Anita Blanch

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Anita Blanch
Nome completo Ana María Blanch Ruiz
Nascimento 26 de julho de 1910
Sagunto, Espanha
Nacionalidade espanhola
Morte 23 de abril de 1983 (72 anos)
Cidade do México, México
Ocupação Atriz
Outros prêmios
Diosa de plata de melhor co-atuação feminina

Anita Blanch (Sagunto, 26 de julho de 1910Cidade do México, 23 de abril de 1983) foi uma atriz espanhola naturalizada mexicana. Tornou-se conhecida por escrever telenovelas da Televisa durante a década de 1960.[1]

Venceu o Diosa de plata de melhor co-atuação feminina em Tlayucan e foi indicada a três categorias do Ariel, por La barraca, Los días del amor e Presagio, em 1947, 1973 e 1975, respectivamente.[2]

Referências

  1. «Cópia arquivada». Consultado em 17 de janeiro de 2014. Arquivado do original em 2 de abril de 2015 
  2. «Cópia arquivada». Consultado em 17 de janeiro de 2014. Arquivado do original em 15 de dezembro de 2009 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Enrique Sánchez Oliveira, Aproximación histórica al cineasta Francisco Elías Riquelme (1890-1977), Número 2 de Serie Ciencias de la comunicación, Universidad de Sevilla, 2003, ISBN 8447207846, 9788447207848
  • Cuadernos de la cineteca nacional, Número 7, 1976

Ligações externas[editar | editar código-fonte]