António Ferro (mestre de Música)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para escritor, jornalista e político português, veja António Ferro.

António Ferro (Portalegre, século XVI — Portalegre?, século XVII) foi um compositor e mestre de Música português ativo durante o Renascimento.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Sé de Portalegre

Sabe-se muito pouco da vida de António Ferro. Nasceu no século XVI em Portalegre e recebeu formação musical do grande mestre Manuel Mendes.[1] Este também formou outros nomes cimeiros da Música portuguesa do Renascimento como Duarte Lobo, Filipe de Magalhães, Manuel Cardoso e Manuel Rebelo; contudo, da produção musical de António Ferro nada se conhece.[2]

A importância deste músico portalegrense advém da sua atividade como mestre na Sé de Portalegre. Diogo Barbosa Machado caracteriza-o como um "grande" professor, embora não lhe dedique uma entrada na sua obra Biblioteca Lusitana.[3] Foi da sua escola que saíram compositores como Manuel Leitão de Avilez (mestre de capela em Úbeda e Granada), Manuel de Tavares (mestre de capela em Baeza, Múrcia, Las Palmas e Cuenca) e João Baptista Gomes (capelão em Vila Viçosa). Morreu em data desconhecida, já no século XVII.[2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Castilho, Maria (janeiro de 2009). «A Vida e Obra de Manuel de Tavares». Revista de Musicología. 32 (1): 145-153 
  2. a b Vieira, Ernesto (1900). Diccionario Biographico de Musicos Portuguezes. Lisboa: Tipografia Matos Moreira e Pinheiro 
  3. Machado, Diogo Barbosa (1741). Bibliotheca Lusitana. Lisboa: Oficina de António Isidoro da Fonseca 
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) compositor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.