Captação de recursos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Angariação de fundos)
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde março de 2010). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Ambox rewrite.svg
Esta página precisa ser reciclada de acordo com o livro de estilo (desde março de 2010).
Sinta-se livre para editá-la para que esta possa atingir um nível de qualidade superior.

[carece de fontes?] Captação de Recursos (em inglês Fundraising) é a ação desenvolvida pelas organização sem fins lucrativos para que, a partir de um conjunto de estratégias e processos, levantem e mobilizem recursos financeiros para o financiamento da e a sustentabilidade institucional.

A função da captação de recursos nas organizações leva as pessoas, empresas, governos e outros atores a doar voluntariamente recursos financeiros.

Muitas vezes para falar sobre este conceito, falamos em "captação de recursos", "mobilização de recursos" ou "desenvolvimento institucional". O planejamento estratégico das ações de divulgação, da missão e dos projetos das organizações em sintonia com os objetivos de longo prazo, a gestão de tecnologia, informática de bases de dados dos doadores, a estratégia da comunicação ou o relacionamento com os grandes doadores.

A Captação de Recursos, atua com um planejamento e sua concretização a partir de uma concepção de marketing, através de meios e modos de comunicação que permitam conquistar o maior numero possível de doadores e apoiadores atuais ou potenciais.

Tradicionalmente, a captação de recursos consistia principalmente em pedir doações na rua ou nas portas das pessoas, mas novas formas como captação de recursos online e crowdfunding emergiram nos últimos anos, embora a maioria das organizações no Brasil ainda utiliza métodos mais antigos.

Organizações[editar | editar código-fonte]

No Brasil, a organização que agrega os profissionais de captação de recursos chama-se ABCR - Associação Brasileira de Captadores de Recursos.

O Código de Ética e Padrões da Prática Profissional[1] dos Captadores de Recursos é o documento que propõe-se a regulamentar a profissão.

Uma das empresas especializadas em tecnologia para captação de recursos no Brasil é a Trackmob

Captador de Recursos[editar | editar código-fonte]

O Captador ou captadora de recursos, junto com a direção da organização não-governamental (ONG), é quem irá liderar o processo de planejamento de mobilização de recursos e a sua implementação.

É a pessoa que possui uma visão generalista da organização, conhecendo sua causa e seus projetos, o que propor para alavancar as receitas e garantir a sustentabilidade da estrutura e das atividades da ONG.

Ao mesmo tempo, é o captador que precisará ter também uma visão de especialista, sabendo trabalhar, a depender do seu papel na organização, com doações de indivíduos, de famílias, de heranças, das empresas, dos governos, por meio de editais, etc.

Por isso, capacitação é fundamental para esse profissional e uma obrigação no investimento de todas organizações. Não existe “faculdade de captação de recursos”. Todas as oportunidades de qualificação técnica oferecidas a esses profissionais devem ser aproveitadas. [2]

Notas e Referências[editar | editar código-fonte]

GIFE

Captamos

Referências