Esta é uma lista boa. Clique aqui para mais informações.

Participações de clubes brasileiros de futebol em competições internacionais

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Esta é uma lista de participações de clubes brasileiros de futebol em competições internacionais. Estão abrangidos desde os clubes brasileiros campeões internacionalmente até os estreantes que nem obtiveram uma vitória sequer nessas competições. Dessa forma, observa-se melhor o desempenho do futebol masculino brasileiro representado por seus clubes em diversas competições internacionais. As competições listadas aqui são aqueles eventos competitivos masculinos e organizados pela Confederação Sul-Americana de Futebol (CONMEBOL) ou pela Federação Internacional de Futebol (FIFA), às quais os clubes do Brasil estão vinculados, para a participação de clubes de futebol de mais de uma federação nacional. Vale lembrar que, especialmente, a CONMEBOL organizou e ainda organiza eventos em conjunto com outras entidades do esporte.[1] Esta lista também inclui competições realizadas até o início de 1955 — anteriormente a essa data, o entendimento, tanto da FIFA quanto da UEFA, era que a organização das competições de clubes (incluindo as internacionais) cabia aos próprios clubes e/ou às associações nacionais envolvidas[2] — que em algum momento tiveram sua importância reconhecida pelo Comitê Executivo da FIFA ou de uma das confederações continentais, ou que tenham sido organizadas sob os auspícios da CBD, então entidade oficial do futebol brasileiro, com jurisdição sobre todos os clubes do país.

Copa do Mundo de Clubes da FIFA[editar | editar código-fonte]

* Última atualização: Copa do Mundo de Clubes da FIFA de 2017.

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Copa do Mundo de Clubes da FIFA. A competição é organizada pela FIFA e disputada entre clubes campeões de todas as seis confederações continentais, além do representante do país-sede.[3]

Por clubes[editar | editar código-fonte]

* Em negrito os anos com título dos clubes.

Clube Participações
São Paulo Corinthians 2 (2000, 2012)
Rio Grande do Sul Internacional 2 (2006, 2010)
Minas Gerais Atlético Mineiro 1 (2013)
Rio Grande do Sul Grêmio 1 (2017)
São Paulo Santos 1 (2011)
São Paulo São Paulo 1 (2005)
Rio de Janeiro Vasco da Gama 1 (2000)

Participações por edição[editar | editar código-fonte]

Participações ano a ano[3]
Clube 2000 2001[nota 1] 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018
Minas Gerais Atlético Mineiro × × × × × × × × × × × × × × ×
São Paulo Corinthians × × × × × × × × × × × × × ×
Rio Grande do Sul Grêmio × × x × × × × × × × × × × × ×
Rio Grande do Sul Internacional × × × × × × × × × × × × × ×
São Paulo Santos × × × × × × × × × × × × × × ×
São Paulo São Paulo × × × × × × × × × × × × × × ×
Rio de Janeiro Vasco da Gama × × × × × × × × × × × × × × ×
Clubes participantes 8 12 6 6 7 7 7 7 7 7 7 7 7 7 7 7
Clubes brasileiros 2 1 1 1 0 0 0 1 1 1 1 0 0 0 1 0
Melhor brasileiro × SP SP SP SP SP SP SP
Legenda
     Campeão (1º).
     Vice-campeão (2º).
     Eliminado na semifinal (3º) ou (4º).
     Edição sem participação de clubes brasileiros (SP).

Copa Intercontinental[editar | editar código-fonte]

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Copa Intercontinental. A competição foi um torneio realizado entre 1960 e 2004 disputada pelos campeões da Liga dos Campeões da UEFA e da Copa Libertadores da América.[4] Em 2017, todos vencedores da competição passaram a ser reconhecidos oficialmente como campeões mundiais pela FIFA.[5][6] No entanto, sem promover a unificação com a atual competição da entidade.[3][7]

Por clubes[editar | editar código-fonte]

* Em negrito os anos com título dos clubes.

Clube Participações
Minas Gerais Cruzeiro 2 (1976, 1997)
Rio Grande do Sul Grêmio 2 (1983, 1995)
São Paulo Santos 2 (1962, 1963)
São Paulo São Paulo 2 (1992, 1993)
Rio de Janeiro Flamengo 1 (1981)
São Paulo Palmeiras 1 (1999)
Rio de Janeiro Vasco da Gama 1 (1998)

Copa Rio Internacional[editar | editar código-fonte]

Troféu da Copa Rio de 1951.

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Copa Rio Internacional. Competição realizada em 1951 e 1952 que foi organizada pela CBD com o auxílio de dirigentes da FIFA e, que teve a edição de 1951 reconhecida, em 2014, pelo Comitê Executivo da FIFA como sendo a primeira competição mundial entre clubes da história.[8][9][10][11][12]

Copa Libertadores da América[editar | editar código-fonte]

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Copa Libertadores da América. A Libertadores, organizada pela CONMEBOL, é a principal competição entre clubes da América do Sul.[13][14][15][16]

Por clubes[editar | editar código-fonte]

* Em negrito os anos com título dos clubes.

* Última atualização: Copa Libertadores da América de 2019.

Clube Participações
Rio Grande do Sul Grêmio 19 (1982, 1983, 1984, 1990, 1995, 1996, 1997, 1998, 2002, 2003, 2007, 2009, 2011, 2013, 2014, 2016, 2017, 2018 e 2019)
São Paulo Palmeiras 19 (1961, 1968, 1971, 1973, 1974, 1979, 1994, 1995, 1999, 2000, 2001, 2005, 2006, 2009, 2013, 2016, 2017, 2018 e 2019)
São Paulo São Paulo 19 (1972, 1974, 1978, 1982, 1987, 1992, 1993, 1994, 2004, 2005, 2006, 2007, 2008, 2009, 2010, 2013, 2015, 2016 e 2019)
Minas Gerais Cruzeiro 17 (1967, 1975, 1976, 1977, 1994, 1997, 1998, 2001, 2004, 2008, 2009, 2010, 2011, 2014, 2015, 2018 e 2019)
Rio de Janeiro Flamengo 15 (1981, 1982, 1983, 1984, 1991, 1993, 2002, 2007, 2008, 2010, 2012, 2014, 2017, 2018 e 2019)
São Paulo Corinthians 14 (1977, 1991, 1996, 1999, 2000, 2003, 2006, 2010, 2011, 2012, 2013, 2015, 2016 e 2018)
São Paulo Santos 14 (1962, 1963, 1964, 1965, 1984, 2003, 2004, 2005, 2007, 2008, 2011, 2012, 2017 e 2018)
Rio Grande do Sul Internacional 12 (1976, 1977, 1980, 1989, 1993, 2006, 2007, 2010, 2011, 2012, 2015 e 2019)
Minas Gerais Atlético Mineiro 10 (1972, 1978, 1981, 2000, 2013, 2014, 2015, 2016, 2017 e 2019)
Rio de Janeiro Vasco da Gama 9 (1975, 1980, 1985, 1990, 1998, 1999, 2001, 2012 e 2018)
Rio de Janeiro Fluminense 6 (1971, 1985, 2008, 2011, 2012 e 2013)
Paraná Atlético Paranaense 5 (2000, 2002, 2005, 2014 e 2017)
Rio de Janeiro Botafogo 5 (1963, 1973, 1996, 2014 e 2017)
Bahia Bahia 3 (1960, 1964 e 1989)
São Paulo Guarani 3 (1979, 1987 e 1988)
São Paulo São Caetano 3 (2001, 2002 e 2004)
Santa Catarina Chapecoense 2 (2017 e 2018)
Paraná Coritiba 2 (1986 e 2004)
Pernambuco Sport 2 (1988 e 2009)
Rio de Janeiro Bangu 1 (1986)
Santa Catarina Criciúma 1 (1992)
Goiás Goiás 1 (2006)
Rio Grande do Sul Juventude 1 (2000)
Pernambuco Náutico 1 (1968)
Paraná Paraná 1 (2007)
São Paulo Paulista 1 (2006)
Pará Paysandu 1 (2003)
São Paulo Santo André 1 (2005)
Legenda
     Campeão (1º).
     Vice-campeão (2º).
     Eliminado na semifinal (SF).
     Eliminado na quarta de final (QF).
     Eliminado na oitava de final (OF).
     Eliminado na fase de grupos (Gru).
     Eliminado na fase preliminar (Pré).
     Edição sem participação de clubes brasileiros (SP).

Participações por edição[editar | editar código-fonte]

* Última atualização: Copa Libertadores da América de 2018.


Participações por fase[editar | editar código-fonte]

* Última atualização: Copa Libertadores da América de 2019.

Participações por fase[16]
Clube Pré Grupo OF QF SF Vice Campeão A definir Total
Minas Gerais Atlético Mineiro 0 2 3 2 1 0 1 1 10
Paraná Atlético Paranaense 0 2 2 0 0 1 0 0 5
Bahia Bahia 1 0 0 2 0 0 0 0 3
Rio de Janeiro Bangu 0 1 0 0 0 0 0 0 1
Rio de Janeiro Botafogo 0 1 1 1 2 0 0 0 5
Santa Catarina Chapecoense 1 1 0 0 0 0 0 0 2
São Paulo Corinthians 1 1 8 2 1 0 1 0 14
Paraná Coritiba 0 2 0 0 0 0 0 0 2
Santa Catarina Criciúma 0 0 0 1 0 0 0 0 1
Minas Gerais Cruzeiro 0 0 5 5 2 2 2 1 17
Rio de Janeiro Flamengo 0 5 3 3 2 0 1 1 15
Rio de Janeiro Fluminense 0 2 1 2 0 1 0 0 6
Goiás Goiás 0 0 1 0 0 0 0 0 1
Rio Grande do Sul Grêmio 0 2 4 3 4 2 3 1 19
São Paulo Guarani 0 1 1[nota 2] 0 1 0 0 0 3
Rio Grande do Sul Internacional 0 3 2 0 3 1 2 1 12
Rio Grande do Sul Juventude 0 1 0 0 0 0 0 0 1
Pernambuco Náutico 0 1 0 0 0 0 0 0 1
São Paulo Palmeiras 0 4 5 2 3 3 1 1 19
Paraná Paraná 0 0 1 0 0 0 0 0 1
São Paulo Paulista 0 1 0 0 0 0 0 0 1
Pará Paysandu 0 0 1 0 0 0 0 0 1
São Paulo Santo André 0 1 0 0 0 0 0 0 1
São Paulo Santos 0 1 1 4 4 1 3 0 14
São Paulo São Caetano 0 0 1 1 0 1 0 0 3
São Paulo São Paulo 0 3 3 2 4 3 3 1 19
Pernambuco Sport 0 1 1 0 0 0 0 0 2
Rio de Janeiro Vasco da Gama 0 4 1 3 0 0 1 0 9
Total 3 40 45 33 27 15 18 7 188


Sul-Americano de Campeões[editar | editar código-fonte]

Troféu do Campeonato Sul-Americano de Campeões exposto no Estádio São Januário, Rio de Janeiro.

Abaixo, a participação brasileira no Campeonato Sul-Americano de Campeões.[17] Este campeonato foi uma competição sul-americana organizada apenas em 1948 pelo clube chileno Colo-Colo[18][19] juntamente com o então presidente da CONMEBOL, o chileno Luiz Valenzuela, com a participação de clubes de seis países sul-americanos.[20]

Copa Sul-Americana[editar | editar código-fonte]

* Última atualização: Copa Sul-Americana de 2019.

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Copa Sul-Americana. A Sul-Americana, organizada pela CONMEBOL, é a segunda principal competição de clubes da América do Sul.[21][22]

Por clubes[editar | editar código-fonte]

* Em negrito os anos com título dos clubes.

Clube Participações
São Paulo São Paulo 11 (2003, 2004, 2005, 2007, 2008, 2011, 2012, 2013, 2014, 2017 e 2018)
Paraná Atlético Paranaense 8 (2006, 2007, 2008, 2009, 2011, 2015, 2018 e 2019)
Rio de Janeiro Botafogo 8 (2006, 2007, 2008, 2009, 2011, 2012, 2018 e 2019)
Rio de Janeiro Fluminense 8 (2003, 2005, 2006, 2009, 2014, 2017, 2018 e 2019)
Minas Gerais Atlético Mineiro 7 (2003, 2004, 2008, 2009, 2010, 2011 e 2018)
Goiás Goiás 7 (2004, 2005, 2007, 2009, 2010, 2014 e 2015)
Bahia Bahia 6 (2012, 2013, 2014, 2015, 2018 e 2019)
São Paulo Corinthians 6 (2003, 2005, 2006, 2007, 2017 e 2019)
Minas Gerais Cruzeiro 6 (2003, 2004, 2005, 2006, 2007 e 2017)
Rio de Janeiro Flamengo 6 (2003, 2004, 2009, 2011, 2016 e 2017)
Rio Grande do Sul Internacional 6 (2003, 2004, 2005, 2008, 2009 e 2014)
São Paulo Santos 6 (2003, 2004, 2005, 2006, 2010 e 2019)
Rio de Janeiro Vasco da Gama 6 (2003, 2006, 2007, 2008, 2011 e 2018)
Paraná Coritiba 5 (2004, 2009, 2012, 2013 e 2016)
Rio Grande do Sul Grêmio 5 (2003, 2004, 2008, 2010 e 2012)
São Paulo Palmeiras 5 (2003, 2008, 2010, 2011 e 2012)
Pernambuco Sport 5 (2013, 2014, 2015, 2016 e 2017)
Bahia Vitória 5 (2009, 2010, 2013, 2014 e 2016)
Santa Catarina Figueirense 4 (2004, 2007, 2012 e 2016)
Santa Catarina Chapecoense 3 (2015, 2016 e 2017)
São Paulo Ponte Preta 3 (2013, 2015 e 2017)
Santa Catarina Criciúma 2 (2013 e 2014)
Paraná Paraná 2 (2004 e 2006)
São Paulo São Caetano 2 (2003 e 2004)
Goiás Atlético Goianiense 1 (2012)
Santa Catarina Avaí 1 (2010)
Distrito Federal (Brasil) Brasília 1 (2015)
Ceará Ceará 1 (2011)
São Paulo Grêmio Barueri 1 (2010)
Santa Catarina Joinville 1 (2015)
Rio Grande do Sul Juventude 1 (2005)
Pernambuco Náutico 1 (2013)
São Paulo Portuguesa 1 (2013)
Pernambuco Santa Cruz 1 (2016)
Mato Grosso Cuiabá 1 (2016)

Copa Conmebol[editar | editar código-fonte]

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Copa Conmebol. Este campeonato foi uma competição da América do Sul organizada pela CONMEBOL e disputada entre 1992 a 1999, por 16 equipes em cada uma de suas edições, em sua época, a segunda competição continental em importância.[23][24]

Por clubes[editar | editar código-fonte]

* Em negrito os anos com título dos clubes.

Clube Participações
Minas Gerais Atlético Mineiro 5 (1992, 1993, 1995, 1997 e 1998)
São Paulo Bragantino 3 (1992, 1993 e 1996)
Rio de Janeiro Fluminense 3 (1992, 1993 e 1996)
Rio de Janeiro Botafogo 2 (1993 e 1994)
São Paulo Corinthians 2 (1994 e 1995)
Rio Grande do Sul Grêmio 2 (1992 e 1994)
Rio de Janeiro Vasco 2 (1993 e 1996)
Bahia Vitória 2 (1994 e 1997)
Rio Grande do Norte América 1 (1998)
Ceará Ceará 1 (1995)
Alagoas CSA 1 (1999)
São Paulo Guarani 1 (1995)
São Paulo Palmeiras 1 (1996)
Paraná Paraná 1 (1999)
São Paulo Portuguesa 1 (1997)
Acre Rio Branco 1 (1997)
Maranhão Sampaio Corrêa 1 (1998)
São Paulo Santos 1 (1998)
São Paulo São Paulo 1 (1994)
Amazonas São Raimundo 1 (1999)
Goiás Vila Nova 1 (1999)

Copa Mercosul[editar | editar código-fonte]

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Copa Mercosul. Este campeonato foi uma competição da CONMEBOL disputada entre os anos de 1998 e 2001 por clubes dos países membros do Mercado Comum do Sul (Mercosul), na época de sua realização, Argentina, Brasil, Paraguai e Uruguai.[25][26]

Por clubes[editar | editar código-fonte]

* Em negrito os anos com título dos clubes.

Clube Participações
São Paulo Corinthians 4 (1998, 1999, 2000 e 2001)
Minas Gerais Cruzeiro 4 (1998, 1999, 2000 e 2001)
Rio de Janeiro Flamengo 4 (1998, 1999, 2000 e 2001)
São Paulo Palmeiras 4 (1998, 1999, 2000 e 2001)
São Paulo São Paulo 4 (1998, 1999, 2000 e 2001)
Rio de Janeiro Vasco 4 (1998, 1999, 2000 e 2001)
Rio Grande do Sul Grêmio 3 (1998, 1999 e 2001)
Minas Gerais Atlético Mineiro 1 (2000)

Recopa Sul-Americana[editar | editar código-fonte]

* Última atualização: Recopa Sul-Americana de 2018.

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Recopa Sul-Americana. A Recopa é uma competição organizada pela CONMEBOL disputada atualmente entre o campeão da Copa Libertadores da América e o campeão da Copa Sul-Americana.[27][28]

Por clubes[editar | editar código-fonte]

* Em negrito os anos com título dos clubes.

Clube Participações
São Paulo São Paulo 4 (1993, 1994, 2006 e 2013)
Minas Gerais Cruzeiro 3 (1992, 1993 e 1998)
Rio Grande do Sul Internacional 3 (2007, 2009 e 2011)
Rio Grande do Sul Grêmio 2 (1996, 2018)
Minas Gerais Atlético Mineiro 1 (2014)
Rio de Janeiro Botafogo 1 (1994)
Santa Catarina Chapecoense 1 (2017)
São Paulo Corinthians 1 (2013)
São Paulo Santos 1 (2012)

Supercopa da Libertadores[editar | editar código-fonte]

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Supercopa da Libertadores. O campeonato foi uma competição organizada pela CONMEBOL que reunia todos os clubes que haviam sido campeões da Copa Libertadores da América.[29][30]

Por clubes[editar | editar código-fonte]

* Em negrito os anos com título dos clubes.

Clube Participações
Minas Gerais Cruzeiro 10 (1988, 1989, 1990, 1991, 1992, 1993, 1994, 1995, 1996 e 1997)
Rio de Janeiro Flamengo 10 (1988, 1989, 1990, 1991, 1992, 1993, 1994, 1995, 1996 e 1997)
Rio Grande do Sul Grêmio 10 (1988, 1989, 1990, 1991, 1992, 1993, 1994, 1995, 1996 e 1997)
São Paulo Santos 10 (1988, 1989, 1990, 1991, 1992, 1993, 1994, 1995, 1996 e 1997)
São Paulo São Paulo 6 (1992, 1993, 1994, 1995, 1996 e 1997)
Rio de Janeiro Vasco 1 (1997)

Copa Master da Supercopa[editar | editar código-fonte]

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Copa Master da Supercopa. Esta competição foi um torneio organizado em 1992 e 1995 pela CONMEBOL disputado entre os campeões da Supercopa Libertadores.[31][32]

Copa Master da Conmebol[editar | editar código-fonte]

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Copa Master da Conmebol. Esta competição foi um torneio organizado pela CONMEBOL apenas em 1996 disputado entre os campeões da Copa Conmebol.[33]

Copa Ouro[editar | editar código-fonte]

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Copa Ouro. A competição foi um torneio da CONMEBOL disputado entre 1993 e 1997 (com exceção de 1994), pelos campeões da Copa Conmebol, Copa Master da Supercopa, Supercopa Sul-Americana e Copa Libertadores da América.[34][35][36]

Recopa dos Campeões Intercontinentais[editar | editar código-fonte]

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Recopa dos Campeões Intercontinentais. O torneio foi uma competição disputada em 1968 e 1969 pelos campeões da Copa Intercontinental até então.[37]

Copa Interamericana[editar | editar código-fonte]

Abaixo, a participação brasileira na Copa Interamericana. O campeonato foi um torneio disputado entre os anos de 1968 e 1998, reunindo os campeões da Copa Libertadores da América e da Copa dos Campeões da CONCACAF.[38]

Copa Suruga Bank[editar | editar código-fonte]

* Última atualização: Copa Suruga Bank de 2017.

Abaixo, todas as participações de brasileiros na Copa Suruga Bank. Este campeonato é uma competição criada pela CONMEBOL em parceria com a Japan Football Association (JFA), disputada pelos campeões da Copa Sul-Americana e Liga Japonesa de Futebol (J-League).[39][40][41]

Total[editar | editar código-fonte]

* Última atualização: competições de 2018.

Legenda
  •      Competições atuais
  • CMF = Copa do Mundo de Clubes da FIFA
  • CI = Copa Intercontinental
  • CR = Copa Rio
  • CLA = Copa Libertadores da América
  • SC = Sul-Americano de Campeões
  • CS = Copa Sul-Americana
  • CC = Copa Conmebol
  • CM = Copa Mercosul
  • RS = Recopa Sul-Americana
  • SL = Supercopa da Libertadores
  • CMS = Copa Master da Supercopa
  • CMC = Copa Master da Conmebol
  • CO = Copa Ouro
  • RCI = Recopa dos Campeões Intercontinentais
  • CIA = Copa Interamericana
  • CSB = Copa Suruga Bank

Por clubes[editar | editar código-fonte]

Abaixo, o total de participações de clubes brasileiros em competições internacionais:

Clube Total CMF CI CR CLA SC CS CC CM RS SL CMS CMC CO RCI CIA CSB
São Paulo São Paulo 54 1 2 0 19 0 11 1 4 4 6 1 1 3 0 0 1
Minas Gerais Cruzeiro 46 0 2 0 17 0 6 0 4 3 10 2 0 2 0 0 0
Rio Grande do Sul Grêmio 45 1 2 0 19 0 5 2 3 2 10 0 0 1 0 0 0
Rio de Janeiro Flamengo 37 0 1 0 15 0 6 0 4 0 10 0 0 1 0 0 0
São Paulo Santos 37 1 2 0 14 0 6 1 0 1 10 0 0 0 2 0 0
São Paulo Palmeiras 31 0 1 1 19 0 5 1 4 0 0 0 0 0 0 0 0
São Paulo Corinthians 30 2 0 1 14 0 6 2 4 1 0 0 0 0 0 0 0
Rio de Janeiro Vasco da Gama 27 1 1 1 9 1 6 2 4 0 1 0 0 0 0 1 0
Minas Gerais Atlético Mineiro 27 1 0 0 10 0 7 5 1 1 0 0 1 1 0 0 0
Rio Grande do Sul Internacional 24 2 0 0 12 0 6 0 0 3 0 0 0 0 0 0 1
Rio de Janeiro Fluminense 18 0 0 1 6 0 8 3 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Rio de Janeiro Botafogo 17 0 0 0 5 0 8 2 0 1 0 0 1 0 0 0 0
Paraná Atlético Paranaense 13 0 0 0 5 0 8 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Bahia Bahia 9 0 0 0 3 0 6 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Goiás Goiás 8 0 0 0 1 0 7 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Paraná Coritiba 7 0 0 0 2 0 5 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Bahia Vitória 7 0 0 0 0 0 5 2 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Pernambuco Sport 7 0 0 0 2 0 5 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Santa Catarina Chapecoense 7 0 0 0 2 0 3 0 0 1 0 0 0 0 0 0 1
São Paulo São Caetano 5 0 0 0 3 0 2 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
São Paulo Guarani 4 0 0 0 3 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Paraná Paraná 4 0 0 0 1 0 2 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Santa Catarina Figueirense 4 0 0 0 0 0 4 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Santa Catarina Criciúma 3 0 0 0 1 0 2 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
São Paulo Bragantino 3 0 0 0 0 0 0 3 0 0 0 0 0 0 0 0 0
São Paulo Ponte Preta 3 0 0 0 0 0 3 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Rio Grande do Sul Juventude 2 0 0 0 1 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Pernambuco Náutico 2 0 0 0 1 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Ceará Ceará 2 0 0 0 0 0 1 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0
São Paulo Portuguesa 2 0 0 0 0 0 1 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Rio de Janeiro Bangu 1 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
São Paulo Paulista 1 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Pará Paysandu 1 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
São Paulo Santo André 1 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Goiás Atlético Goianiense 1 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Santa Catarina Avaí 1 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Distrito Federal (Brasil) Brasília 1 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Mato Grosso Cuiabá 1 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
São Paulo Grêmio Prudente 1 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Santa Catarina Joinville 1 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Rio Grande do Norte América 1 0 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Alagoas CSA 1 0 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Acre Rio Branco 1 0 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Amazonas São Raimundo 1 0 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Maranhão Sampaio Corrêa 1 0 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Pernambuco Santa Cruz 1 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0
Goiás Vila Nova 1 0 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0

Por federação[editar | editar código-fonte]

UF Total CMF CI CR CLA SC CS CC CM RS SL CMS CMC CO RCI CIA CSB Clubes
 São Paulo 172 4 5 2 74 0 35 10 12 6 16 1 1 3 2 0 1 12
 Rio de Janeiro 100 1 2 2 36 1 28 7 8 1 11 0 1 1 0 1 0 5
 Minas Gerais 73 1 2 0 27 0 13 5 5 4 10 2 1 3 0 0 0 2
 Rio Grande do Sul 71 3 2 0 32 0 12 2 3 5 10 0 0 1 0 0 1 3
 Paraná 24 0 0 0 8 0 15 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 3
 Santa Catarina 16 0 0 0 3 0 11 0 0 1 0 0 0 0 0 0 1 5
 Bahia 16 0 0 0 3 0 11 2 0 0 0 0 0 0 0 0 0 2
 Goiás 10 0 0 0 1 0 8 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 3
 Pernambuco 10 0 0 0 3 0 7 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 3
 Ceará 2 0 0 0 0 0 1 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1
 Acre 1 0 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1
 Alagoas 1 0 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1
 Amazonas 1 0 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1
 Distrito Federal 1 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1
 Mato Grosso 1 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1
 Pará 1 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1
 Maranhão 1 0 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1
 Rio Grande do Norte 1 0 0 0 0 0 0 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 1

Por região[editar | editar código-fonte]

Região Total CMF CI CR CLA SC CS CC CM RS SL CMS CMC CO RCI CIA CSB Clubes UFs
Sudeste 345 6 9 4 137 1 76 22 25 11 37 3 3 7 2 1 1 19 3
Sul 111 3 2 0 43 0 38 3 3 6 10 0 0 1 0 0 2 11 3
Nordeste 31 0 0 0 6 0 19 6 0 0 0 0 0 0 0 0 0 9 6
Centro-Oeste 12 0 0 0 1 0 10 1 0 0 0 0 0 0 0 0 0 4 2
Norte 3 0 0 0 1 0 0 2 0 0 0 0 0 0 0 0 0 3 3

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas

  1. Torneio cancelado. O Palmeiras seria o representante brasileiro
  2. a b c Na edição de 1988, o Guarani foi eliminado na segunda fase, que possuía cinco confrontos mata-mata de ida e volta entre 10 equipes, logo após a fase de grupos.

Referências

  1. «Competições oficiais da CONMEBOL». CONMEBOL. 19 de agosto de 2015. Consultado em 5 de maio de 2017 
  2. 50 Years of the European Cup. Site da UEFA. Acesso em 04/02/2013, Ver declarações atribuídas a Jules Rimet (ex-FIFA), Rodolphe Seeldrayers (FIFA) e Ebbe Schwartz (UEFA).
  3. a b c «FIFA Club World Cup - Statistics and Records» (em inglês). FIFA. 2016. Consultado em 11 de março de 2017 
  4. «Mundial Interclubes». bolanaarea.com. Consultado em 11 de março de 2017 
  5. «Fifa reconhece títulos mundiais de Santos, Flamengo, Grêmio e São Paulo». ESPN. 27 de outubro de 2017. Consultado em 15 de novembro de 2017 
  6. «Fifa reconhece Santos, Fla e Grêmio como campeões mundiais». Veja. 27 de outubro de 2017. Consultado em 15 de novembro de 2017 
  7. «FIFA Club World Cup archive» (em inglês). FIFA. Consultado em 15 de novembro de 2017 
  8. «Exclusivo: Documento da FIFA chamou Palmeiras de primeiro campeão mundial». ESPN Brasil. Consultado em 14 de novembro de 2017 
  9. «Fifa reitera título do Palmeiras na Taça Rio como primeiro Mundial de Clubes». Jovem Pan. Consultado em 2 de janeiro de 2016 
  10. «Ao Estado, Fifa confirma mundial de 1951 para o Palmeiras». O Estado de S. Paulo. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  11. «Fifa declara Palmeiras como primeiro CAMPEÃO MUNDIAL». Torcedores.com. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  12. «Fifa confirma mundial de 1951 para o Palmeiras». Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  13. «Copa Libertadores. Historia» (em espanhol). CONMEBOL. 2016. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
  14. «Lista de Participantes na Libertadores». bolanaarea.com. 2014. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
  15. «Brazilian clubs in Copa Libertadores da América». rsssf.com (em inglês). Consultado em 4 de maio de 2017 
  16. a b c «Copa Libertadores de América». rsssf.com (em inglês). 2017. Consultado em 18 de maio de 2017 
  17. «South American Club Championship 1948». rsssf.com (em inglês). Consultado em 4 de maio de 2017 
  18. Contrariamente ao divulgado por diversas fontes, a competição não foi organizada diretamente pela CONMEBOL
  19. História do Colo Colo, no site oficial, com citação à organização do Campeonato Sul-Americano de Campeões.
  20. Jornal dos Sports. Edição 5675, de 22/02/1948, páginas 1 e 6, confirmando que o então presidente da Conmebol. Luiz Valenzuela, participou da organização do certame junto ao  Colo Colo. Acervo on-line. Memória Bn. Biblioteca Nacional.
  21. «Os números da Copa Sul-Americana». bolanaarea.com. 2012. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
  22. «Brazilian clubs in Copa Sul-Americana». rsssf.com (em inglês). Consultado em 4 de maio de 2017 
  23. «Copa Conmebol». bolanaarea.com. Consultado em 11 de março de 2017 
  24. «Brazilian clubs in Copa Conmebol». rsssf.com (em inglês). Consultado em 4 de maio de 2017 
  25. «Copa Mercosul». bolanaarea.com. Consultado em 11 de março de 2017 
  26. «Brazilian clubs in Copa Mercosul». rsssf.com (em inglês). Consultado em 4 de maio de 2017 
  27. «Decisões da Recopa Sul-Americana». bolanaarea.com. 2015. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
  28. «Recopa Sudamericana de Clubes». rsssf.com (em inglês). Consultado em 4 de maio de 2017 
  29. «Supercopa da Libertadores». bolanaarea.com. Consultado em 11 de março de 2017 
  30. «Brazilian clubs in Supercopa Libertadores da América». rsssf.com (em inglês). Consultado em 4 de maio de 2017 
  31. «Copa Master Supercopa Libertadores 1992». rsssf.com (em inglês). Consultado em 4 de maio de 2017 
  32. «Copa Master Supercopa Libertadores 1994». rsssf.com (em inglês). Consultado em 5 de maio de 2017 
  33. «Copa Master Conmebol 1996». rsssf.com (em inglês). Consultado em 4 de maio de 2017 
  34. «Copa de Oro 1993». rsssf.com (em inglês). Consultado em 5 de maio de 2017 
  35. «Copa de Oro 1995». rsssf.com (em inglês). Consultado em 5 de maio de 2017 
  36. «Copa de Oro 1996». rsssf.com (em inglês). Consultado em 4 de maio de 2017 
  37. «Recopa Intercontinental 1968/69». rsssf.com (em inglês). Consultado em 4 de maio de 2017 
  38. «Copa Interamericana». rsssf.com (em inglês). Consultado em 27 de abril de 2017 
  39. «Copa Suruga Bank» (em espanhol). CONMEBOL. 2015. Consultado em 18 de maio de 2017 
  40. «Decisões da Copa Suruga Bank». bolanaarea.com. 2015. Consultado em 25 de janeiro de 2017 
  41. «La final de la Copa Suruga Bank se disputará el 15 de agosto» (em espanhol). CONMEBOL. 10 de abril de 2017. Consultado em 18 de maio de 2017