Angus Deaton

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Angus Deaton Medalha Nobel
Nascimento 19 de outubro de 1945 (73 anos)
Edimburgo, Escócia, Reino Unido
Nacionalidade Britânico, estadunidense
Alma mater Universidade de Cambridge
Ocupação Economista
Prêmios Medalha Frisch (1978), Prêmios Fronteiras do Conhecimento (2011), Nobel de Economia (2015)
Principais interesses Medição da pobreza global, economia da saúde, desenvolvimento económico
Página oficial
Angus Deaton

Angus Stewart Deaton (Edimburgo, Escócia, 19 de outubro de 1945) é um microeconomista escocês naturalizado americano. Em 2015 foi distinguido com o Prémio de Ciências Económicas em Memória de Alfred Nobel pela sua "análise do consumo, pobreza e bem-estar".

Educado na faculdade de Fettes em Edimburgo, Deaton obteve o seu BA, MA e Ph.D. na Universidade de Cambridge em 1975 com a tese titulada "Modelos de procura dos consumidores e sua aplicação no Reino Unido", onde foi bolsista no Fitzwilliam College e trabalhou com Richard Stone e Terry Barker no Departamento de Economia Aplicada.

Deaton foi professor de Econometria na Universidade de Bristol antes de se mudar em 1983 para a Universidade de Princeton, onde a sua nomeação foi sugerida por John P. Lewis, ex-decano da WWS. Presentemente trabalha como professor na cátedra «Dwight D. Eisenhower» de Relações Internacionais e é professor de Economia e Assuntos Internacionais na Escola Woodrow Wilson e no Departamento de Economia de Princeton.

Deaton formulou o Paradoxo de Deaton baseado na observação do excesso de suavidade do consumo face a choques de rendimento permanente não previstos. Adicionalmente à análise de comportamento doméstico ao nível microeconómico, as áreas de investigação de Deaton incluem a medição da pobreza global, a economia da saúde e o desenvolvimento económico.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Economics and Consumer Behavior, New York: Cambridge University Press. (450 pp.) (with J. Muellbauer).
  • Understanding Consumption, Oxford. Clarendon Press, 242 pp. (The 1991 Clarendon Lectures in Economics.) Spanish translation, El Consumo, Madrid, 1995. Chinese translation, 2003.
  • The Analysis of Household Surveys: A Microeconometric Approach to Development Policy, Baltimore, Johns Hopkins University Press for the World Bank, 1997. (479 pp.)
  • "The Great Indian Poverty Debate" edited by Angus Deaton and Valerie Kozel, New Delhi: Macmillan India Ltd., 2005.
  • The Great Escape: Health, Wealth, and the Origins of Inequality, Princeton: Princeton University Press, 2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Jean Tirole
Prêmio de Ciências Econômicas em Memória de Alfred Nobel
2015
Sucedido por
Oliver Hart e Bengt Holmström