 de maio de 1991 21 de abril de 1992
4 de janeiro de 1993 30 de julho de 1993
3 de julho de 1995 26 de fevereiro de 1996
25 de janeiro de 1996 6 de abril de 1996
Carrossel das Américas Carrusel de las Américas 1992 26 de fevereiro de 1996 28 de junho de 1996
Chispita Chispita 1982 12 de março de 1984 3 de novembro de 1984
4 de março de 1985 27 de setembro de 1985
4 de agosto de 1992 23 de novembro de 1992
24 de junho de 1996 28 de setembro de 1996
Coração Indomável Corazón Indomable 2013 23 de fevereiro de 2015 16 de outubro de 2015 [50]
15 de janeiro de 2018 7 de agosto de 2018
24 de maio de 2021 Em exibição
Coração Selvagem Corazón Salvaje 1993 4 de dezembro de 2000 12 de março de 2001 [51]
Cuidado com o Anjo Cuidado con el Ángel 2008 1 de abril de 2013 3 de dezembro de 2013 [52]
[53]
30 de novembro de 2015 31 de maio de 2016
Cúmplices de um Resgate Cómplices al Rescate 2002 25 de junho de 2002 31 de janeiro de 2003 [54]
10 de julho de 2006 29 de dezembro de 2006
D
Desprezo Rina 1977 25 de janeiro de 1983 31 de agosto de 1983
12 de dezembro de 1983 20 de abril de 1984
3 de junho de 1991 16 de agosto de 1991
Destilando Amor Destilando Amor 2007 26 de março de 2007 20 de abril de 2007[nota 1] [55]
E
Esmeralda Esmeralda 1997 2 de outubro de 2000 6 de março de 2001 [56]
Estranho Poder El Maleficio 1983 20 de agosto de 1984 6 de abril de 1985
16 de novembro de 1987 25 de janeiro de 1988
Eu Compro Essa Mulher Yo Compro Esa Mujer 1990 3 de novembro de 1992 12 de abril de 1993 [57][58][59]
Eu Não Acredito nos Homens Yo no Creo en los Hombres 1991 2 de março de 1993 31 de maio de 1993 [60][61]
F
Feridas de Amor Heridas de Amor 2006 14 de agosto de 2006 29 de dezembro de 2006 [62]
G
Garotas Bonitas Muchachitas 1991 2 de março de 1993 31 de maio de 1993 [63][60]
Gotinha de Amor Gotita de Amor 1998 22 de janeiro de 2001 10 de abril de 2001 [64]
17 de setembro de 2012 19 de fevereiro de 2013
L
Laços de Amor Lazos de Amor 1995 3 de abril de 2006 7 de julho de 2006 [65][66]
Lágrimas de Amor Corona de Lágrimas 2012 3 de outubro de 2016 13 de janeiro de 2017 [67]
Lupita Lupita 1982 11 de março de 1985 1 de junho de 1985
Luz Clarita Luz Clarita 1996 4 de janeiro de 1999 5 de abril de 1999 [68]
M
Manancial El Manantial 2001 7 de outubro de 2002 14 de fevereiro de 2003 [69]
Mar de Amor Mar de Amor 2009 16 de maio de 2016 21 de novembro de 2016 [70]
Maria Belém Maria Belén 2001 25 de fevereiro de 2002 25 de junho de 2002
Maria do Bairro María la del Barrio 1995 19 de fevereiro de 1997 26 de julho de 1997 [71]
[72]
8 de dezembro de 1997 10 de abril de 1998
2 de agosto de 2004 7 de maio de 2005
12 de novembro de 2007 4 de março de 2008
6 de fevereiro de 2012 27 de julho de 2012
23 de setembro de 2013 21 de janeiro de 2014
19 de outubro de 2015 19 de fevereiro de 2016
Maria Isabel María Isabel 1997 20 de novembro de 2000 19 de fevereiro de 2001 [73][74]
Maria Mercedes María Mercedes 1992 12 de agosto de 1996 20 de novembro de 1996 [75]
[76]
[77]
9 de setembro de 1997 6 de dezembro de 1997
23 de julho de 2012 11 de dezembro de 2012
Mariana da Noite Mariana de la Noche 2003 16 de janeiro de 2006 2 de junho de 2006 [78]
Marimar Marimar 1994 21 de novembro de 1996 18 de fevereiro de 1997 [79]
25 de maio de 1998 6 de junho de 1998[nota 2]
5 de janeiro de 2004 30 de julho de 2004
17 de outubro de 2011 10 de fevereiro de 2012
10 de junho de 2013 23 de setembro de 2013
Meu Coração é Teu Mi Corazón es Tuyo 2014 29 de fevereiro de 2016 29 de agosto de 2016 [80]
4 de novembro de 2019 29 de abril de 2020
Meu Pecado Mi Pecado 2009 2 de junho de 2014 31 de outubro de 2014 [81]
Menina Amada Minha Niña... Amada Mía 2003 26 de janeiro de 2004 17 de maio de 2004 [82]
Mundo de Feras Mundo de Fieras 2006 26 de março de 2007 22 de junho de 2007 [83]
N
Na Própria Carne En Carne Propia 1990 15 de março de 1997 3 de maio de 1997 [84]
No Limite da Paixão Entre el Amor y el Odio 2002 28 de julho de 2003 23 de janeiro de 2004 [85]
22 de maio de 2017 23 de outubro de 2017
O
O Diário de Daniela El Diario de Daniela 1998 3 de janeiro de 2000 24 de abril de 2000 [10]
1 de janeiro de 2007 4 de maio de 2007
O Direito de Nascer El Derecho de Nacer 1981 19 de setembro de 1983 3 de março de 1984
7 de outubro de 1985 28 de fevereiro de 1986
O Privilégio de Amar El Privilegio de Amar 1998 9 de novembro de 1999 9 de maio de 2000 [86]
4 de fevereiro de 2002 3 de maio de 2002
3 de março de 2008 30 de junho de 2008
19 de agosto de 2013 14 de fevereiro de 2014
O Que a Vida me Roubou Lo Que la Vida me Robó 2013 30 de janeiro de 2017 11 de setembro de 2017 [87]
20 de abril de 2020 23 de novembro de 2020
Os Ricos Também Choram Los Ricos También Lloran 1979 5 de abril de 1982 22 de janeiro de 1983 [88]
04 de julho de 1983 9 de dezembro 1983
10 de setembro de 1984 1 de março de 1985
P
Paixão e Poder Pasión y Poder 1988 13 de abril de 1993 31 de maio de 1993 [59]
Por Ela... Sou Eva Por Ella... Soy Eva 2012 2 de dezembro de 2013 30 de maio de 2014 [89][90]
Por Teu Amor Por Tu Amor 1999 18 de junho de 2001 22 de outubro de 2001 [91]
[92]
17 de fevereiro de 2014 4 de abril de 2014
Poucas, Poucas Pulgas De Pocas, Pocas Pulgas 2003 29 de setembro de 2003 23 de abril de 2004 [93]
Preciosa Preciosa 1998 22 de outubro de 2001 4 de fevereiro de 2002 [91]
Primeiro Amor... A Mil Por Hora Primer Amor 2000 24 de fevereiro de 2003 25 de julho de 2003 [94]
Q
Quando Me Apaixono Cuando me Enamoro 2010 20 de julho de 2020 22 de fevereiro de 2021 [17]
Querida Inimiga Querida Enemiga 2008 16 de novembro de 2016 31 de março de 2017 [95]
Que Pobres Tão Ricos Qué Pobres Tan Ricos 2013 23 de julho de 2018 26 de outubro de 2018 [96]
Quinze Anos Quinceañera 1987 1 de outubro de 1991 2 de dezembro de 1991 [97]
R
Rebelde Rebelde 2004 15 de agosto de 2005 29 de dezembro de 2006 [98]
2 de setembro de 2013 13 de março de 2015
Rosa Selvagem Rosa Salvaje 1987 20 de maio de 1991 28 de setembro de 1991 [99][100]
[3]
4 de janeiro de 1993 30 de julho de 1993
Rosalinda Rosalinda 1999 23 de julho de 2001 13 de novembro de 2001 [38]
[101]
18 de maio de 2004 16 de agosto de 2004
18 de fevereiro de 2013 11 de junho de 2013
Rubi Rubí 2004 14 de fevereiro de 2005 13 de maio de 2005 [36]
13 de março de 2006 15 de agosto de 2006
6 de maio de 2013 15 de outubro de 2013
16 de janeiro de 2017 22 de maio de 2017
S
Salomé Salomé 2001 11 de março de 2002 7 de outubro de 2002 [69]
Serafim Serafín 1999 9 de abril de 2001 10 de julho de 2001 [102]
Sigo Te Amando Te Sigo Amando 1996 17 de julho de 2000 20 de novembro de 2000 [103]
Simplesmente Maria Simplemente María 1989 9 de setembro de 1991 9 de março de 1992 [5][104]
Só Você Tú o Nadie 1985 18 de novembro de 1986 6 de fevereiro de 1987
Soledade Soledad 1980 7 de outubro de 1985 15 de fevereiro de 1986
3 de março de 1986 3 de outubro de 1986
Sortilégio Sortilegio 2009 27 de outubro de 2014 27 de fevereiro de 2015 [105]
[106]
16 de outubro de 2017 30 de janeiro de 2018
T
Te Dou a Vida Te doy la vida 2020 setembro de 2021
Teresa Teresa 2010 5 de outubro de 2015 11 de abril de 2016 [50]
8 de outubro de 2018 23 de abril de 2019
Triunfo do Amor Triunfo del Amor 2010 16 de novembro de 2020 8 de junho de 2021 [107]
U
Um Caminho Para o Destino Un Camino Hacia el Destino 2016 28 de agosto de 2017 5 de março de 2018 [108]
V
Viva às Crianças! - Carrossel 2 ¡Vivan los Niños! 2002 27 de janeiro de 2003 14 de outubro de 2003 [54][109]
Viviana, em Busca do Amor Viviana 1978 22 de outubro de 1984 31 de maio de 1985
9 de fevereiro de 1987 12 de junho de 1987
Vovô e Eu El Abuelo y Yo 1992 22 de abril de 1992 3 de agosto de 1992 [110]
[111][1]
30 de setembro de 1996 28 de dezembro de 1996

Telenovelas da Argentina[editar | editar código-fonte]

Título no Brasil Título Original Ano de
exibição
Exibição no SBT Ref.
Início Término
A
A Estranha Dama La Extraña Dama 1989 11 de março de 1992 31 de julho de 1992 [1][112]
[113]
24 de agosto de 1992 2 de janeiro de 1993
Amor Cigano Amor Gitano 1982 25 de julho de 1983 12 de novembro de 1983
23 de abril de 1984 4 de setembro de 1984
C
Chiquititas 2007 Chiquititas 2000 2000 20 de agosto de 2007 18 de fevereiro de 2008
Chiquititas 2008 Chiquititas 2006 2006 17 de março de 2008 18 de agosto de 2008 [114]
L
Lalola Lalola 2007 21 de janeiro de 2008 28 de junho de 2008 [115]
S
Sou Luna Soy Luna 2016 29 de agosto de 2016 31 de agosto de 2018 [116]
V
Violetta Violetta 2012 4 de setembro de 2015 4 de junho de 2016 [117]

Telenovelas da Colômbia[editar | editar código-fonte]

Título no Brasil Título Original Ano de
exibição
Exibição no SBT Ref.
Início Término
C
Café com Aroma de Mulher Café, con Aroma de Mujer 1994 5 de março de 2001 3 de setembro de 2001 [118]
8 de agosto de 2005 31 de março de 2006
20 de janeiro de 2014 4 de agosto de 2014

Telenovelas dos Estados Unidos[editar | editar código-fonte]

Título no Brasil Título Original Ano de
exibição
Exibição no SBT Ref.
Início Término
B
Betty, a Feia em NY Betty en NY 2019 27 de janeiro de 2020 4 de agosto de 2020 [119]
M
Marielena Marielena 1992 1 de junho de 1993 1 de janeiro de 1994 [120]

Telenovelas de Porto Rico[editar | editar código-fonte]

Título no Brasil Título Original Ano de
exibição
Exibição no SBT Ref.
Início Término
C
Cristina Bazán Cristina Bazán 1978 24 de janeiro de 1983 23 de julho de 1983 [121]
3 de junho de 1985 28 de setembro de 1985
15 de junho de 1987 13 de novembro de 1987

Telenovelas da Venezuela[editar | editar código-fonte]

Título no Brasil Título Original Ano de
exibição
Exibição no SBT Ref.
Início Término
A
Angelito Angelito 1981 3 de junho de 1985 14 de setembro de 1985
10 de março de 1986 30 de maio de 1986
K
Kassandra Kassandra 1992 5 de janeiro de 2000 14 de julho de 2000 [10]
T
Topázio Topacio 1985 14 de julho de 1992 1 de março de 1993 [122][123]

Notas

  1. Cancelada
  2. Foi interrompida por causa da Copa do Mundo da FIFA França 1998

Referências

  1. a b c d e Eli Halfoun (26 de julho de 1992). «Mais novelas mexicanas». O Dia. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  2. «Todas as novelas mexicanas são mesmo iguais». Folha de S.Paulo. 8 de maio de 2000. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  3. a b Annette Schwartsman (9 de junho de 1991). «Mexicana acha novela brasileira melhor acabada». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  4. a b «SBT estréia 7ª mexicana». Folha de S.Paulo. 2 de dezembro de 1991. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  5. a b Fernanda Scalzo (15 de setembro de 1991). «Simplesmente Maria é tão mexicana qnto as brasileiras». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  6. «Carrosasel mexicano». Veja. 12 de junho de 1991. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  7. «'Carrossel' bate recorde». Folha de S.Paulo. 26 de junho de 1991. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  8. Sônia Apolinário (29 de junho de 1991). «Globo recusou Carrossel, novela que ameaça o Jornal Nacional». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  9. Daniel Castro (17 de novembro de 1996). «SBT põe outra novela mexicana no ar». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  10. a b c Lílian Fernandes (2 de janeiro de 2000). «Outra órfã, troca de crianças e histórias de Paulina». O Globo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  11. «Silvio Santos tenta romper contrato com Televisa». UOL. 11 de outubro de 2007. Consultado em 26 de novembro de 2015 
  12. «SBT estreia nova trama "As Tontas não vão ao Céu"». Área Vip. 15 de abril de 2010. Consultado em 26 de novembro de 2015 
  13. «SBT fecha contrato de parceria exclusiva com a Televisa; veja detalhes». Na Telinha. 13 de março de 2014. Consultado em 26 de novembro de 2015 
  14. Cadu Safner (23 de outubro de 2019). «SBT tira Milagres de Nossa Senhora do ar e abre espaço para final de A Que Não Podia Amar». Observatório da Televisão. Consultado em 23 de outubro de 2019 
  15. Br, Felipe; ão (7 de janeiro de 2020). «Betty, a Feia, em Nova York já tem data de estreia no SBT; saiba quando». Observatório da TV. Consultado em 7 de janeiro de 2020 
  16. Dias, Vander. «SBT anuncia reprise de "O Que a Vida Me Roubou"». Estrela Latina. Consultado em 16 de março de 2020 
  17. a b «Fim do mistério! Quando Me Apaixono substitui Betty a Feia em NY no SBT; saiba detalhes». Estrela Latina. Consultado em 19 de junho de 2020 
  18. a b «Aparato do Entretenimento: Confirmado: SBT divulga chamada de "Amores Verdadeiros" novela que irá substituir "Quando Me Apaixono" nas tardes da emissora». www.aparatodoentretenimento.com.br. Consultado em 9 de janeiro de 2021 
  19. «SBT anuncia Coração Indomável como substituta de Triunfo do Amor». TV Pop. 19 de abril de 2021. Consultado em 19 de abril de 2021 
  20. a b Minas, Estado de; Minas, Estado de (15 de novembro de 2020). [https://www.em.com.br/app/noticia/tv/2020/11/15/interna_tv,1204687/inedita-triunfo-do-amor-estreia-nesta-segunda-no-sbt-alterosa.shtml «In�dita, Triunfo do amor estreia nesta segunda, no SBT/Alterosa»]. Estado de Minas. Consultado em 14 de janeiro de 2021  replacement character character in |titulo= at position 3 (ajuda)
  21. «SBT confirma e aposta alto na trama Te Dou a Vida, que será a substituta de Amores Verdadeiros». Atitude E Visão. 25 de agosto de 2021. Consultado em 26 de agosto de 2021 
  22. «Novela A alma não tem cor estréia hoje no SBT». Babado IG. 12 de novembro de 2001. Consultado em 16 de maio de 2015 
  23. /2014-2015Paulo Ricardo Moreira (12 de março de 2006). «A cópia mexicana de 'Betty, a feia'». O Globo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  24. Helena Tavares (1 de agosto de 1992). «Histórias de órfãos e amores difíceis em duas estréias do SBT». Jornal do Brasil. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  25. «Estréia: A Madrasta e Rebelde no SBT». Estrelando. 5 de maio de 2005. Consultado em 23 de julho de 2015 
  26. Eduardo Zanelato (12 de março de 2000). «Brasileiro estrela novela mexicana no SBT». Estadão. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  27. «Brasileiro estréia em trama mexicana no SBT». Estadão. 7 de maio de 2000. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  28. Daniel Castro (3 de março de 2004). «Agenda». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  29. Daniel Castro (14 de março de 2004). «Fragilizado, SBT ataca com "A Outra", dublada». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  30. «"A Que Não Podia Amar" é a próxima novela mexicana do SBT - Novelas». NaTelinha. Consultado em 10 de abril de 2019 
  31. Thiago Stivaletti (20 de junho de 1999). «Mexicana substitui "Pérola" no SBT». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  32. Andréa de Lima (5 de setembro de 1999). «Novela mexicana amplia seu sucesso». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  33. «O Dia na História (10/02/2007): Novela mexicana inédita 'A Vida é um Jogo' chega ao fim na grade do SBT». José Eustáquio Jr. 10 de fevereiro de 2019. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  34. «Cópia arquivada». Consultado em 6 de março de 2016. Arquivado do original em 6 de março de 2016 
  35. Elena Corrêa (19 de setembro de 2004). «Alegria e rabugice que dão audiência». O Globo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  36. a b «Destaque». Jornal do Brasil. 14 de fevereiro de 2005. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  37. «SBT anuncia estreia de Amanhã é Para Sempre, novela com Fernando Colunga e Lucero». Observatório da Televisão. 18 de janeiro de 2018. Consultado em 29 de janeiro de 2018 
  38. a b «Mais história de amor». O Globo. 15 de julho de 2001. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  39. Apoenan Rodrigues (31 de julho de 1993). «As mexicanas perdem espaço». Jornal do Brasil. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  40. Fernando Miragaya (25 de dezembro de 2003). «Verão motiva onda de novidades na TV». Diário do Grande ABC. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  41. «Como está hoje em dia Adela Noriega, atriz de O Privilégio de Amar que simplesmente "sumiu"?». SBT. 16 de setembro de 2019. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  42. Isabelle Moreira Lima (8 de agosto de 2004). «Mexicana "Amy" segue trilha de "Carrossel"». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  43. Keila Jimenez (24 de março de 2010). «No SBT, as mexicanas voltaram». Estadão. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  44. Gustavo Leitão (6 de junho de 2010). «Colorido à mexicana». O Globo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  45. Bianca Balsi (25 de outubro de 2010). «SBT estreia novela teen». Estadão. Consultado em 19 de dezembro de 2019 
  46. «SBT estreia novela teen com ex-integrante do RBD». Estadão. 25 de outubro de 2010. Consultado em 19 de dezembro de 2019 
  47. Daniel Castro (19 de fevereiro de 2001). «SBT estréia hoje novela mexicana "Camila"». Folha de S.Paulo. Consultado em 23 de julho de 2015 
  48. Daniel Castro (13 de agosto de 2001). «"Novela do SBT repete fenômeno "Carrossel"». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  49. Marcelo Marthe (22 de agosto de 2001). «Com mucho açúcar». Veja. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  50. a b «Novela inédita, "Teresa" substituirá "Coração Indomável" nas tardes do SBT». 9 de setembro de 2015. Consultado em 12 de setembro de 2015 
  51. «SBT estréia amanhã mais um novelão made in México». A Notícia. 3 de dezembro de 2000. Consultado em 8 de setembro de 2016. Arquivado do original em 25 de dezembro de 2015 
  52. «SBT prepara estreia da novela mexicana "Cuidado com o Anjo"». Na Telinha. 8 de março de 2013. Consultado em 6 de agosto de 2015 
  53. «SBT define data de estreia e horário da novela "Cuidado com o Anjo"». Na Telinha. 14 de março de 2013. Consultado em 6 de agosto de 2015 
  54. a b Paulo R. Moreira (26 de janeiro de 2003). «Nova trama infantil é igual a 'Carrossel'». O Globo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  55. «Sem avisar, SBT tira do ar novela Destilando Amor». NaTelinha. 20 de abril de 2007. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  56. Isabelle Moreira Lima (5 de dezembro de 2004). «SBT faz remake de novela mexicana que exibiu em 2000». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  57. «Amor impossível 30 anos depois». Jornal do Brasil. 31 de outubro de 1992. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  58. «Mais um dramalhão». O Dia. 1 de novembro de 1992. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  59. a b «O novo dramalhão mexicana do SBT». O Dia. 11 de abril de 1993. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  60. a b Noelly Russp (28 de fevereiro de 1993). «SBT exibe mexicana teen». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  61. Esther Hamburger (30 de junho de 1993). «Novelas mexicanas atraem com a oferta de emoções puras». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  62. «Novela Feridas de Amor estréia com bons índices nas tardes do SBT». Área Vip. 16 de agosto de 2006. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  63. «Mexicanas e brasileiras desfilam na TV». Folha de S.Paulo. 26 de fevereiro de 1993. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  64. Daniel Castro (11 de janeiro de 2001). «Com "Éramos Seis", SBT ensaia volta de novelas». Folha de S.Paulo. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  65. «Novela "Laços de Amor" termina na próxima sexta no SBT». Folha de S.Paulo. 3 de julho de 2006. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  66. «Novela "Cúmplices de um Resgate" reestréia no SBT». Área Vip. 10 de julho de 2006. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  67. «SBT anuncia estreia da novela "Lágrimas de Amor"; veja chamada». NaTelinha. 8 de setembro de 2016. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  68. «SBT põe no ar 'Chiquititas mexicanas'». Folha de S.Paulo. 3 de janeiro de 1999. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  69. a b «Manancial nas tardes do SBT». Tribuna do Paraná. 5 de outubro de 2002. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  70. «"Mar de Amor" estreia no SBT com dramalhão e vilã confundida com sereia». UOL. 13 de maio de 2016. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  71. «Novelas mexicanas invadem a TV». Folha de S.Paulo. 16 de fevereiro de 1997. Consultado em 24 de abril de 2015 
  72. «Chiquititas estreia no SBT com a difícil missão de substituir Maria do Bairro (28 de julho de 1997)». SBTPédia. 13 de julho de 2013. Consultado em 24 de abril de 2015 
  73. «Maria Isabel estréia amanhã no SBT». A Notícia. 19 de novembro de 2000. Consultado em 24 de setembro de 2015. Arquivado do original em 25 de setembro de 2015 
  74. «Xuxa perde para novela mexicana do SBT». Folha de S.Paulo. UOL. 18 de dezembro de 2000. Consultado em 14 de outubro de 2014 
  75. Mariana Scalvo (11 de julho de 1996). «SBT deve trocar 'Taxista' por novela mexicana». Folha de S.Paulo. UOL. Consultado em 28 de abril de 2018 
  76. Daniel Castro (17 de novembro de 1996). «SBT põe outra novela mexicana no ar». Folha de S.Paulo. UOL. Consultado em 28 de abril de 2018 
  77. «Em 21/11/1996 estreava a novela mexicana "Marimar".». SBTpedia. 21 de novembro de 2014. Consultado em 27 de maio de 2015 
  78. Paulo Ricardo Moreira (15 de janeiro de 2006). «Trama mexicana para tapar buraco». O Globo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  79. Eduardo Elias (2 de fevereiro de 1997). «Marimar também é sucesso na música». Estadão. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  80. Wandreza Fernandes (26 de fevereiro de 2016). «'Meu Coração é Teu' estreia nas novelas da tarde do SBT». Área Vip. Consultado em 19 de dezembro de 2019 
  81. «Confira o Quem é Quem de Meu Pecado, a nova novela do SBT». M de Mulher. 2 de junho de 2014. Consultado em 19 de dezembro de 2019 
  82. «O Dia na História (26/01/2004): Estreia a novela mexicana 'Menina Amada Minha' no SBT». Reniere. 26 de janeiro de 2014. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  83. Mirelle de França (8 de julho de 2007). «Lágrimas, gêmeos e um tapa-olho num clássico dramalhão». O Globo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  84. «Há 20 anos, SBT inventou novela semanal com Na Própria Carne». Observatório da Televisão. 7 de abril de 2017. Consultado em 22 de setembro de 2017 
  85. «O Dia na História (28/07/2003): Novela mexicana 'No Limite da Paixão' estreia na programação do SBT». José Eustáquio Jr. 28 de julho de 2018. Consultado em 19 de dezembro de 2019 
  86. «Adversário mexicano». Época. 15 de novembro de 1999. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  87. Wandreza Fernandes (28 de janeiro de 2017). «Inédita, "O Que a Vida me Roubou" estreia nas tardes do SBT». Área Vip. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  88. «Os ricos também choram». Jornal do Brasil. 4 de abril de 1982. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  89. «Após reprises, SBT estreará novela mexicana inédita à tarde». Folha de S.Paulo. 23 de outubro de 2013. Consultado em 21 de abril de 2015 
  90. «SBT estreia novela mexicana Por Ela Sou Eva dia 2 de dezembro». UOL. 24 de outubro de 2013. Consultado em 21 de abril de 2015 
  91. a b «'Preciosa': Mais uma 'pérola' mexicana». O Globo. 21 de outubro de 2001. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  92. «Gabriela Spanic volta às telas do SBT». Babado Ig. 11 de junho de 2001. Consultado em 3 de setembro de 2017 
  93. «Novela do SBT aposta na garotada». Tribuna do Paraná. 27 de setembro de 2003. Consultado em 16 de maio de 2015 
  94. «Estréia no próximo dia 17 a nova novela do SBT». Tribuna do Paraná. 8 de fevereiro de 2003. Consultado em 19 de dezembro de 2019 
  95. «Vem aí: "Querida Inimiga" é a nova novela das tardes do SBT». SBT. 1 de novembro de 2016. Consultado em 16 de dezembro de 2019 
  96. «Que Pobres Tão Ricos é a nova novela da tarde do SBT!». SBT na Web. SBT. 21 de junho de 2018. Consultado em 4 de agosto de 2018 
  97. Annette Schwarstman (29 de outubro de 1991). «Novela vem para mostrar que as mexicanas já nascem peruas». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  98. «Nova febre mexicana». Jornal do Brasil. 26 de fevereiro de 2006. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  99. André Forastieri (26 de maio de 1991). «Novelas mexicanas do SBT têm cara de Brasil». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  100. Roberto Comodo (30 de maio de 1991). «Novelas mexicanas fazem sucesso». Jornal do Brasil. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  101. «Bons índices no SBT». O Globo. 19 de agosto de 2001. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  102. «Serafim estréia hoje no SBT». Babado IG. 9 de abril de 2001. Consultado em 19 de maio de 2015 
  103. Felipe Brandão (27 de junho de 2019). «Uma história, duas sagas: as semelhanças e diferenças entre A Que Não Podia Amar e sua versão original, Sigo te Amando». Observatório da Televisão. Consultado em 21 de dezembro de 2019 
  104. Rose Esquenazi (6 de outubro de 1991). «Dramalhão do SBT já foi visto na Tupi». Jornal do Brasil. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  105. Paulo Pacheco (23 de setembro de 2014). «SBT exibirá à tarde novela mexicana com casal gay e cenas de sexo». UOL. Notícias da TV. Consultado em 23 de setembro de 2014 
  106. «Sortilégio: A próxima telenovela do SBT». Telenoveleiros. 29 de agosto de 2014. Consultado em 21 de setembro de 2014 
  107. «SBT marca data de estreia de Triunfo do Amor; saiba quando». Resumo das Novelas Online. Consultado em 29 de outubro de 2020 
  108. Endrigo Annyston (28 de agosto de 2017). «Um Caminho Para o Destino estreia no SBT nesta segunda; conheça sinopse e personagens». Observatório da Televisão. Consultado em 21 de dezembro de 2019 
  109. Rodrigo Rainho (26 de janeiro de 2003). «Amanhã estréia a nova versão da novela infantil». Folha de S.Paulo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  110. Helena Tavares (18 de abril de 1992). «Dramalhão mexicano de volta em 'Vovô e eu». Jornal do Brasil. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  111. «SBT aposta no velho dramalhão». O Dia. 19 de abril de 1992. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  112. Omar de Souza (23 de fevereiro de 1992). «Um dramalhão mexicano». O Dia. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  113. Thereza Clark (8 de março de 1992). «Dramalhão em ritmo de tango no SBT». O Dia. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  114. Bárbara Sacchitiello (24 de março de 2008). «SBT quer colher cifras com novas Chiquititas». Meio & Mensagem. Consultado em 19 de dezembro de 2019 
  115. Aina Pinto (12 de fevereiro de 2008). «Longe do dramalhão». IstoÉ Gente. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  116. «Estreia da novela teen Sou Luna é destaque nesta sexta-feira. Confira a grade da TV». Diario de Pernambuco. 25 de agosto de 2016. Consultado em 19 de dezembro de 2019 
  117. Anderson Dezan (9 de junho de 2016). «Martina Stoessel, da série 'Violetta', é assediada por fãs em São Paulo». Ego. Consultado em 19 de dezembro de 2019 
  118. Rení Tognon (27 de maio de 2001). «Uma paixão pela arte brasileira». O Globo. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  119. Flávio Ricco e José Carlos Nery (18 de dezembro de 2019). «TV continua sob o domínio das velhas turminhas de sempre». UOL. Consultado em 19 de dezembro de 2019 
  120. «SBT desiste das novelas mexicanas». O Dia. 19 de dezembro de 1993. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  121. «O Dia na História (15/07/1983): Chega ao fim a novela porto-riquenha "Cristina Bazán" no SBT». Reniere. 15 de julho de 2003. Consultado em 19 de dezembro de 2019 
  122. «Mexicanas só agradam minoria». Folha de S.Paulo. 27 de junho de 1993. Consultado em 15 de dezembro de 2019 
  123. «SBT insiste no chororô». O Dia. 21 de fevereiro de 1993. Consultado em 15 de dezembro de 2019